Defesa & Geopolítica

Síria informa à ONU fim das operações contra opositores

Posted by

Presidente sírio, Bashar al Assad

O presidente sírio, Bashar al Assad, informou ao secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, que as operações militares contra opositores foram suspensas, revelou um porta-voz da ONU.

Assad respondeu assim a um pedido de Ban, que telefonou ao presidente sírio para solicitar o fim da repressão.

“Todas as operações militares e as prisões em massa vão cessar de forma imediata”, revelou o porta-voz da ONU Farhan Haq.

“O secretário-geral expressou seu alarme pelos recentes informes sobre persistentes violações dos direitos humanos e pelo excessivo uso da força por parte das forças de segurança sírias contra civis em todo o país”.

Haq destacou a situação na cidade de Latakia, onde milhares de palestinos foram abandonados em campos de refugiados.

Segundo o porta-voz, Ban “enfatizou que todas as operações militares e prisões em massa deveriam cessar de imediato, e o presidente Assad respondeu com sua pronta suspensão”.

“O secretário-geral reafirmou seus apelos para que haja uma investigação independente sobre as mortes e os atos de violência ocorridos na Síria, e pelo livre acesso dos meios de comunicação”.

Ban também pediu à Síria que colabore plenamente com o Comissário da ONU para os direitos humanos sobre a investigação dos fatos.

O secretário-geral exortou Assad a iniciar “um processo de reforma que seja crível e pacífico” e o presidente sírio enumerou as mudanças que pretende realizar “nos próximos meses”, incluindo uma reforma constitucional e eleições.

Damasco aceitou receber uma missão humanitária das Nações Unidas e Ban pediu que os funcionários da ONU tenham pleno acesso a todas as zonas afetadas pela violência, o que teve o aval do presidente sírio.

O Conselho de Direitos Humanos da ONU, por sua vez, convocou para a próxima segunda-feira uma sessão especial sobre a situação na Síria a pedido da União Europeia (UE) e dos Estados Unidos.

“Teremos uma sessão especial do Conselho sobre a situação dos direitos humanos na Síria”, afirmou um porta-voz do organismo, Cedric Sapey.

A sessão também foi solicitada por outros membros do conselho, incluindo quatro países árabes: Jordânia, Kuwait, Arábia Saudita e Qatar.

Fonte: YAHOO

7 Comments

  1. Só uma coisa quando IRSAEL ataca BEIRUTE,CIRJORDANIA niguem nao fala nada!!!
    Agora se a SIRIA ataca algo nossa da um bafafa!!!
    Olha nao sou a favor da SIRIA mas IRSAEL também tem que ser punido!!!
    Valeuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu

  2. Gustavo G says:

    Vamo Assad, mesmo com essa sua indole altamente duvidavel, creio que voce é inteligente o suficiente para fazer o que voce acabou de afirmar.
    Antes sair relativamente por cima, do que mergulhar seu pais e seu povo em uma guerra, que logo logo se extenderia para toda a regiao

  3. KLM says:

    Interesante ver o Povo (YANKES)se importando com os Problemas internos da Siria
    E os Curdo levando bombardeio eo Povo(YANKES)apoiando.
    Se os Curdos tivese alguma coisa pra oferece como Siria deve ter concerteza tavao la mentindo que sao afavor da Paz E liberdade
    Povinho que acredita nisso vive Numa Disney da Inlusao

  4. Wi says:

    “Haq destacou a situação na cidade de Latakia, onde milhares de palestinos foram abandonados em campos de refugiados.”
    —————————————–
    Este é um fator frequentemente esquecido na “equação Síria”, os refugiados….
    .
    A Síria recebeu milhões de refugiados tanto palestinos cuja responsabilidade seria israelense.
    .
    Como recebeu mais de 2 milhões de iraquianos que se refugiaram na Síria por causa da invasão do Iraque. E a responsabilidade por estes milhões de refugiados da invasão estadunidense é do EUA…
    .
    Desastres humanitários estes, infinitamente piores em seus efeitos, do que a repressão do governo Sírio.
    .
    Más dos direitos humanos destes milhões de seres humanos mortos, ou expulsos de suas casas e países, não se fala nada. nem ONU, nem mídia, tocam no assunto…Haja hipocrisia!

  5. Isso chama -se dois peso e duas medidas ,uma diferente da outra claro, os curdos nada valem na balança do poder já os outros…

  6. .
    .
    E Egito virou uma democracia e tanto né…
    .

  7. lucena says:

    É muita mentira e muitos mortos e feridos,nessa conversa toda.
    .
    Esse canastrão fratricida,deveria pagar pelos seus pecados lá na “zebulândia”,onde está o Sadam e onde deveria está o Bush e o benjamim(O bibizinho),todos serão convocados pelo tinhoso para jogar no time dele,lá da “zebulândia”.Rsrsrs….

shared on wplocker.com