Defesa & Geopolítica

Força aérea do Azerbaidjão transforma antigos aviões soviéticos em drones

Posted by
Tradução e adaptação- E.M.Pinto

Estão  surgindo detalhes sobre o abate de várias aeronaves An-2 do Azerbaijão durante o conflito étnico e territorial sobre Nagorno-Karabakh.

Os combates entre as forças armenas e azeri culminaram novamente na disputada regional separatista de Nagorno-Karabakh. Durante a nova fase do conflito, vários aviões agrícolas biplanos An-2 da era soviética foram derrubados na linha de frente. Vale a pena mencionar que o An-2 é uma aeronave agrícola já obsoleta que voou pela primeira vez em 1947, durante a reconstrução da União Soviética após a Segunda Guerra Mundial.

Portanto, o reaparecimento tão ativo desse tipo de aeronave no campo de batalha foi uma completa surpresa para muitos, entretanto, posteriormente soube-se que o Azerbaijão estava usando essas aeronaves para identificar posições de defesa aérea inimiga.

Os militares do Azerbaijão converteram um avião civil da era soviética em um veículo aéreo não tripulado, agregando a eles equipamentos especiais que ocupam o lugar de um piloto humano na cabine de um avião, substituindo a tripulação por um kit que leva pouco tempo para ser instalado.

O Ministério da Defesa da Armênia também postou alguns vídeos mostrando um ataque ao AN-2 do Azerbaijão sobre Nagorno-Karabakh.

Destroços do AN-2 do Azerbaijão

Ao mesmo tempo, novas imagens de satélite mostraram que o Azerbaijão implantou mais de 50 aviões biplanos An-2 no aeroporto de Yevlakh.

O presidente do Azerbaijão, Ilham Aliyev, ordenou a imposição da lei marcial em algumas regiões do país e pediu o toque de recolher nas principais cidades. Em um discurso transmitido pela televisão à nação, Aliyev disse que “há perdas entre as forças do Azerbaijão e a população civil como resultado do bombardeio armênio”, mas não deu mais detalhes. Ele também afirmou que “muitas unidades do equipamento militar do inimigo foram destruídas”.

Fonte: Defence Blog

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

shared on wplocker.com