Defesa & Geopolítica

Patriota: alegação de terrorismo na fronteira ‘não preocupa’

Posted by

http://www2.2space.net/images/upl_news/110214/1297638603.jpgPara o ministro das Relações Exteriores, Antonio de Aguiar Patriota, a presença de terroristas na tríplice fronteira entre Brasil, Argentina e Paraguai não passa de “especulação”. Em entrevista ao programa Bom Dia Ministro nesta sexta-feira, o chanceler disse que representantes dos três países têm se reunido com os Estados Unidos e que estão vigilantes quanto a questão, mas que nunca houve comprovação da ação de terroristas na região. “Isso não preocupa. Continuaremos atentos, mas não vamos deixar alegações se transformarem em acusações”, afirmou.

Segundo Patriota, o que existe é a presença de imigrantes e descendentes árabes e palestinos, “que com certeza mandam recursos financeiros a seus países, como acontece com qualquer imigrante em qualquer país do mundo”.

Tráfico
Uma preocupação real em relação à fronteira seria o tráfico de armas e drogas. Segundo Patriota, o combate às drogas se dá em parceria com os países vizinhos, através de ações da Unasul (União de Nações Sul-Americanas), que conta com um Conselho Antidrogas, no qual trocam informações e identificam estratégias para lidar com o problema.

O ministro acredita que hoje o Brasil é visto como agregador, estando em seu 10º mandato no Conselho de Segurança da ONU, o qual está presidindo neste mês de fevereiro. A participação no Conselho gerou a indicação do país para comandar missões de paz no Haiti e no Líbano. “Mais que traçar estratégias militares, queremos aproveitar a presença no conselho das Nações das Unidas para dar apoio ao desenvolvimento social e econômico de outros países”, disse.

Fonte: Terra

8 Comments

shared on wplocker.com