Defesa & Geopolítica

Deu no CAVOK: Turquia vai reescrever códigos-fontes de softwares de 204 caças F-16

Posted by

A Turquia possivelmente poderá reescrever o código-fonte dos softwares dos sistemas de armas de 204 caças F-16. (Foto: Força Aérea da Turquia)

A administração dos EUA concordou a princípio, há quase dois meses, em transferir as informações sobre os códigos fontes dos softwares dos caças F-16 fabricados pela norte americana Lockheed Martin para a Turquia.

Uma vez que o acordo for concluído, e se aprovado pelo Congresso dos EUA, a Turquia terá a capacidade de automaticamente modificar os códigos fontes dos softwares de sistemas de armas dos caças com os códigos fontes dos softwares nacionais, disseram fontes do governo dos EUA que pediram para permanecer no anonimato. A Turquia vai se tornar a primeira nação entre as 26 que possuem caças F-16s em seus inventários que terão a capacidade de receber as informações sobre códigos-fontes dos caças F-16 – principalmente nos softwares dos sistemas de armas – permitindo assim que possam ser substituídos por códigos fontes de softwares nacionais sempre que necessário.

Uma vez que a Turquia e os EUA completarem as cerca de 50 páginas de detalhes técnicos sobre a natureza da transferência de tecnologia dos EUA, um acordo deve ser assinado, enquanto se aguarda a aprovação do Congresso EUA.

O Congresso dos EUA há muito tempo impediu as transferências de armas para a Turquia, membro da OTAN, principalmente em reação às suas relações tensas com Israel.

No entanto, o governo dos EUA recentemente solicitou ao Congresso dos EUA a venda de três helicópteros de ataque AH-1W Super Cobra à Turquia. Isto indica um abrandamento por parte do Congresso em relação à Turquia.

A Turquia fez um pedido de longa data para unidades de helicópteros Super Cobras, pois está com uma escassez destes helicópteros, exigidos na sua luta contínua contra os rebeldes terroristas Trabalhadores do Curdistão (PKK), que têm aumentado seus ataques violentos nos últimos tempos.

Entretanto, não está claro se o governo dos EUA vai solicitar ao Congresso dos EUA uma autorização para um outro pedido de longa data da Turquia, para a venda de quatro veículos aéreos não tripulados Predator (UAVs) e dois UAVs armados Reapers.

No entanto, algumas das armas, incluindo os Predators que os EUA supostamente se comprometeram a transferir para a Turquia, uma vez que as tropas forem retiradas do Iraque em dezembro deste ano, foi dito que as aeronaves não estão sujeitas à aprovação do Congresso dos EUA. Estas são armas que os EUA usaram durante a guerra no Iraque.

Ligação com Mísseis de Defesa

A Turquia possui um contrato com a Lockheed para modernizar na TAI 213 caças F-16. (Foto: TAI)

Fontes dos EUA afirmaram que Washington concordou em princípio para transferir as informações, principalmente sobre os sistemas de armas do F-16 para que a Turquia possa integrar por si só os códigos fonte de software nacionais, porque a Turquia tem seguido uma política muito persistente sobre o assunto.

No entanto, a aprovação da Turquia para implantar um sistema de radar dos EUA, apoiando o Sistema de Defesa de Mísseis da OTAN em seu solo ficou entendido como que desempenhado um papel importante no acordo na transferência do código fonte por parte de Washington, principalmente relativo aos sistemas de armas dos F-16s para a Turquia. A Turquia concordou no mês passado em sediar um poderoso sistema de radar fornecido pelos EUA para atuar como um vigilante avançado do escudo contra mísseis balísticos em camadas que possam vir de fora da Europa.

O radar de vigilância AN/TPY-2 instalado na Turquia irá aumentar a capacidade do escudo contra o Irã, o qual Washington alega que está tentando construir armas nucleares, acusação que Teerã nega.

“Ao concordar com a transferência da informação nos sistemas de armas dos F-16 para que a Turquia possa integrá-los automaticamente com os códigos fonte de softwares nacionais, os EUA procuraram aliviar as tensões com o seu aliado da OTAN, o que é importante na salvaguarda dos interesses dos EUA no Oriente Médio. Os EUA também coloca forte ênfase ao ver as relações turco-israelense normalizarem”, disse a fonte dos EUA.

50 sistemas de armas em cada F-16

Cada F-16 possui cerca de 50 sistemas de armas. A Força Aérea da Turquia será o primeiro país usuário do caça a poder reescrever o código fonte. (Foto: Força Aérea da Turquia)

A Lockheed Martin este ano começou a fornecer para Turquia 14 unidades de caças F-16C e 16 modelos bipostos F-16D, através de um acordo assinado em maio de 2007. O custo total dos adicionais 30 caças F-16 para a Turquia é de US$ 1,78 bilhões.

Sob um contrato separado assinado em abril de 2005 entre a Turquia e os EUA, 213 caças F-16 turcos serão modernizados a um custo de US$ 1,1 bilhões na Turkish Aerospace Industries (TAI) de Ancara. A Turquia será capaz de mudar os códigos de software dos sistemas de armas em um total de 204 caças F-16 com os códigos-fonte dos softwares nacionais, caso um acordo final seja alcançado com os EUA.

Existem 50 tipos diferentes de sistemas de armas em cada F-16 que são secretos.

Fonte: Today’s Zaman via Cavok – Tradução: Cavok

24 Comments

  1. Ñ são nada bobos esses Turco, estão mt certos,deveriam já terem feitos isso a mt tempo. sds.

  2. gelson says:

    É OQUE O BRASIL QUER,CARLOS O BRASIL TEM NAS MÃOS FRANÇA E SUECIA,E OS EUA ESTÃO MEIO COM MEDO,MAS É SÓ O BRASIL ESCOLHER E PRONTO,COISA QUE ESTA DEMORANDO,MAS COMPARTAR 204 CONTRA 36 É UMA DIFER MUI GRANDE,E OS EUA NÃO QUEREM PERDER UM CLIENTE COMO A TURQUIA.

  3. capa preta says:

    os turkos tem forças de respeito, e na região do mundo onde se encontram precisam ter mesmo !!!

  4. Kaio says:

    Isso aí de reescrever os códigos fontes e a modernização na TAI é o know-how inicial para a produção dos caças próprios deles. Será que mais alguém viu isso ? Ou estou louco ?

  5. R22 says:

    Só que no caso do Brasil estaremos “comprando” a transferência de tecnologia. E só fazer as contas. Estaremos pagando cerca 220 milhões de dólares por cada Rafale enquanto o preço “de prateleira” dele gira em torno de 120.
    Mas o F-16 e uma ótima aeronave e merecem ser modernizadas. E a Turquia mais um passo a frente para sua independência tecnológica.
    Mas logo vai ter gente postando que o F-16 Nao presta porque tem só uma turbina…sds.

  6. Dandolo says:

    Será que os americanos poderão desativar o código dessas aeronaves via sinal de satélite ? Tecnologicamente é possível.

  7. Armando says:

    A Turquia está certa.Seguro morreu de velho.

  8. Os Turcos tem 204 caças de 1 linha, e o BRASIL na dúvida de comprar 30 e ou 50 caças ?Afinal ,quem tem + grana?Pq um com tanto e nós com nenhum? Qual a razão?Os Turcos já estão pensando em caças de 5 geração e nós de teco-teco..Pq tanto disparete?Com a palavra quem sabe ainda + das coisa, fale ( escreva) eu te escuto (leio c mt atenção ) sds.

  9. Carlos Augusto says:

    É duro mas nem tudo que é oferecido pra outras nações os EUA oferecem para o Brasil, e ainda aparece algumas pessoas querendo nos fazer acreditar que o tratamento dos americanos com o Brasil é tratamento de parceiros de país amigo.

  10. ALEXANDRE says:

    De prateleira ou não, essa foto com vários F16 alinhados é simplesmente linda, que inveja.

  11. antonio says:

    O Carlos tem razão: se A Turquia tem , entre outros, 200 caças f-16, e o Brasil numa dificuldade enorme pra encomendar 36 caÇAS, ora, a Turquia é que é uma das maiores economias do mundo, não o Brasil! A verdade é que a Turquia tem mais grana disponível, pra gastar, que o Brasil! O resto é conversa…

  12. caiozin says:

    Se juntarmos todos os aviões de COMBATE da FAB vamos ter cerca de 200 aeronaves, mais da metade desses caças são turboélice (A-29 E T-27) Que não chegam a ser supersônicos.
    A FAB tem cerca de 700 aeronaves e apenas 300 delas estão em condições de voar…. A TURQUIA SÓ DE F-16 TEM MAIS DE 200 ?
    ESTAMOS BEM……;)

  13. xtreme says:



    204 caças… tambem com Irã e Israel como vizinhos…rsrsrs

    aqui temos Hermanos (sopão comunitário) e Indiarada (pó branco oficial) como vizinhos… vamos de F5 refurbished que ta maraaaaa…rsrsrs

    ps. hj em dia… avião caça com um unico motor.. serve mais para patrulhar não atacar… se quer se defender com exito..ataque primeiro

  14. Afonso says:

    Meu querido Carlos Argus,
    Nada sei, mas sempre me esforço para entender.
    Últimamente, já não tenho saco pra ler tantas incoerências que aqui são postadas. Agradeço ao blog pela opurtunidade que dá a todos os brasileiros de expressarem suas idéias. Mas, realmente, para nós, falta muita cultura.
    Parabens a você, Carlos Argus, pois te acompanho à muito tempo. Até a sua fraze “para ontem”, já é plagiada por muitos. Você progrediu muito. Somente por seu último post, você mereceria o “Oscar” dos comentários em blogs.
    Progredir, é isso aí. Não é fácil e também não é barato.
    Mas sei que hoje, você sabe que vale a pena. Isso vale tudo.
    Desejo, muitas felicidades a você. E que os outros, que somente sabem criticar, aprendam contigo.
    Afinal, ao longo de tantos anos, você sempre, de uma maneira ou outra, esteve presente em qualquer artigo aqui publicado.
    E se és parceiro do blog (que tome a dor o proprietário dele) estás de parabéns pela evolução.
    Um abraço a todos.

  15. Afonso says:

    Oi Bosco! Te adoro e admiro. E muito!
    Se puder detalhar os motivos de reescreverem estes códigos, todos nós o agradeceremos.
    Seria somenter para a integração de novas armas?
    Teria outras coisas envolvidas, tais como, detecção da aeronave?
    Outro abraço.

  16. NobruRJ says:

    O Brasil tem que parar de FRESCURA e comprar logo 150 caças modernos de prateleira, e aí continuar atrás do sonho desses 36 com transferência…

  17. Um PW?!?! Valeu Afonso, + o importante e o país, o n povo e seu bem estar, e sair-mos desta mesmice , quer militar quer social.E p ontem.

  18. Valeu Afonso eu quiz dizer um OSCAR!?! e falei do Nobel…obrigado, amigo.

  19. Valeu Afonso, eu queria dizer Oscar e escrevi PW, e vou melhorar ainda + lendo os cometários dos outros colegas, e mt obrigado..e p ontem.

  20. Falou e disse NobruRJ, uns 150 Su35BM p a FAB e 50 rafales p a n MB , e assim cumprimos o n acordo c o franceseses e recebemos a transferência de T&T dos mesmso, p ontem.

  21. ViniciusSH says:

    Quando vcs vão para de sonha com o Su35BM ?

  22. camilo says:

    Caralho 204 caças e o Brasil fica de cú doce para comprar 36 putos caças então se o Brasil vai comprar 204 como tem Turquia,será como pagar a divida externa passando de presi a presi,incluso venezuela es superior ao Brasil no ar.

  23. O brasil é um país sem governo, o que existe aqui são quadrilhas que controla os cargos públicos com a unica intenção de pilhar e saquear os brasileiros… tumores malignos, bastardos traidores da nação, covardes, vagabundos, essa traição vai nos custar uma derrota e uma humilhação futuramente, seremos dominados e escravizados por potencias estrangeiras…

  24. Bosco says:

    Afonso,
    Não havia visto seu comentário por isso não respondi antes.
    Sobre os códigos fontes dos F-16 turcos sei tanto quanto você, tendo tomado conhecimento acerca do tema com esse artigo do PB.
    Penso eu que essa possibilidade de reescrever os códigos fontes seja mesmo para poder integrar armas feitas na própria Turquia, que tem sido pródiga no desenvolvimento de armas avançadas nos últimos 15 anos.
    Vamos ver se mais informações sobre o tema serão divulgadas para que possamos ter uma melhor visão das razões turcas, e americanas.
    Um grande abraço meu amigo.

shared on wplocker.com