Defesa & Geopolítica

Novas viaturas da PM do Rio tiram nota zero em teste de segurança

Posted by

Associação identificou riscos de ferimento grave em caso de batida

Lucas Vettorazzo

As 290 novas viaturas da Polícia Militar compradas pelo governo do Rio são de modelo que tirou nota zero em teste de segurança da Latin NCAP, associação de consumidores automotivos que promove testes com os principais carros vendidos no país.

O modelo mais recente do Ford Ka Sedan será adotado nas ruas do Rio pela polícia a partir do mês que vem. Testes feitos no ano passado mostraram que o veículo tem “proteção pobre” para a região do peito dos ocupantes em casos de batidas laterais a pelo menos 64 km/h. Segundo a associação, há possibilidade de os ocupantes do banco dianteiro terem ferimentos com risco de morte em caso de acidente. Também foi observado que a porta traseira do veículo se abre durante uma colisão, podendo o passageiro de trás ser expelido de dentro do carro.

No caso de uma batida frontal, a proteção para o peito e as pernas do condutor foram consideradas “marginais”. O resultado final, segundo a associação, é “extremamente desapontador”. A nota zero num conceito que vai até cinco estrelas é um alerta para os consumidores do Ford Ka, terceiro modelo mais vendido no país. Na PM, a preocupação é redobrada, já que os carros serão usados no patrulhamento, perseguições a suspeitos e incursões em favelas.

O modelo a ser utilizado, no que diz respeito a itens de segurança, é igual a um que sai da fábrica para o consumidor comum. As únicas mudanças são de pintura e lanternagem, feitas com as características da viatura da PM. A Ford venceu a licitação aberta pelo governo do Rio no início deste ano para o fornecimento de 580 viaturas. A empresa venceu a disputa com oferta R$ 1,4 milhão abaixo do valor original previsto no edital, de R$ 37,6 milhões.

A Ford foi a única a apresentar propostas. O Ford Ka não é o único modelo popular com mau desempenho no teste da Latin NCAP. Carro mais vendido do país, o Chevrolet Onix recebeu três estrelas para impacto lateral neste ano, após ter zerado no teste no ano passado. A montadora reforçou a estrutura de absorção de impacto nas portas. O Volkswagen Fox, por exemplo, obteve quatro estrelas, em teste de 2015 —último desse modelo.

A associação Latin NCAP tem entre seus integrantes o instituto Proteste, de defesa do consumidor. Os testes são feitos na Alemanha seguindo normas de segurança para veículos de passageiros estabelecidas pela ONU (Organização das Nações Unidas) desde 1995 e atualmente obrigatórias na Europa. A PM do Rio poderia exigir medidas extras de segurança ao modelo, que possui airbag frontal e freios ABS.

No edital de licitação, porém, a palavra segurança é usada apenas para designar a área de atuação dos veículos —no caso, a segurança pública. A segurança dos ocupantes não é uma exigência do edital. Para o secretário geral da Latin NCAP, Alejandro Furas, o modelo não deveria ser usado para trabalho das polícias. “O carro brasileiro, do jeito que sai hoje da fábrica, não poderia ser vendido na Europa, por exemplo”, diz Furas. “Esse carro é desaconselhado para ser usado pelas polícias.” Apesar de a licitação ter sido feita em janeiro deste ano, o interventor federal na segurança pública do Rio, general Walter Braga Netto, tem anunciado a chegada das viaturas como um passo da sua gestão em direção ao objetivo maior, que é a tentativa de “restaurar a capacidade operativa das polícias”, por meio de investimentos em equipamentos e pessoal. A frota atual da PM é de 5.350 carros.

Desse total, 3.323 estão em serviço. Há 1.838 carros inutilizados ou em manutenção. Outras 189 viaturas estão paradas em inquérito técnico (quando são baleadas, por exemplo, passam por inquérito técnico). A polícia prepara concorrência para manutenção de sua frota, no valor de R$ 93 milhões, ainda sem prazo.

OUTRO LADO

A reportagem procurou a Secretaria da Segurança Pública do Rio e o Gabinete de Intervenção Federal e o CML (Comando Militar do Leste), mas não obteve respostas. A PM afirmou que o edital seguiu critérios técnicos e legais e foi realizada ampla pesquisa de mercado. Foram recolhidas para a elaboração do edital, ainda segundo a PM, informações de mercado, sites especializados, concessionárias, bancos de preços, consulta a fornecedores e a tabela Fipe. De acordo com a corporação, a compra é o “mais importante passo para ampliar sua frota de veículos”. Já a Ford afirmou, por meio de nota, que o modelo Ka está no país desde 1997 e atende integralmente a todas as exigências da lei brasileira.

BLINDAGEM

A Folha apurou que alguns comandantes de batalhão tentam que o interventor Walter Braga Netto autorize a colocação de blindagem em parte dos veículos que serão entregues em abril. A ideia seria usar método de blindagem chamado de escudo, com a instalação de vidros blindados nos para-brisas traseiro e dianteiro, além de chapas nas portas laterais, teto e traseira do veículo. As únicas viaturas de transporte de policiais no Rio que possuem alguma blindagem são as da Polícia Rodoviária Federal.

Fonte: Folha de SP

Nota 1 : No Rio de Janeiro Lei estadual 7.467/16 determina que todas as novas viaturas adquiridas possuam   para-brisa e vidro traseiro blindados nível III.

Nota 2: Ford Ka e Ka+ zeram testes de colisão do Latin NCAP

 

 

67 Comments

  1. Pingback: Novas viaturas da PM do Rio tiram nota zero em teste de segurança | DFNS.net em Português

  2. Profeta_Lunatico says:

    Policia militar com ford ka? PQP andam a rir com a cara do país.. Ford venceu a licitação aberta pelo governo do Rio no início deste ano para o fornecimento de 580 viaturas. A empresa venceu a disputa com oferta R$ 1,4 milhão abaixo do valor original previsto no edital, de R$ 37,6 milhões. .quem fez essa escolha quanto ganhou de propina?

    • Na conta de padaria, cada viatura (Ford ka) sai por 62,4 mil. A versão sedan TOP de linha, a mais cara e completa possível, sai por R$ 61,25 mil comprando no balcão. Vá lá que veículo tem uma customização, más é estranho que um veículo civil para um estado o adquirindo em frota, saia mais caro que para uma pessoa comum. Os órgãos de fiscalização como o TCE parecem fechar o olhos.

    • A Máquina Troll says:

      Um brazileiro por dois real…Três é cinco…

  3. quase nenhum “carro nacional” é seguro!
    Mas na cabeça de certos abestados de esquerda o importante é comprar nacional e que se dane as vidas humanas

    • BLUE EYES, NA RESISTÊNCIA says:

      Polícia de verdade só usa caminhonetes por causa do peso específico do veículo… em um abalroamento a massa maior sempre sofre menos… fornecer carrinhos de menos de 1000kg para os policiais é passar atestado de óbito para os mesmos… como fazer uma interceptação com um hatch ou pequeno sedan ???… rsrssrsrssss… só na cabeça dos tupiniquins nacionais…

  4. E mais ! é um absurdo a viatura não ser blindada.

  5. Um absurdo maior é permitirem a venda dessa bomba para toda a população!

    • BLUE EYES, NA RESISTÊNCIA says:

      Ai é diferente… compra quem quer… e o chassis e carroceria dos mesmos são avalizados para Europa e EUA…

      • Não compara a M vendida no Brasil com o mesmo carro vendido na Europa e USA. Não sei sobre o que passa com o chassis mais a carroceria muitas vezes é distinta e desde logo, tambem passa o mesmo com os multiplos sistemas de segurança que o carro tem fora do Brasil como algo obrigatorio.

      • BLUE EYES, NA RESISTÊNCIA says:

        Não sabe o que fala… já ouviu falar em ESCALA DE PRODUÇÃO ???… ninguém mais faz modelos específicos em grande escala para um só mercado consumidor… são tempos de GLOBALISMO, meu caro… não vale a pena produzir uma PLATAFORMA diferente em cada país… verifique antes de postar… os carros hoje são MUNDIAIS… com alguns itens faltando nos mercados terceiro-mundista… mas em grosso modo, são iguais…

  6. Os critérios técnicos adotados no Brasil para licitações são de fato interessantes… para um carro de passeio comum já é pequeno pois é de fato um compacto agora quando vamos analisar que os policiais utilizam fardamento com coletes, coldres, porta munições, algemas, armas etc… (equipamento completo) … caber em um compacto já se torna uma penúria. A polícia tem que adotar e seguir um padrão, como nos EUA e Canadá por exemplo para que possa ter uma condição mínima de operação, segurança aos seus usuários, manutenção e controle de sua frota, adotando inclusive as garagens dos batalhões como controle de entrega e recebimento diário das viaturas.
    Se não for desse jeito, daqui a pouco serão mais 500 veículos inutilizados e parados …. ….

    • Flávio Henrique says:

      a Inglaterra usa o Smart fortow que é menor(2,7m de comprimento x 1,6m de largura x 1,55 de altura) que o Ford ka, eles são usados para atender as ocorrência se for prender alguém chama uma viatura maior ou se o crime requisita mais que dois policiais, o uso de um carro menor tem haver com o transito, pois é mais fácil se locomover com algo menor.

      Mas para o RJ com muitas zonas de guerra urbana só viaturas mais capazes (poderiam voltar a fazer os urutu(?) só para as PMs dos estados). O conceito na Inglaterra é para crime de baixo poder de ofensivo, a policia teria um carro mais econômico e menor(tenderá a chegar no local de chamada mais rápido em áreas urbanas), caso prende-se alguém chamava um carro maior só para levar o suspeito

      • Justamente, mas no Hell só há necessidade de piranhas e Guarani nas áreas controladas ou influenciadas pelos cumunista, sim, estas aéreas estão fortemente armadas e foram doutrinados por agentes cubanos, na zona sul os seres são mais evoluídos, cheiram e cometem outros crimes mas sem barbárie, diferente do que se vê no ambiente primitivo dos morros do Hell.

      • Perfeito Flávio, o problema é composto por várias condicionantes principalmente relevo, .. morros, vielas, buracos, pontos de emboscada, tipo de criminosos que combatemos aqui …. o Rio parece uma Mogadíscio, bem diferente da Inglaterra onde boa parte da polícia não usa armas. Estamos numa zona de guerra onde só em 2016 morreram no Brasil mais de 70 mil pessoas por crimes violentos e armas de fogo (mais que na Síria onde se está em guerra) portanto colocar nossos policiais em meios inapropriados cria um risco e custo humano altíssimo para nossas forças. Esses veículos seriam para patrulhar a zona sul. Estamos em estado de guerra, só não foi declarada ainda. Foram 137 policiais assassinados em 2017 … quanto valem essas vidas à corporação?

      • Flávio Henrique says:

        O meu comentário só foi para ressaltar que essa estrategia é valida, mas que no RJ(estado) deve-se se optar por viaturas blindas a curto-médio prazo, acredito que a guerra uma hora dendê a acaba, mas a medida que as forças policiais forem conquistando deverá começa a se usar desse conceito.

        Mas os blindados na força policiais dever ser usado em todos os estados, tendo em vistar que os atentados terroristas (até agora não fomos visados, mas não se sabe até quando continuará assim).

  7. Boicote a Ford já.

  8. Mimimi,, enquanto sua mulher esta sendo estrupada vc está preocupado com a cor da gravata, kkkkkk, vou ter que me voluntariar para auxiliar os mestiças a organizar seus esquemas de ação e defesa, quando não são os criminosos da esquerda dando palpites, são os repórteres distorcendo as coisas para criar comoção e vender jornais, sugiro então que comprem Hummves para todas forças policiais do Hell, Motos HD ou INDIAN, vejam bem senhores distraídos, tô saindo, fui!!

    • Fábio Roth Vargas says:

      Com todo o respeito aos colegas e editores do Plano Brasil.

      Esse tipo de comentário, desrespeitoso, burro, com argumento falacioso (que nem argumento é), etc… Que prejudica o debate a respeito de defesa e segurança pública…

      “enquanto sua mulher esta sendo estrupada vc está preocupado com a cor da gravata” O que isso tem relação com a notícia?

      Acredito que o colega, cego por sua ideologia, não conseguiu entender o grau do problema abordado por essa notícia… As viaturas compradas oferecem Zero proteção aos usuários, no caso os PMs do Estado do Rio de Janeiro…
      Foi gasto uma quantia substancial em um modelo de veículo que não vai atender as necessidades das forças de segurança do Estado, e o senhor, basicamente, ignorou este fato para realizar ataques a esquerda e aos editores do Plano Brasil a troco de nada….
      Uma pena, comentários estúpidos como este mostram o quanto o Brasil é um país violento…

      • Lucas Iglesias says:

        Não dê moral para este cidadão, Fábio. É uma mistura de mal com atraso, só sabe ofender. Isso só mostra o quanto ele fica puto quando não seguimos a ideologia da qual ele é escravo.

      • Quem não entendeu foi vc , policiais no hell são mortos por funis e não por batidas de carro , portando nenhum carro trará segurança efetiva , uma hora terão que sair do blindado , utilizam qualquer notícia irrelevante para crias uma celeuma desnecessária e disrruptiva !

      • Fábio Roth Vargas says:

        E quem disse que esses veículos são utilizados para subir morros?!?!?

        Como qualquer outra pessoa que utiliza carros, esses PMs estão sujeitos a acidentes comuns de transito. Neste ponto, tais PMs estão utilizando um veículo nota ZERO no quesito segurança…

        Falar que a “notícia irrelevante para crias uma celeuma desnecessária e disruptiva” é ignorar uma série de fatores da realidade por conta do seu anteolhos ideológico…

        Em resumo, vamos ver se o Sr. entende (vou utilizar palavras fáceis)
        Compraram uma merda de carro, caro, inseguro e inadequado para o uso Civil e Militar. Esse tipo de coisa vai prejudicar o funcionamento da já ineficiente política de segurança pública e, ainda, vai colocar a vida dos Agentes em risco…

      • Tive a mesma conversa com uma sardinha congelada e tive um retorno mais inteligente que o seu , fui !

      • Fábio Roth Vargas says:

        Tem gente que esbanja maturidade e conhecimento

      • Vc certamente não está neste grupo , um discípulo da oaab .

  9. Carro ford .. deveria ser o fiesta sedan /Ranger… 4×4 ……….embora acho q o ideal deveria ser os Toyotas Etios sedan + hilux 4×4 …… tb acho q deveria aproveitar essa aproximação com a IVECO/FIAT .. com o EB e fazer em belo pacote … envolvendo viaturas compostas por veículos ”Cronos” +Toro 4×4 e por no pacote alguns veiculos LMV LINCE q poderiam ser usados mesmo .. desde q tivesse garantida a manutenção por aki (solução ideal pra min ) … … padronizar a frota .. hj no RJ existe uma verdadeira sada mista composta por veículos ….Fiat…. Peugeot … Volkswagen …Toyota …. Renaut . um pesadelo logistico
    esse Ford KA e de fato a pior opçãp possivel … e hj a PM do RJ tem um déficit de +- 3000 viaturas .. realidade e essa ai

  10. Fora as imbecilidades do elitimos de um Casuar da vida, pelo menos o resto comprova pelo escrito o abandono da seguranca publica no Rio por governos populistas de direita desde o casal garotinho ao Cabral safardana dos magnatas, agora com esse pulha do pezao colocando os policias em armadilhas sobre rodas, esta parte da Historia do rio os idiotas conservadores preferem ignorar.

    • BLUE EYES, NA RESISTÊNCIA says:

      Com cerveja BRIZOLA era “conservador didireita”… rsrsrsrsrsssss… Pezão também… rsrsrsrsrssss… cada dia que passa os esquerdalhas se tornam cada vez mais risíveis… rsrsrsrsssss… vamos comprar carrinhos chineses que são mais “balatinhos” e menos elitistas pras “poliças”… ah, e CABRAL e ANTONY são “conservadores didireita” desde garotinhos… rsrsrsrsssss… aqui a gente se diverte muito… rsrsrsrssss… palhaços dazisquerdas caquéticas é que não faltam… rsrsrsrrssssss… VIVA O HELL DE JANEIRO… o exemplo dazisquerdas do que querem para o Brasil todo… 🙂

      • Patetico !!! acreditar que ladroes socios de empresarios milionarios sao de esquerda; ( nao que seria menos imoral, pois nao faco parte destas burrices bandeiristas) so mesmo que tem conhecimento so de .com ou recebe pra reproduzir essas sandices pra escrever essas tolices.

      • BLUE EYES, NA RESISTÊNCIA says:

        Que pena que a LAVA JATO põe por terra toda essa sua desinformação ultrapassada… com quem foi que as empreiteiras bilionárias estavam envolvidas e quem foram os políticos condenados e a quais ORCRIMS pertenciam ???… não foi com a direita, que por sinal não tem representatividade política no cenário atual e sim com a corja petralha e do mdb… vai dizer agora que o pt é didireita ???… rsrsrssrsrssss… realmente, PATÉTICO… rsrsrsrsrssssss… e pelo jeito não sou eu que escrevo tolices… rsrsrssrsss… A REALIDADE É UM SOCO NO ESTÔMAGO de alguns incautos que teimam em negar os fatos… rsrssrsrsssss…

      • Cuidado colega .vão distorcer seu comentário e exigir que os editores te excluem do Blog, coisa que não se vê em relação aos comentários do bocarrotô maluquices , rsrsrsrsrs

  11. A intervencao no Rio de janeiro deveria ter sido neste imundo governo desse senhor pezao e associados, pois dar esse carro a policia e de um desprezo criminoso com as forcas policiais, no Maranhao, estado pobre mais governado por um sujeito mais serio, eu via policia com palio weekende e Duster no Rio nao se pode fazer no minimo a mesma coisa? Alem do que ja sao necessarias viaturas 4×4 de guerra por aqui.

  12. Eu tive um palio 1.0 2015, esse não funcionava com álcool vivia na garantia a sonda lambda tinha defeito crônico. Comprei um Vw UP 1.0 em 2016, foi o pior carro para dirigir em toda a minha vida, isso que eu tive um gol 1000 ano 94, bancos horríveis em duas semanas os ferros do assento começaram a aparecer, a espuma do banco terrível, o carrinho apertado parece uma batedeira, não aconselho a ninguém. Agora em Dezembro de 2017 comprei o novo KA 1.0 SE, tem bastante espaço interno, o ar gela muito, direção elétrica muito macia, melhor que a do cobalt, tenho 1.88 de altura e ainda sobra meio palmo do teto, eu já tinha ideia do Latin Ncap, porém era o carro popular que melhor tem espaço interno para pessoas altas, eu tenho problema de locomoção por causa da minha coluna cervical e não tenho condições de comprar um carro melhor, e um usado é loteria, prefiro um popular zero do que usado. Porém, o meu KA tem o banco um pouco desconfortável, mandei colocar uma espuma no assento e ficou muito bom, tem uns grilinhos na carroceria, mas carro popular é isso mesmo. Vou terminar de pagar esse e comprar uma Espin GM, será uma bíblia as prestações, mas é o que a vida oferece. Com isso, o novo KA é melhor que os Classic, Celta e palio que eu vejo aqui na Brigada no RS. Problemas todos têm, é popular, mas é melhor do que nada. Eu concordo que as viaturas deveriam ser melhores para os militares terem segurança, mas se foi aprovado pelos Oficiais superiores, fazer o quê.

    • BLUE EYES, NA RESISTÊNCIA says:

      Quer carro bom, compre um JAPONÊS ou ALEMÃO… o resto é firula… e quem não puder, ande a pé…

      • Blue Eyes, tive Fox, UP todos carroças da VW. Tive um gol 1994 1000, fora o carburador o carro era guerreiro, logo comprei um gol g3 16v ano 2000 a maior bomba do século todos da VW. Tive um Escort 1.8 Guarujá ano 92, esse foi um ótimo carro motor Ap, agora com o KA estou satisfeito, a Ford para mim nunca deu zebra como a VW.

      • A Máquina Troll says:

        “Ivanmc
        1 de Abril de 2018 at 20:18 ”

        Qualidade de primeiro mundo :

        https://www.youtube.com/watch?v=ZZF95D4hcUU

      • É isso mesmo, A Máquina Troll, a VW chamou para o recall em 2008 e só botaram um adesivo na parte de trás do banco traseiro. Eu nunca tive coragem de baixar o banco traseiro. O fox era uma batedeira, troquei os pneus por uma banda maior, amortecedores, mas ele continuava trepidando até no asfalto liso, na concessionária disseram que era um erro do projeto, centro de gravidade e etc… Fora que a manguera do suspiro do ar condicionado molhava por dentro do assoalho do carona e as balança e cruzeta das rodas dianteiras quebravam até no paralelepípedo, só para ter uma idea da encrenca que é esse fox. Tenho um conhecido que comprou o Novo Polo, bah! Já está penando na assistência. Eu prefiro um JAC do que a VW. Parece mentira, e eu antigamente gostava de VW. Tá louco.

      • Eu prefiro um Jac, olha o ratinho da cadeia chinesa aí gente , aquele que se diz patriota , não vê a hora de ser escravizado por Chineses ,lamentável a condição vira-lata dos socialistas.

      • BLUE EYES, NA RESISTÊNCIA says:

        O tacão do Tio Pai Mei é sempre mais lustroso… rsrsrssrsrsss…

      • Isso é bom ,kkkkk, assim temos a oportunidade de demonstrar que a esquerda é um instrumento para a idiotizacao em massa.

    • A Máquina Troll says:

      Saiu na revista Forbes(eua) uma pergunta para um dos diretores da Toyota qual o motivo dos carros do Brasil serem tão caros?..Resposta: Simples, os brazileiros aceitam o preço e pagam….as coisas são caras porque as pessoas compram…Temos que tirar essa diferença no Brasil, os europeus, japoneses e americanos não aceitam preços altos e não pagam é difícil vender para eles…

      Conclusão…Paguem preços altos por carros como o Civic e Corolla achando que são playbos enquanto esses carros são veículos de pobres nos eua, paguem seus bananas!..Nos eua, Honda Civic é lixo, aqui é carro de luxo…Carros ultrapassados e fora de linha no mundo inteiro são os mais vendidos no braziu!!..Parte do lucro das montadoras, dinheiro contabilizado, serve para azeitar a máquina governamental, dinheiro não contabilizado ou caixa 2, via corrupção…

      Durante as investigações sobre um notório ex-presidente “Neoliberal” que sofreu impeachment, foi apurado que a mercedes havia-lhe dado 300 mil dólares para a campanha…Tudo isso é apenas uma síntese de como o mercado internacional nos enxerga…TUDO aqui é mais caro, TUDO custa duas, três, quatro vezes mais que no resto do mundo…Isso vale para sabonete, comida, roupa, imóvel, eletrônicos e automóveis…

      • A Máquina Troll
        1 de Abril de 2018 as 19:13
        .
        É verdade.

      • Revista Fortes, instrumento imperialista , us americanu marcado menti pra prejudica o pai fiscal , como um bom embutido de mortadela vc deveria refutar esta notícia falaciosa , kkkkk

    • A Máquina Troll says:

      “BLUE EYES, NA RESISTÊNCIA
      1 de Abril de 2018 at 18:26

      Quer carro bom, compre um JAPONÊS ou ALEMÃO… o resto é firula… e quem não puder, ande a pé”

      https://www.youtube.com/watch?v=HtYBSLpZww0

      • BLUE EYES, NA RESISTÊNCIA says:

        Esqueceu o Gadernal hoje ???… rsrsrssrsrsss… o que tem a ver o c… com as calças ???…

  13. A Máquina Troll says:

    Tudo está como é…

  14. A Máquina Troll says:

    é serio mesmo ou é brincadeira de primeiro de Abril do Plano Brasil com a gente?……..

  15. A Máquina Troll says:

    “Reportagem nos EUA considera que carros brasileiros são “mortais”

    Reportagem produzida pela Associated Press e publicada pelo jornal The New York Times em sua versão online avalia que os automóveis feitos no Brasil “são mortais”. A matéria afirma que os carros produzidos no país são feitos com “soldas mais fracas, poucos itens de segurança e materiais de qualidade bem inferior aos dos fabricados nos Estados Unidos e na Europa

    Fonte: Exame”

    brazileiro tem de andar com carros ilegais que não podem trafegar nos eua e europa por serem considerados carros que matam por falta de segurança…aí o troxa quando pensa estar seguro…é explorado…As fabricas tem no braziu um lucro de 10%, nos eua 3% e europa 5%…a Ford por exemplo admitiu que o Ford Ka produzido no braziu utiliza uma plataforma antiga…não a mesma utilizada para os carros europeus…O Ford KA braziu tem 1 estrela para batidas frontais…o europeu tem 3…Nossos carros de entrada são verdadeiros lixos…Novo Uno 1 estrela, Celta, Sandero…A coisa piora de ano a ano…lembram-se que os populares eram vendidos a 7 mil dólares…hoje estes populares alcançam a cifra de 15 mil dólares e o governo dá incentivo para que essa montadoras tenham ainda mais lucros…maquiam os seus populares…aumentam indiscriminadamente o preço e “ferro” no consumidor…

    A KOMBI foi vendida até 2013…a KOMBI é um projeto da DÉCADA DE 40….exatamente isso…um carro da década de 40 vendido até 2013…quer dizer que na legislação do braziu carros da época da segunda guerra mundial estão aptos a rodar…isso quer dizer que um Chevrolet FREEMASTER de 1940 se enquadra nos padrões de segurança brazileiros!..AS GRANDES EMPRESAS ESTRANGEIRAS SÃO AS PRINCIPAIS FINANCIADORAS DE ESQUEMAS DE PROPINA E CORRUPÇÃO DESTE PAIS…FINANCIAM PARTIDOS POLÍTICOS E ESQUEMAS DE CORRUPÇÃO PARA TOMAREM CONTA DO MERCADO CONSUMIDOR DO PAIS E ESTABELECER MONOPÓLIO…PAREM DE PAGAREM PREÇOS EXORBITANTES POR PORCARIAS QUE SÃO SÓ VENDIDAS AQUI…

  16. Ferreira Junior says:

    Um veículo bom, mas não vão querer, o Jeep Renegade.

  17. Javier E. Bonilla says:

    Uruguai comprou outra porcaria, a 46.500 dólares cada: Fiat Siena 1.6 e sem blindagem! A moda é mercosuliana…
    Já os Carabineros chilenos , por 28.000 dólares cada, compraran os Dodge de filme!!!

    • Lucas Iglesias says:

      Bom, no Chile não existem fábricas automotivas e os carros vendidos lá são todos importados. Mas eu também quando vi os caras usando DODGE CHARGER, o mesmo da polícia dos EUA, não acreditei… Como assim, o Chile pode e nós não? Olha que somos mais ricos…

      • No Chile os impostos não são criminosos , o político chileno não tem o hábito de roubar o trabalhador para sustentar vagabundos como fazem os socialistas aqui no Brasil.

      • BLUE EYES, NA RESISTÊNCIA says:

        Eles tiveram a sorte de ter um General Pinochet… aqui tivemos o Geisel molenga que amoleceu para os comunas… se fosse o contrário o Brasil hoje seria o céu e o Chile estaria igual o Hell de Janeiro…

  18. aqui em minas a pm e tbem a civil atualmente teem recebido somente carros de peso maior e mais reforçados ,,, n as ultimas aquisiçoes das policias , elas receberam o fiat palio weckend e caminhonetes gm s10 ,, ,, e ano passado receberam mitsubishi pagero,,, vejo que pelo menos no quesito segurança e a imposiçao de respeito estao sendo vistos na escolha de viaturas policiais no estado de minas ,,,
    as forças especiais so uzam caminhonetss por aqui, somente patrulhas de bairro , ou seja , patrulhas locais uzam carros populares , como uno novo , gol, palio etc… mesmo assim se ve muito pouco por aqui. as viaturas de tatico movel rondam com 3 ou 4 pms e com armas longas e mais potentes , e nao vejo nenhum policial sem colete a prova de balas ,,, nao estou dizendo que esta perfeito aqui , mas o policial de minas esta sendo tratado com mais respeito por aqui.

    • Existe comando e disciplina , acabaram com o tratamento humilhante , oficiais batem continência quando estes passam por soldados em serviço , a regra é , quem chega , comprimenta , sem falar que o nível escolar é alto , nos últimos 10 anos a porcentagem de recrutas com curso superior chega a 70 porcento .Questões culturais do povo também ajuda ,

  19. 1maluquinho 1maluquinho says:

    O dinheiro público está indo pelo ralo nessa fanfarronagen maçonica-militar de 08:00hs as 17:00hs.
    Tudo estaria melhor empregado com o fim do contigo cimento imposto por Brasília que atinge em cheio a segurança pública do Estado do Rio de Janeiro.
    Modernização e acréscimo da força policial e acima de tudo dignidade ao policial do Rio de Janeiro.
    As mídias e os meios de comunicação não falam e não mostram,que a organização criminosa maçonica-militar roubou muito mais dos cofres públicos e deu muito mais prejuízo à ao Brasil que os ratos do PT e os maçons do PSD e MDB juntos.
    De todo lado só tem bandidos ! A nação está mergulhada em um banditismo generalizado. Somente uma depuração profunda e contundente é capaz de fazer um Brasil justo e igual para todos os Brasileiros.

shared on wplocker.com