Defesa & Geopolítica

Batalha de Kursk – o maior duelo de tanques da história

Posted by

Tanque alemão Panzerkampfwagen VI “Tiger”

A Batalha de Kursk, que ocorreu entre 5 de julho e 23 de agosto de 1943, foi um ataque malsucedido da Alemanha às forças soviéticas em torno da cidade de Kursk, no oeste da Rússia, durante a Segunda Guerra Mundial. Foi também a última ofensiva da Alemanha à Frente Oriental e a maior batalha de tanques que o mundo já viu.

Esse confronto era uma tentativa de revanche alemã após a derrota na Batalha de Stalingrado e foi codificada como Operação Citadel.

“Nenhuma ofensiva foi preparada tão cuidadosamente quanto esta”, declarou então o general alemão Friedrich von Mellenthin.

O desfecho, porém, contrariou as expectativas do Exército nazista. Com a vitória estratégica da URSS, as potências do eixo perderam a habilidade de iniciar operações ofensivas estratégicas e o Exército vermelho ganhou vantagem sobre a Wehrmacht.

A Batalha de Kursk foi o maior duelo de tanques da história, envolvendo cerca de 6.000 veículos blindados, 2 milhões de soldados e 4.000 aeronaves. Quando a luta chegou ao fim, as forças alemãs haviam perdido 200 mil militares e 500 tanques; já do lado soviético, foram 860 mil baixas e 1.500 tanques perdidos.

IRINA SIDOROVA

Foto: Tanque alemão PzKpfw IV na batalha de Kursk, em julho de 1943.

Fonte: Gazeta Russa

 

4 Comments

shared on wplocker.com