Defesa & Geopolítica

Austrália: Segundo LHD inicia testes de Mar

Posted by

NUSHIP Canberra and NUSHIP Adelaide sit alongside the Naval Dockyard Williamstown, Victoria.  *** Local Caption *** The Royal Australian Navy's Landing Helicopter Dock (LHD) ships, NUSHIPs Canberra and Adelaide have been based in Williamstown, Victoria, whilst being prepared for commissioning into the fleet.  NUSHIP Canberra is scheduled to be commissioned on 28 November 2014, in Sydney, with NUSHIP Adelaide joining the fleet in 2015.

Tradução e adaptação: E.M.Pinto

O navio Landing Helicopter Dock (LHD), HMS Adelaide, suspendeu do estaleiro Williamstown, em Melbourne para dar início aos seus testes de mar.

A BAE Systems Australia declarou que a LHD deixou Williamstown em 17 de junho Após testes iniciais realizados em Port Phillip Bay, no futuro navio da Royal Australian Navy (RAN) é esperado para passar 10 dias viajando para Sydney.

Enquanto em Sydney,  o Adelaide foi docado para que o convés e o casco possam ser limpos e pintados. O LHD, então, partirá para realizar mais testes de mar durante a viagem de volta para Melbourne, onde está prevista para chegar em meados de julho.

A BAE Systems informou em um comunicado que o teste atual  abre o caminho para um segundo período de testes no mar em agosto, que incidirá sobre as comunicações e sistemas de combate, antes de sua entrega à RAN ainda este ano.

O navio vai realizar cerca de 240 horas de testes ao longo de 20 dias, para garantir que todos os sistemas executem as suas tarefas atingindo a sua capacidade operacional. Alguns dos ensaios serão executados simultaneamente e cobrirão tudo, desde operações de sistemas básicos até a capacidade de manobra do navio no mar.

O Adelaide, deve ser entregue até o final de setembro deste ano. O navio está mais completo que o HMAS Canberra quando iniciou seus seus primeiros testes no mar, isto reforça as lições aprenddidas e implementadas a partir dos ensinamentos obtidos no primeiro navio da classe. O primeiro LHD foi formalmente comissionado na frota em novembro de 2014.

Fonte: Asian Defence News

8 Comments

  1. Pingback: Austrália: Segundo LHD inicia testes de Mar | DFNS.net em Português

  2. Austrália caminhando para se tornar uma grande potência oriental.
    Enquanto isso, aqui no Brasil, partidos brigam entre si sangrando a economia só pra provar que está certo (ou quem manipula melhor a informação). Nunca vamos chegar a lugar nenhum enquanto isso acontecer, precisamos de alguem com a capacidade de liderar do Putin e seu pulso aqui, mas infelizmente só temos Dilma e Aécio.

  3. Alvos para os submarinos Russos…

  4. ,..Até concordo q os Russos tem os melhores torpedos, o FISIK, Skivalh, + q a Austrália está fazendo bem o dever de casa, já Pindorama está uma lástima na defesa…sem navios de guerra de superfície, sem subs bons(sem AIP’s)e em qtdd,sem caças, sem satélites geoestacionário, sem VLS…enfim , sem NADA.Só sucatas…mt contingenciamentos…Terrível. Sds. 🙁

  5. Concordo com ARC… aos poucos e sem muito alarde a Austrália vai se garantindo para as próximas décadas.

    Quanto ao fato de ser “alvo para submarinos”… bem… a Austrália parece ter pensando nisso também:

    https://www.youtube.com/watch?v=kwUvIDyQACE

    É bom lembrar que quem constrói 3 está apenas treinando, ganhando expertise… creio que haverá um número maior de unidades.

shared on wplocker.com