Categories
Artigos Exclusivos do Plano Brasil Defesa Geopolítica Rússia Tecnologia

Protótipo do Bombardeiro estratégico PAK-DA tem data marcada para voo

Imagem meramente ilustrativa

E.M.Pinto

“Todos os documentos contratuais necessários para a produção do protótipo já foram assinados “ , disse uma fonte da indústria de defesa à Interfax .

Embora muitas das informações sobre esta nova aeronave sejam sigilosas, os rumores sobre o PAKDA tornaram a surgir na mídia russa, especialmente no último ano e agora se intensificaram após a declaração de Rússia e Estados Unidos de abandonarem os acordos de restrição de produção e uso de armas nucleares. 

As únicas informações declaradas pelas autoridades é de que o projeto é de uma aeronave subsônica e construída no conceito de asa voadora.  Recentemente a imprensa russa declarou também que o alcance da aeronave será ligeiramente maior que odos atuais bombardeiros Tu-160 e que a aeronave está sendo concebida para comandar e operar conjuntamente com drones para sua auto defesa.

O conceito de asa voadora foi escolhido pois fornece baixa visibilidade para a aeronave frente aos radares operando em ondas longas. Na nota para a Interfax, foi relatado que o PAKDA será equipado com os mais modernos equipamentos eletrônicos – incluindo radares, sistemas de navegação, comunicações e guerra eletrônica.

A principal arma do bombardeiro será um míssil hipersônico de longo alcance. Além de mísseis estratégicos, a aeronave será equipada com armas de alta precisão.

Em janeiro de 2016, o comandante-em-chefe das Forças Aeroespaciais da Rússia, Viktor Bondarev, anunciou que um protótipo do mais novo bombardeiro iria voar em meados de 2021, esta data foi novamente confirmada à Interfax.

Categories
Artigos Exclusivos do Plano Brasil Aviação Defesa Rússia Tecnologia

Projetistas estimam a data de lançamento do programa PAK DA

 

Créditos Paralay, imagem meramente ilustrativa.

E.M.Pinto

Em declarações à TASS, Alexander Konyukhov, diretor-geral da Tupolev PJSC afirmou que o  programa de voos  do Bombardeiro Estratégico de longo alcance de nova geração PAK-DA (Perspektivnyi aviatsionnyi kompleks dal’ney aviatsii ‘)  está previsto para ser iniciado nos próximos cinco a sete anos.

Konyukhov informou que o vento coincidirá como 50º aniversário do primeiro vôo do avião de passageiros supersônico Tu-144, e declarou que os avanços tecnológicos necessários para a aeronave estão em franco desenvolvimento, partindo de profundas revisões técnicas. Atualmente o projeto atende  pelo codinome Project 80 e que as Forças Aeroespaciais Russas estimam colocá-lo em serviço entre 2025 e 2030 após a realização de testes de avaliação.

Um pouco antes, o chefe do Comitê de Defesa e Segurança do Conselho da Federação, Viktor Bondarev, também disse que o trabalho de pesquisa sobre o projeto para estava em fase de conclusão.

Dentre as tecnologias mais inovadoras do novo bombardeiro estão a capacidade de:

  • Coordenar e operar em conjunto com uma nuvem de drones de ataque, defesa e guerra eletrônica.
  • Coordenar taques sincronizados com outras aeronaves
  • Lançar mísseis táticos e estratégicos furtivos
  • Lançar armas hipersônicas
  • Atacar em profundidade sem ser detectado
  • Atuar ativa e passivamente em ambiente de guerra eletrônica
  • Coordenar ataques de mísseis lançados por outras aeronaves
  • Efetuar ataques aos grupos navais
  • Efetuar ataques aos alvos estratégicos e táticos
  • Atuar como plataforma de reconhecimento.

O Programa visa substituir a linha de atuais bombardeiros Tu-22M3 e  Tu-95MS em um primeiro momento até meados da década de 30 e posteriormente os Tu-160 e Tu-160M2 a partir da década de 40.

Bondarev reforçou que muitos avanços já foram alcançados que teve seu início em 2009 e que o programa poderá ter seus protótipos em voo entre 2025-2026 e entrar na produção seriada em 2028 ou 2029. Em dezembro Bondarev afirmou que muito em breve seria anunciado o início da construção do primeiro protótipo do modelo.

A unidade de fabricação escolhida para a aeronave é a planta industrial de Kazan. Os custos estimados dos programas variam segundo os especialistas, porém alguns analistas consideram que cada aeronave deve custar em torno de US$ 300 milhões e qua VKS tenha necessidades de incorporação de 80 a 120 bombardeiros deste modelo para as próximas duas décadas.

 

 

Categories
Defesa Traduções-Plano Brasil

PAK DA da Rússia está sendo desenvolvido para servir de bombardeiro, centro de comando e avião de reconhecimento

Tradução e adaptação- E.M.Pinto (imagem meramente ilustrativa)

MOSCOU, 29 de junho / TASS /. O bombardeiro estratégico de longo alcance de nova geração proposto que está sendo desenvolvido pelo escritório de projetos da Tupolev terá uma variedade de funções. Será configurado como um bombardeiro, centro de comando e aeronave de  reconhecimento. É o que constam nos memorandos compilados para uma reunião do conselho para apoio legislativo ao complexo industrial de defesa e cooperação técnico-militar sob o Conselho da Federação.

Mais cedo, o chefe do comitê de defesa e segurança do Conselho da Federação, Viktor Bondarev, disse que a pesquisa e o desenvolvimento estavam quase concluídos e que um avião multifuncional de longo alcance que substituirá o Tupolev-22M3, o Tupolev-95MS e o Tupolev-160 designado como PAK DA está escalado para entrar em vigor em 2025-2030 após o teste.

O vice-ministro da Defesa Yuri Borisov disse anteriormente que um novo bombardeiro estratégico poderia ser apresentado ao público em 2018. A PAK DA, disse ele, pode fazer o primeiro vôo em 2025-2026 e começar a ser produzido em série em 2028 ou 2029.

Fonte: Tass