Defesa & Geopolítica

Turquia perto de finalizar o contrato para aquisição de sistemas S-400 Russos

Posted by

Segundo a agência de notícias Russa, TASS, Líderes  e representantes de defesa Russa e Turca estão  reunidos nesta semana na Turquia para finalizar um acordo de aquisição de  sistemas de defesa  russo S-400 Triumph. A Agência ressalta que as negociações entre os dois países foram iniciadas 2016 e que segundo os comentários do ministro turco Mevlut Cavusoglu aos meios de comunicação locais, as partes estão perto de chegar a um acordo.

O diário Sabah  reportou que o Ministério da defesa da Turquia afirma que objetivo da compra é satisfazer as necessidades de defesa de mísseis do país enquanto sua indústria trabalha para desenvolver e produzir uma solução doméstica e que certamente a Turquia precisa de um sistema de defesa antimísseis e iniciou um programa com o objetivo de desenvolver nosso sistema produzido no país. Cavusoglu lembrou que um sistema complexo como este leva tempo para ser desenvolvido e que a solução paliativa passou por negociar estas armas com vários países, mas que a Rússia é o candidato mais adequado para atender as necessidades do país neste momento.

De fato o governo da Turquia manifestou interesse pelos S-400 desde 2013, quando inicialmente se aproximou da China para o sistema de mísseis chinês similar aos S-300. Os oficiais foram forçados a cancelar o negócio em novembro de 2015 em resposta à desaprovação da OTAN.

O sistema de mísseis S-400 é uma solução antiaérea desenvolvida pelo escritório de projetos russo, Almaz Central Design Bureaue que foi concebido para substituir as antigas plataformas S-300.   A arma é capaz de lançar vários tipos d emísseis dedicados as mais variadas funções que incluem mísseis de longo alcance, de médio alcance e de curto alcance.

O S-400 estreou no conflito Sírio levanto inúmeros rumores de observadores militares quanto ao eminente risco de incidente entre a Turquia e Rússia especialmente porque o sistema foi implantado justamente após o abate de um caça SU-24 Russo por caças turcos, num episódio que de fato provou ser mais capaz de aproximar que distanciar os países que já mantiveram conflitos acirrados no passado.

Na altura, a Turquia protestou alegando que os sistemas russos ultrajavam a soberania turca por seus radares e sistemas de mísseis serem capazes de penetrar no seu espaço aéreo desde Latakia até proximamente Ankara.

Em seu pronunciamento Cavusoglu afirmou acreditar que seus parceiros da OTAN entenderão que a decisão da Turquia até  porque há muitos membros da aliança que igualmente adquirem sistemas de procedêencia russa e Chinesa.

25 Comments

shared on wplocker.com