Defesa & Geopolítica

Morre o projetista Nelmo Suzano

Posted by

Nelmo Suzano e sua submetralhadora S.M. MOD.3

Ronaldo Olive

Aos 83 anos de idade, faleceu no Rio de janeiro neste último dia 4 de Setembro o projetista Nelmo Suzano. Infelizmente, este capixaba internacionalmente reconhecido por diversos projetos avançados de armas de fogo não conseguiu receber o desejável apoio em nosso país para levar adiante a maioria de suas ideias.

A partir da metade da década de 1950, ele e seu amigo Olympio Vieira de Mello Filho (criador da submetralhadora Uru) trabalharam juntos na fabricação artesanal de fuzis de caça nos chamados calibres africanos (. 458 Winchester Magnum, .460 Weatherby Magnum, .470 Nitro Express, etc.), armas de excepcional qualidade e que, até hoje, fazem parte de valiosas coleções particulares.

Algum tempo depois, fazendo parte da firma carioca Bérgom S.A., desenvolveu diversos modelos de submetralhadoras 9x19mm, alguns dos quais atingindo a fase de reduzidos lotes de pré-série.

Lado a lado, dois inesquecíveis protótipos LAPA do início da década de 1980, o fuzil LAPA “bullpup” calibre 5,56x45mm e a carabina calibre .22LR de tiro seletivo.

Em 1978, ele começou a trabalhar independentemente no desenvolvimento de um fuzil “bullpup” calibre 5,56x45mm, cujo protótipo F.A. MOD. 3 ficou pronto em 1982 através da firma LAPA – Laboratório de Projetos de Armamento Automático.

Submetido a testes oficiais de homologação pelo Exército no Campo de Provas da Marambaia, enfrentou sérios problemas, todavia, diretamente atribuídos à qualidade da munição nacional então utilizada. Fatores internos de administração na firma, acabaram forçando o abandono do projeto.

Também pela LAPA, ele construiu protótipos de uma submetralhadora 9×19 mm, a S.M. MOD. 3 (aprovada na Marambaia), e duas carabinas calibre .22LR, uma delas, de tiro seletivo.

Nelmo Suzano, posteriormente, fez trabalhos de projetos para a ENARM, com sede em Nova Friburgo, RJ, deles resultando protótipos de uma espingarda de repetição calibre 12, a Pentagun, e de compactas submetralhadoras 9×19 mm, as MSM.

Em 1998, numa tentativa final, o brilhante projetista criou uma firma (N.S. Projetos Termobalísticos S/C Ltda.) com a qual procurou levar viabilizar três projetos de armas 5,56x45mm também em configuração “bullpup”, um fuzil de assalto, uma carabina e uma metralhadora leve de apoio. Não conseguiu.

Seu estado de saúde gradualmente agravou-se nos últimos anos.  Nelmo deixa uma irmã e incontáveis amigos e reais apreciadores de seu trabalho.

Fonte: Tecnologia & Defesa

 

10 Comments

shared on wplocker.com