Defesa & Geopolítica

Soldados chineses entraram no Afeganistão

Posted by

Diversas mídias internacionais tem relatado a incursão de tropas chinesas no Afeganistão,  o Military Times chegou a disponibilizar um mapa das operações militares em conjunto nas regiões fronteiriças, que segundo a mídia, fazem parte de um acordo entre os países.

Estas incursões são próximas as regiões onde a OTAN mantém seus efetivos na eterna guerra contra o Talibã em solo Afegão.

Há imagens sobre o s veículos chineses patrulhando a região fronteiriça no lado afegão e inclusive, de tropas e hardware mais pesado como brigadas mecanizadas e veículos blindados que alegadamente compõe a força chinesa naquela área.

Segundo o Polite life site russo de informações, cerca de 4 mil Soldados chineses entraram no Afeganistão e realizaram operações em terreno, a informação foi dada segundo o site pelo próprio Pentágono.
De acordo com os militares dos EUA, o PLA está participando de operações contra os grupos armados ilegais no Afeganistão norte-oriental, juntamente com os soldados do Exército Afegão. As operações são alegadamente efetuadas ao longo do trecho de 60 quilômetros da fronteira comum entre os dois países.

O Polite relata que de acordo com o especialista em estratégias e tecnologias, Vasily Kashin, as forças especiais do PLA começou a conduzir as operações militares limitadas no chamado Corredor Wakhan desde os anos  2012 e 2013. Os chineses estão engajados na localização e destruição de integrantes do Movimento Islâmico do Turquestão Oriental, e outros grupos semelhantes.

Porém, Kashin ressalta que aparentemente em 2017 as operações são destinadas a outros objetivos onde começou-se a fazer patrulhas regulares, como parte de um mecanismo de segurança comum, que eles estabeleceram com o Tajiquistão, Afeganistão e Paquistão.

Fonte: Polite life

shared on wplocker.com