Defesa & Geopolítica

Vídeo: Caça Lockheed Martin F-22 Raptor – Aquele que era, mas não é …

Posted by

 

59 Comments

  1. ,..Apesar de td, ainda é (consideram…) o melhor caça invisível do planeta..Sds. 😉

    • helveciofilho says:

      SR. giancarlos , o senhor já ouvira da historia do morcego negro invisível ?
      .
      .

      O MORCEGO NEGRO ( 117 Nighthawk ) , AQUELE QUE ERA E NÃO É MAIS….na ex-Iugoslávia.
      .
      Me lembro quando se falavam muito do morcegos negros o famoso F-117 Nighthawk …rsrsrsr …os spesxihalistas, como sempre eles … diziam que o bicho era o avião indestrutível, invisível ao radar, a cocada preta dos ares…uma lenda ..tec..etc…etc….
      .
      .Um dia, o sol maravilhoso, os passarinhos cantarolavam , lá na extinta Iugoslávia ( graças aos EUA,e se repetindo na Ucrânia ) alguém com uma “espingarda 12” e com muita disposição, saio bem cedo para “caçar patos” , andando nos bosques floridos, viu o que não podia se vê, um bagulho preto que voava e com um tiro de “espingarda 12” acertou aquilo que não podia ser acertado …. pronto … um lenda americana literalmente foi ao chão 😉
      .
      O que tinha de Carpideira nesse dia na web era imensurável ..rsrsr
      .
      .
      Os russos aperfeiçoaram as “espingardas 12″ uns tal de S-500 só que não é para pato isso já eles tem más estas é especial …. é para os parvões .
      .
      Na tumba do piloto que pilotava um F-22 que voava nas cercanias do urso, provavelmente estará escrito … ” Aquele que era, mas não é ” 😉
      .
      .
      E por falar na frase enigmática .. “Aquele que era, mas não é ” .
      .
      .
      *****************
      .
      ESPECIALISTA FRANCES DIZ QUE A RUSSIA DESTRUIRIA OS EUA EM UM CASO GUERRA NUCLEAR.
      .
      Seu comentário veio na sequência da recente especulação na internet sobre uma possível intenção dos EUA de realizar um ataque nuclear preventivo contra a Rússia. As preocupações aumentaram depois que Robin Geral Rand foi apontado como chefe do Comando de Ataque Global da Força Aérea norte-americano.
      Há hipóteses de que ele poderia ter como exemplo o General Curtis LeMay, que se tornou famoso em 1949 por criar um plano dos EUA para um ataque nuclear maciço sobre a União Soviética.
      .
      (*) fonte : [ noticia-final.blogspot.com.br/2015/04/especialista-frances-diz-que-russia.html ]
      .
      .
      (…) “Não é possível subjugar a Rússia por métodos convencionais. Washington se prepara para destruí-la com as suas forças armadas”, escreveu Jean-Paul Baquiast. Em caso de um conflito armado, os norte-americanos podem realizar um ataque nuclear preventivo. “As chances dos EUA destruir a Rússia sem consequências para si são pequenas”, disse o editor.

      “No entanto, mesmo o altamente eficiente sistema de mísseis S-500, que a Rússia está desenvolvendo atualmente, seria incapaz de proteger o país contra um lançamento massivo de mísseis balísticos de submarinos norte-americanos”, observou.
      .
      “Por sua vez, a Rússia iria lançar seus mísseis a partir de seus submarinos ao largo da costa dos EUA. E se os norte-americanos conseguem atingir apenas uma parte do território russo, devido ao seu grande tamanho. Os EUA vão ser destruídos completamente”, o escreveu Baquiast. (…)
      .
      .
      ******************
      .
      O que falta de discernimento por parte dos estrategistas americano sobre a Rússia esta mais do que comprovado nas guerras; política, comercial,financeira e econômica … todas deram em nada . 😉
      .
      A unica coisa que eles conseguiram foi arrasar a Ucrânia, instalar um governo nazista e estimular os cabeças de bagres dos coXinhas no mundo todo …só ( ponto )

  2. Deagol says:

    Não é o quê?

    • Konner says:

      … que o leitor use de discernimento.
      .
      Saudações,
      .
      konner

      • HMS_TIRELESS says:

        Ou de russofilia histérica aliada antiamericanopatia….rs!

      • Warpath says:

        ou de americanofilia histérica, cega e doentia aliada a antirrussopatia infatil…rs!

      • Warpath says:

        e também aos interesses comerciais do ‘capital status quo’…

        😀

      • Deagol says:

        É antifanboypatia.

      • HMS_TIRELESS says:

        E o sanduíche de mortadela e o suco de caixinha Carolzita?…rs!

      • Konner says:

        HMS_TIRELESS,
        .
        Cada um pode usar o que lhe for mais útil, mas eu, de minha parte, continuo sugerindo para melhor compreender, usar o discernimento.
        .
        Saudações,
        .
        Konner

      • HMS_TIRELESS says:

        Usando discernimento Konner temos o seguinte:

        – O F-22 é o único caça de 5ª Geração plenamente operacional no mundo. E manterá essa primazia até o ano que vem quando o F-35B atingir o seu IOC (outro caça projetado e fabricado nos EUA);

        – Do outro lado temos a Rússia com o T-50/PAK FA, o que for, que embora a propaganda da Sputnik anuncia como o “P” das galáxias ele ainda não tem os seus motores definitivos, o Radar ainda não estaria sendo produzido em escala industrial e sobre o qual pairam muitas dúvidas acerca da invisibilidade como bem aduz essa matéria:

        http://www.ainonline.com/aviation-news/defense/2013-09-20/various-obstacles-confront-russias-t-50-project

        – Na China tem o J-20 e o J-31. Ocorre que até a presente data os chineses sequer conseguiram copiar um motor dos anos 80 como é o caso do ALF-31, o que dirá produzir um motor para um caça de 5ª geração. O J-20 voa com os motores que eu já citei e o J-31 voa com os mesmos do Mig-29.

      • helveciofilho says:

        Desde quando um eunuco teve discernimento ? ….essa é boa …. Hahahah..

      • Deagol says:

        Konner.

        Existem várias coisa que o F-22 não é.

        Saudações

      • Konner says:

        De fato.
        .
        Mas, oponto não é esse, é óbvio de mais.
        .
        Atente: — Aquele que ‘era’, mas não é …
        .
        Saudações,
        .
        konner

      • A Máquina Troll says:

        “Konner
        20 de abril de 2015 at 15:44

        … que o leitor use de discernimento.”

        comentário com o selo Máquina Troll de qualidade….. 😀

  3. A Máquina Troll says:

    voar ele voa….olha a foto linda dele voando ai…..o problema é que sua tecnuligia buga na neve ou na chuva…só pode voar com tempo bom….o que o faz devido a isso a maior rainha do hangar de todos os tempos… 😉

    o resto é nhem, nhem, nhem e lero, lero… 😛

    • Deagol says:

      Nem tenta máquina!

      lero, lero são essas suas inverdades.

      Depois quer reclamar da mídia…

    • Deagol says:

      É muito difícil discutir um assunto com seriedade?
      Não daria para você nos ensinar alguma?

      • Warpath says:

        Pq? Vc não está convencido com o que já ‘aprendeu’?

        😀

      • Deagol says:

        Em todos os comebtárioas meus e do Tireless tem sempre um comentário seu atrás.
        Todos!
        E sempre sem dizer nada útil.

        Ao invés de discuitr os textos fica discuitndo as pessoas.

      • HMS_TIRELESS says:

        Amigo Deagol, a Carolzita ganha por produtividade! Se ela não escrever uma quantidade “x” de asneiras o ParTido não dá a ela o sanduíche de mortadela e o suco de caixinha. Aliás, você viu como ela saiu do sério quando eu coloquei sal na ferida e falei do combo “sanduba de mortadela e suco de caixinha” que ela recebe do ParTido?

      • A Máquina Troll says:

        mas senhor RR….eu já disse…voar ele voa…ele voa na chuva..ele voa na neve…ele voa em qualquer condições climáticas…o senhor é que não quer entender o que eu disse… 🙂

      • _RR_ says:

        “”só pode voar com tempo bom…””

        Você disse isso. Tá no seu comentário mais acima ( 20 de abril de 2015 at 15:16 ).

        Portanto, ao afirmar que “ele voa em qualquer condições climáticas”, você está se contradizendo.

        Aliás, os links que postei provam que ele voa e opera em condições adversas.

      • A Máquina Troll says:

        “_RR_
        21 de abril de 2015 at 17:40”

        não senhor RR o senhor esta deturpando e distorcendo minhas palavras …mas eu não preciso replicar essas coisas não…pois aqui ninguém é analfabeto..e sabe bem interpretar texto… 😉

      • _RR_ says:

        Não, senhor Máquina,

        Você mesmo se contradisse. Tá no seu comentário.

      • A Máquina Troll says:

        nos embasemos em fatos concretos e não em paixões/militâncias política ideológicas senhores….picuinhas, birras e torcidas infantis em nada acrescentam ao debate…Ter não significa operar….Vide o F-22 mal lançado e já fora de linha….

        Há fatores importantes como a resposta operacional e o custo..tanto de aquisição como o de operação durante o ciclo de vida..De nada adianta ter vetores de alta capacidade e tecnologia…super fantásticos e mirabolantes…se os custos de desenvolvimento, aquisição e operação tornam o programa impraticável e inviável… 😉

      • Deagol says:

        “”nos embasemos em fatos concretos e não em paixões/militâncias política ideológicas senhores….picuinhas, birras e torcidas infantis em nada acrescentam ao debate””””

        O cara vem, posta um monte de inverdades, mentiras e boatos e ainda tem coragem de escrever isso.

      • _RR_ says:

        “”nos embasemos em fatos concretos e não em paixões/militâncias política ideológicas senhores….””

        Exato. E o fato concreto é que o F-22 voa e opera em condições adversas.

        http://londrinstant.blogspot.com.br/2014/09/cacas-f-22-interceptam-avioes-militares.html

        A produção do F-22 foi iniciada em 1997 e estendeu-se até 2009… Foram doze anos de produção, e somente não prosseguiram porque não havia como justificar seu custo diante do F-35…

        A viabilidade de um programa vem de um equilíbrio entre custo/benefício e limitação tecnológica. Alcançado esse equilíbrio, somente algum fator de força maior seria empecilho…

  4. lure araujo says:

    os chinas, piram.

    • A Máquina Troll says:

      em relação ao programa f-22…o alto custo do programa de desenvolvimento da aeronave (US$ mais 66 bilhões de dólares ), o desenvolvimento de caças de quinta geração russos e chineses, a proibição de exportações e o desenvolvimento do “mais econômico” f-35 acabou por encerrar o programa de produção deste caça…hoje a força aérea estadunidense possui 187 aeronaves destas no serviço ativo sendo que o último f-22 foi entregue em 2012….em 6 de abril de 2009 a Secretaria de Defesa estadunidense cancela novos contratos e projetos referentes ao f-22 alegando seu alto custo de produção, baixa performance em condições adversas de tempo e reclamação de falhas eletrônicas relatado por pilotos…e não falo aqui apenas de um problema nos sistema de oxigênio do caça… 😉

      • A Máquina Troll says:

        em 25 de março de 2010 um f-22 caiu nas proximidades da base Edwards da Aeronáutica dos eua situada no Deserto de Mojave no sul da Califórnia… ao sair em missão de treinamento o acidente aconteceu por volta das 10h locais (14h de Brasília) a aproximadamente 50 km ao noroeste da base militar….em 6 de novembro de 2010 um f-22 perdeu a comunicação com o Controle de Tráfego Aéreo do Alaska e caiu…. o piloto Capitão Jeffre Haney não sobreviveu…. os pilotos estadunidenses do caça decidiram não voar mais em áreas que nevavam…em 22 de março de 2011 relato de problemas com o “equipamento eletrônico” não especificado deixou os caças F-22 fora da operação da OTAN na Líbia sendo substituído pelo F-18 SH…

      • Deagol says:

        Essa sua fonte é mentirosa máquina!

        Deixa de ser palhaço.
        Todo o dia é mesma coisa…

      • A Máquina Troll says:

        hahahaha….ai ai…estes senhores Deagol e _RR_ são umas figuras né senhores….. 😉

      • Deagol says:

        Por que você perde tempo dos outros com a trolagem?

        Só para chamar atenção de desconhecidos?

  5. ARC says:

    Um excelente caça a níveis de eficiência, os EUA pecaram em não ter usado ele como base para um Upgrade para o novo vetor (que hoje é o conturbado F-35) custaria bem, mas bem menos reduzir custos e modificar certas funções,e claro, abandonar essa geringonça de voo vertical que pra mim hoje é desnecessário a USAF.

  6. Julio Brasileiro says:

    Na minha modesta opinião foi o melhor caça de seu tempo, me refiro ao tempo de seu lançamento, hoje, como todo produto conhecido, permitiu a concorrencia avalaiar seus pontos fracos, melhorando nesses aspectos e copiando ou aperfeiçando naquilo que eram superiores. Apesar de ainda ser um produto excepcional e, comparação aos concoreentes de gerações anteriores, serão ultrapassados pelos concreentes de mesma geração. A originalidade tecnologica só é vantajosa no começo, depois seu valor, para sua originalidade, passa a ter avaliação como peça valiosa de museu.

  7. RobertoCR says:

    Por US$ 360 milhões a unidade este caça deveria fazer chover. Mas, ao invés, ele teve de correr da chuva. Colocou em risco suas tripulações com o problema do gerador de oxigênio (OBOGS) que nunca foi adequadamente resolvido pois junto ao sistema existente anexaram uma gambiarra com garrafas de oxigênio que são acionadas em caso de mau funcionamento do sistema.

    Prometeram demais de seu desempenho e entregaram de menos. É interessante notar que o noticiário sobre o F-22 praticamente sumiu depois que surgiram as primeiras notícias sobre os problemas com o F-35.

    Relembrando o problema da chuva e do preço astronômico baseado na desculpa esfarrapada de que usava tecnologia inédita, vídeo do programa Rachel Maddow da época do cancelamento da produção (em inglês).
    https://www.youtube.com/watch?v=KaoYz90giTk

    Relembrando o problema da geração de oxigênio (que custou a vida de dois pilotos), relatados em entrevista de dois pilotos da ativa na USAF para o programa 60 Minutes (vídeo em inglês).
    https://www.youtube.com/watch?v=WuOWWnoTHDs

    Relembrando TODOS os problemas do F-35 “Lightning” que tinha que voar longe de relâmpagos. Problemas estes confirmados pelo Ten. Gal. Cris Bogdan, chefe do programa F-35 (e que tem mais lucidez e honestidade do que alguns “j”ênios que reagem a qualquer coisa que se diga contra este caça) e responsabiliza a Lockheed pelo atraso de mais de seis anos do programa (vídeo em inglês de um especial feito pela tv australiana).
    https://www.youtube.com/watch?v=pteMgYPm1xM

    Atualíssimo: Ten. Gal. Cris Bogdan, chefe do programa F-35, de saco cheio por conta dos atrasos no desenvolvimento dos softwares do F-35 afirmando “Eu não sou o vendedor do F-35… meu trabalho é fazer andar da melhor maneira o programa… eu trabalho para os pilotos de caça e para os cidadãos, para ninguém mais..”, frente a uma conferência de imprensa em Março/2015 (texto em inglês).
    http://breakingdefense.com/2015/03/i-am-not-a-salesman-for-f-35-lt-gen-bogdan-f-35-peo-2b-software-delayed/

    • HMS_TIRELESS says:

      Problemas existem para serem superados. O F-22 superou os seus e está plenamente operacional. O F-35 também vem superando os seus e o preço do mesmo está caindo. Enquanto isso, do outro lado temos o T-50 que sequer tem seus motores definitivos, existem problemas que estão a inviabilizar a produção em massa do radar e existem sérias dúvidas sobre a própria furtividade do mesmo. E na China o constrangimento é maior ainda pois os chineses sequer conseguem fazer engenharia reversa de motores russos dos anos 80.

      Ainda assim, a cada notícia fantasiosa da Sputnik as tietes russas babam mais do que cachorro faminto quando encontram um osso. Que coisa não?

      • RobertoCR says:

        Pra variar garoto você não falou absolutamente nada. Há um oco de ideias em você e no seu alter ego Deagol. Chega a ser triste ver como vocês se esmeram tentanto provocar quem apenas expressa uma opinião.sobre Rússia ou EUA. Caráter é algo que realmente não se consegue na feira.

      • Deagol says:

        Roberto.

        Quem sabe o colega cresce a para de bancar o ofendidinho quando é contraiado.

        “”provocar quem apenas expressa””

        Por acaso eu tentei provocar você?
        Todo undo está aqui para ser contrariado, ainda mais quando diz coisas incorretas.

        Oque tem a ver o F-35?

        Por acaso os novos aviões russos não tem problemas? Nem vou mencionar os plobemas do PAK-FA.

        Quais argumetos você tem?
        Notícias de 3 anos atrás?

        Pare de reclamar, e justifique as suas afirmações.

      • RobertoCR says:

        Garoto, os únicos metidos a vítima por aqui são você e o HMS com suas eternas provocações baratas para impedir que qualquer um se expresse por aqui. Você mesmo apareceu por aqui a pouco mais de um ano apenas para ofender os outros, e agora que o Warpath não te deixa em paz a cada bobagem que você escreve você vem posar de vítima. Lamentável mas previsível.
        E as notícias não são de três anos atrás, são de seis anos garoto. Talvez não você tenha traduzido corretamente. O fato é que os problemas continuam os mesmos.

        Agora volte para sua rotina de chiadeiras e chororôs que o Rafa_positron, e seus prints, mais o warpath sabem bem como lidar bem com tipinhos como você.

      • HMS_TIRELESS says:

        É esse o naipe dessa turma amigo Deagol! Toda vez que eles são confrontados eles vêm com o chororô de que são perseguidos por estarem “expressando uma opinião”. É como diz aquele ditado: Não sabe brincar então não desce para o play

      • Deagol says:

        Roberto que acontece é que você ficou ofendido porquer desmenti você em outro blog.

        Roiberto é um desonesto e mentiroso.
        E fica com raiva quando é desmentido

        se você não quer ser contraiado então preocupe-se em dizer a verdade.
        Fanboys inúteis temos o suficinente.

      • Deagol says:

        Verdade.

        Toda a vez que ele não sustenta suas fantasias sobre a rússia ele nos ataca como uma perfeita criança.

        Como ele mesmo diz:
        “”Caráter é algo que realmente não se consegue na feira.””

        Falata de caráter para mim é sustentar mentiras.

      • HMS_TIRELESS says:

        Como eu havia dito amigo Deagol, o modus operandi do Bob quando vê suas fantasias russófilas destruída é arengar que sobre “perseguição por estar emitindo uma opinião”. Mas agora ele inovou pois lançou um pedido de socorro ao Rafrutinha e à Carolzita…..rs!

      • Deagol says:

        Pois é Tireless .

        O cara defende o warpth e o Rafa que só trazem ofensas e baixarias. Dá para entender isso?

        Eu neguei uma informação dele em outro blog, e como ele tinha resposta ficou ofendido e trouxe a briga para o PB.

        Só em defender os mentirosos ele já mostra o caráter que tem.

  8. Carl_Carl says:

    É um avião muito bonito e tem muitas qualidades mas…
    http://www.cavok.com.br/blog/luftwaffe-disse-que-em-combates-proximos-o-eurofighter-fica-no-mesmo-nivel-que-o-f-22-raptor/
    “Grumbrecht disse que, mesmo com seus aviões fazendo tudo certo, eles não eram capazes de chegar dentro de 20 milhas dos jatos de última geração, antes de serem alvejados.”
    Então não eram capazes de se aproximarem abaixo de 32-33km dos jatos de última geração. Nesse caso os sensores IR do Gripen E, Rafale, EF-2000, Su-30, Mig-35 (ou qualquer outro caça usando casulos IR) poderiam visualizá-los, sem problemas, e disparar suas armas como o MICA-IR. Porém existem outros misseis IR disponíveis com alcance superior a esses 32-33km.
    “O MICA-IR tem a vantagem de poder atacar alvos seguindo ondas de calor, quando a situação táctica torne inviável a utilização de mísseis com sistema de orientação por radar ativo.”

    E outra… O Rafale também já mostrou que o F-22 não é imbatível como a propaganda dizia. Esse combate aconteceu com as duas aeronaves muito próximas, mas o Rafale com seus sensor IR e seus misseis MICA-IR ou EF-2000 usando o mesmo míssil daria um trabalho considerável ao F-22.
    https://pbrasil.wordpress.com/2009/12/19/rafale-vence-eurofighter-e-bota-em-cheque-a-superioridade-atribuida-ao-f-22-raptor/
    https://www.youtube.com/watch?v=KOswfrc7Xtg

    Também é bom lembrar que o EA-18G também teria supostamente vencido o F-22, interferindo em seu radar (algo bastante razoável de se considerar).

    É por essas e outras que eu não vejo o F-22 tendo “vida” fácil nos céus inimigos. Por exemplo; um Mig-29 com casulo IR armados com misseis IR e com um sistema de guerra eletrônico moderno já tornaria as atividades do F-22 mais complicadas. Sendo que o F-22 para usar suas armas tem que fazer o mesmo que qualquer outro caça, ou seja, apontar seu radar para o alvo (hora que pode ser rastreado) ou usar radares de outros (que podem ser destruídos a distancias imensas ou ao menos interferidos).

    • Deagol says:

      “””Então não eram capazes de se aproximarem abaixo de 32-33km dos jatos de última geração.”””

      Eram capazes porque as táticas da USAF permitiram.

      • Carl_Carl says:

        “Grumbrecht disse que, mesmo com seus aviões fazendo tudo certo, eles não eram capazes de chegar dentro de 20 milhas dos jatos de última geração, antes de serem alvejados.”

        Exatamente os EF-2000 se aproximavam porque USAF permitia.

        Esses 33km eram a linha limite. Abaixo disso ou próximo a isso, eram abatidos com facilidade. Essa frase me faz pensar que era muito difícil travar o radar no F-22 por isso tinham que se aproximar, mas se conseguissem travar o alvo (F-22) a distancia maiores… Se o radar (dos caças e dos misseis) tem dificuldade de travar o F-22 os sensores IR não tem o mesmo problema. O Mirage-2000, por exemplo, pode muito bem desligar o radar e apenas usando as imagens de um casulo IR disparar o Mica-IR, por sua vez o Mica-IR tem seu próprio sensor IR que nem mesmo precisa do calor do motor do alvo, basta o calor gerado pelo atrito do ar com fuselagem. O alcance desse míssil é de aproximadamente 60-63km. E lembrando que ele não nasceu um míssil IR, assim sendo outros misseis também podem vim a serem “convertidos”.
        A “vida” do F-22 não é tão fácil assim como querem que pensemos.

      • Deagol says:

        Caro Carl.

        “”A “vida” do F-22 não é tão fácil assim como querem que pensemos.”””

        Com certeza.
        Mas fica mais fácil quando se sabe aproveitar as vantagens.

  9. RobertoCR says:

    Qual foi problema que ocorreu com meu comentário feito esta madrugada sobre o F-22 e com links sobre os problemas que ele apresenta?

    • RobertoCR says:

      vlw

    • Deagol says:

      São conhecidos os problemas do F-22.

      É que você não é conhece os problemas de outros aviões para fazer boas comparações. E nem tem a intenção de conhecer.

      • Deagol says:

        Acontece que o sr se sentiu ofendido ao ser desmentido em outro blog.

      • HMS_TIRELESS says:

        Onde foi que ele se sentiu ofendido, no CAVOK?

      • Deagol says:

        Não sei se ele se sentiu ofendido.

        Mas ele disse em outro blog que a Rússia estava comprando o Mistral para fazer parceria com os franceses e não por motivos técnicos.
        E eu disse que não verdade e desde lá ele vem atacando direta e indiretamente.

        Só em defeder as baixarias do Rafa já vemos o baixo nível e falta de caráter desse cidadão.

        Apenas um fanboy que quer censurar os que reclamam da falta de honestidade dos “russófilos”.

        Eu não disse nenhuma mentira, por isso essa raivinha madura do cidadão.

        Agora se faz de vítima dizendo que são provocados e atacados?
        Haja paciência.

      • Deagol says:

        Na cabecinha dele ele entendeu que eu teria alguma informação contra ele em outro blog.

        Pelo jeito que ele escreve achei que ele era adulto, mas se comporta como uma criancinha mimada!

        Só em defedner essas baixarias covardes do Rafa ele já prova que é igual.

shared on wplocker.com