Defesa & Geopolítica

DIFERENCIAL TECNOLÓGICO: EQUIPAMENTOS DE VISÃO NOTURNA PERMITEM OPERAÇÕES EM AMBIENTES PRIVADOS DE LUZ.

Posted by

Rio de Janeiro (RJ) – No mês de junho, a Seção de Optrônica do Arsenal de Guerra do Rio (AGR) enviou ao Batalhão de Manutenção e Suprimento de Armamento (BMSA), 33 Monóculos de Visão Noturna modelo Loris, para serem distribuídos às diversas organizações militares operacionais do Exército Brasileiro.

O Monóculo de Visão Noturna Loris é um equipamento de origem belga que utiliza a tecnologia de amplificação da luz residual, praticamente imperceptível ao olho humano, possibilitando realizar operações em ambientes escuros. Eles são adquiridos por meio da Comissão do Exército Brasileiro em Washington (CEBW) e entregues ao AGR pelo BMSA completamente desmontados, em um processo conhecido como Completely Know-Down (CKD).

Coube à Seção de Optrônica do AGR a montagem e os testes do material, a fim de torná-los disponíveis para serem disponibilizados às organizações militares da Força Terrestre, aumentando significativamente a capacidade operativa da tropa. Tais equipamentos possibilitam desenvolver atividades peculiares em ambientes privados de iluminação adequada, tornando o uso desse equipamento um diferencial para o sucesso das missões.

Fonte: EB

3 Comments

  1. Foxtrot says:

    Gostaria de saber como anda o desenvolvimento e entrega do OVN nacional OLHAR VDN X1?
    A ultima informação que obtive, era de que o mesmo estava concluído e em fase de experimentação doutrinária no 1º batalhão de forças especiais.

  2. Ferreira Junior says:

    Boa pergunta! Pois 33 monóculos para todo o Exército, só pode ser piada de mal-contada.

    • Lucas Iglesias says:

      É por isso que eu não consigo mais levar a sério as FA brasileiras. Infelizmente tenho que admirar outras forças que fazem mais com menos.

shared on wplocker.com