Defesa & Geopolítica

Catapultas eletromagnéticas para porta-aviões: China tira mais um ‘trunfo’ dos EUA

Posted by

A China desenvolveu sua própria catapulta eletromagnética para os porta-aviões, sendo que anteriormente os EUA eram o único país que usava esse tipo de equipamento. Fazendo isso, o país asiático tem como objetivo melhorar a capacidade de combate dos seus grupos aeronavais.

Engenheiros chineses testaram o protótipo da catapulta eletromagnética de fabricação nacional com aviões de combate J-15, afirmou o contra-almirante chinês Yin Zhuo à edição China Daily. O alto responsável militar especificou que os aviões efetuaram “milhares de decolagens” usando a catapulta.

As catapultas dos porta-aviões são utilizadas para dar um impulso extra à aeronave (o que não é necessário se a aeronave decola do chão), devido à pequena pista de aterrissagem dos porta-aviões. Anteriormente, esse impulso era produzido por vapor.

O dispositivo eletromagnético usa um cabo de aço que liga o avião à catapulta e o faz decolar. De acordo com a mídia, o uso da catapulta foi conseguido devido ao sucesso na produção de geradores de energia chineses que permitiu alcançar a potência necessária para usar o dispositivo.

Yin Zhuo adiantou, ademais, que o país asiático poderia alcançar os Estados Unidos neste campo tecnológico, desenvolvendo um sistema que os especialistas militares consideravam como uma tecnologia revolucionária.

O oficial general sublinhou que a China já possui tecnologias aprovadas, tanto de catapultas a vapor, como eletromagnéticas.

Fonte: Sputnik

 

 

9 Comments

  1. eu particularmente tenho dúvidas o tempo dirá, os eua tão trabalhando nisso a anos e só agora lançaram o primeiro navio

    • A notícia não foi “criada” pelo Sputnik, inclusive contém um link para a fonte da matéria, uma publicação chinesa…trecho da matéria original:

      ——-
      “Yin disse que a China foi capaz de desenvolver o dispositivo, porque seus engenheiros criaram um sistema de alimentação baseada em navio state-of-the-art.

      O país superou os EUA no desenvolvimento de tais sistemas, que são considerados por especialistas militares como uma tecnologia de mudança de jogo no hardware naval, disse ele.

      “Em comparação com os EUA, temos melhores tecnologias em peças-chave, tais como dispositivos de controle do motor e software de distribuição de energia.

      Somos líderes na pesquisa e desenvolvimento de sistemas elétricos de potência integrados”, disse ele.

      Yin disse que a China agora possui tecnologias comprovadas para ambas as catapultas a vapor e sistemas de lançamento eletromagnéticas.

      Ele disse segunda transportadora nacional projetado da Marinha vai usar um sistema de catapulta para ajudar decolagens em vez do modo de ski-jump.”
      ——-

      • “O país superou os EUA no desenvolvimento de tais sistemas, que são considerados por especialistas militares como uma tecnologia de mudança de jogo no hardware naval, disse ele.

        “Em comparação com os EUA, temos melhores tecnologias em peças-chave, tais como dispositivos de controle do motor e software de distribuição de energia.

        Somos líderes na pesquisa e desenvolvimento de sistemas elétricos de potência integrados”, disse ele.”

        Bravata apenas possível em uma ditadura totalitária onde não há liberdade de imprensa! Enquanto os chineses se vangloriam de sua tecnologia “superior” (pausas para gargalhadas) os EUA já comissionaram um NAe com tais catapultas. E quando os chineses colocarem em serviço o seu NAe com catapultas eletromagnéticas (2025-2030) os EUA já estarão com três navios em serviço com tal tecnologia.

      • Cesar A. Ferreira says:

        O únco bravateiro, aqui, é você troll…

  2. A previsão é que o 3º porta aviões chinês, agora em construção e com previsão de incorporação em + ou – 2021, seja equipado com catapultas a vapor.

    As catapultas eletromagnéticas seriam introduzidas no 4º porta-aviões chinês, a ser lançado entre 2025 e 2030; este porta-aviões teria também propulsão nuclear…

  3. Comentários que se perderam lá na matéria sobre os UCAVs chineses:

    ————–
    S-88
    20 de novembro de 2017 at 12:49

    Qual o “trunfo” que os chineses tiraram mesmo dos EUA? Os chineses SEQUER a têm instalada em um navio ao passo que o USS Gerald Ford (CVN-78), primeiro navio dotado das mesmas, já foi até comissionado:

    http://www.defesaaereanaval.com.br/fotos-exclusivas-do-comissionamento-do-uss-gerald-r-ford-cvn-78-pela-us-navy/

    Ademais os EUA inclusive já concordaram em ceder a tecnologia aos indianos:
    http://www.naval.com.br/blog/2017/10/18/eua-liberam-tecnologia-do-emals-para-india/

    Cadê o “trunfo” dos chineses mesmo?

    _________________

    Alvez8O
    20 de novembro de 2017 at 13:02

    Com “ceder” (aspas, aspas!) aos indianos, vc quer dizer: Venderam um pacote fechado, cheio de cláusulas impedindo o aceso a tecnologia em si…

    Já os chineses, desenvolveram e detém o domínio pleno da tecnologia das catapultas eletromagnéticas, um mundo de diferenças!

    ——

  4. Brasileiro tem um complexo de vira-latas do outro mundo além de ser invejoso, principalmente quando um outro país se revela capaz de competir ou superar os americanos em qualquer área.
    Parabéns aos chineses, indianos, paquistaneses ou seja lá quem for, o patriotismo deles faz deles o que são e onde querem chegar.
    Enquanto aqui um monte de imbecis não conseguem nem saudar ou comemorar o dia da Bandeira(19/11), a representante desta nação!
    Muito mais do que nós, eles tem muito do que se orgulhar, a nós antes de qualquer desqualificação, devíamos tomar de lição o que os fizeram chegar a este ponto.

  5. Cyber Warfare Officer says:

    Eu canso de dizer, se engana quem acha que já sabe tudo o que os EUA estão desenvolvendo…

shared on wplocker.com