Defesa & Geopolítica

Calendário das Próximas Missões de Foguetes Brasileiros Além Mar

Posted by

http://1.bp.blogspot.com/_x2tsYqz5q3c/SxRucfgRH9I/AAAAAAAABgg/VCovckdOZD8/s320/Foto+2.jpgPor Duda Falcão

A partir de novembro até o mês de fevereiro de 2012 o Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE) estará dando suporte a cinco operações de lançamento estrangeiras que se utilizarão de foguetes brasileiros. Dessas cinco operações, duas já estão confirmadas, duas estão pré-confirmadas e uma depende ainda de confirmação. Abaixo segue uma descrição dessas operações:

OPERAÇÃO TEXUS 48 (Confirmada)

Data de Lançamento: Janela aberta a partir de 04/11

Local: Centro Espacial de Esrange (Suécia)

Foguete: VSB-30

OBS: A “Operação Texus 48” faz parte do Programa Europeu de Microgravidade (PEM) e tem como objetivo carregar experimentos para serem testados em ambiente de microgravidade. Este lançamento será o décimo segundo desse bem sucedido foguete brasileiro, sendo o nono vôo realizado na Europa. (Veja a descrição e vídeo do lançamento da “Operação Texus 49”, ocorrida em 29/03/2011).

OPERAÇÃO MASER 12 (Confirmada)

Data de Lançamento: Janela aberta a partir de 26/11

Local: Centro Espacial de Esrange (Suécia)

Foguete: VSB-30

OBS: A “Operação Maser 12” faz parte do Programa de Microgravidade coordenado pelo Swedish Space Corporation (SSC) e tem como objetivo carregar experimentos suecos e de outros países para serem testados em ambiente de microgravidade. Este lançamento será o décimo terceiro desse foguete brasileiro, sendo o décimo vôo realizado na Europa.

OPERAÇÃO HIFIRE 5 (A ser confirmada)

Data de Lançamento: Novembro

Local: Centro de Lançamento de Woomera (sul da Austrália)

Foguete: VS-30/Orion

OBS: A Operação HIFIRE 5” faz parte de um programa chamado “Hypersonic International Flight Research Experimentation (HIFiRE)”, coordenado pelo Defence Science and Technology Organisation (DSTO) da Austrália e pelo US Air Force Research Laboratory (AFRL) dos EUA, e tem como objetivo investigar a ciência fundamental da tecnologia hipersônica e o seu potencial para geração de novos sistemas aeronáuticos. Vale lembrar que desde que esse foguete (composto pelo motor brasileiro S-30 em seu primeiro estágio, e pelo motor americano Improved Orion em seu segundo estágio) foi lançado em parceria com o DLR (Centro Aeroespacial Alemão) pela primeira vez do Centro de Lançamento de Alcântara (CLA) em 21/08/2000 (“Operação Baronesa”), já foram lançados cinco foguetes deste tipo, sendo dois no Brasil e três na Europa. Vale lembrar também que esse foguete foi utilizado no Programa Shefex (“Operação Shefex I”), no Programa HotPay (“Operação HotPay 2”) e no Programa ICI (“Operação ICI-2”), todos europeus. Em minha modesta opinião o sucesso desse vôo é extremamente importante para o IAE e para as indústrias brasileiras envolvidas com a confecção desse motor S-30, já que poderá abrir uma nova janela de oportunidades comerciais para o mesmo, tanto na Austrália como nos EUA. Entretanto, mesmo sendo uma negociação via DLR, em nossa opinião deveria haver negociadores do governo oferecendo esse motor e outros foguetes brasileiros mundo afora, mas infelizmente falta visão a essa gente, e pior, vontade política de apoiar esse setor importantíssimo para o desenvolvimento de nossa indústria aeroespacial e conseqüentemente de nossa sociedade.

OPERAÇÃO ICI-3 (Pré-confirmada)

Data de Lançamento: Dezembro

Local: Sítio de Lançamento de Svalbard (Andoya Rocket Range – Noruega)

Foguete: VS-30/Orion

OBS: A “Operação ICI-3” faz parte de um programa de estudos trilateral da ionosfera coordenado pela Universidade de Oslo (UiO) da Noruega, pelo Instituto de Ciência Espacial e Astronáutica da Agência Espacial Japonesa (ISAS/JAXA) e pelo Laboratório de Física dos Plasmas (LPP) da França. Vale lembrar que se o cronograma for seguido, este deverá ser o sétimo lançamento desse foguete, sendo o quinto a ser lançado fora do Brasil.

OPERAÇÃO SHEFEX II (Pré-confirmada)

Data de Lançamento: Fevereiro de 2012

Local: Andoya Rocket Range (Andoya – Noruega)

Foguete: VS-40

OBS: A “Operação SHEFEX II” faz parte do programa alemão “SHarp Edge Flight EXperiment (SHEFEX)” que conta com a participação brasileira desde o seu inicio através do fornecimento dos veículos lançadores. Será o terceiro vôo desse versátil foguete que foi desenvolvido pelo IAE para testar tecnologias que seriam empregadas do VLS-1. Até agora o mesmo só foi utilizado em duas oportunidades (“Operação Santa Maria” e “Operação Livramento”) ambas no Brasil e se for bem sucedido nesse vôo, poderá abrir também uma janela de oportunidades para sua comercialização na Europa. Vale lembrar que essa missão alemã levará abordo um experimento brasileiro relacionado com o Programa da SARA Orbital.

Fonte: BrazilianSpace

47 Comments

shared on wplocker.com