Defesa & Geopolítica

Governador oficializa instalação de empresa bélica dos Emirados Árabes em Goiás

Posted by

image

Empresa, que será instalada em Anápolis, deve gerar cerca de 2.250 empregos diretos e indiretos.

O governador Marconi Perillo oficializou hoje os entendimentos para que a empresa de armas Caracal International LLC seja implantada em Goiás, dizendo que quer rapidez da parte do governo de Goiás para destravar os caminhos que garantirão a instalação.

A decisão foi oficializada durante reunião realizada no Palácio Pedro Ludovico Teixeira com o COE da empresa, Hamad Salem Al Almeri, e representantes da Delfire Industria e Comercio de Extintores, parceira no empreendimento. A Caracal representa uma quebra de paradigmas por ser a primeira indústria bélica a ser instalada no Estado.

image-1

A empresa Delfire indústria e Comércio de Extintores, com sede no Distrito Agroindustrial de Anápolis (DAI-A), já havia firmado acordo com a Caracal International LLC para a instalação de uma planta industrial da empresa em Goiás e aguardava a autorização oficial do governador Marco Perillo, que foi dada hoje. A iniciativa tem apoio do governo de Goiás, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SED) e da Secretaria de Segurança Publica e Administração Penitenciaria (SSPAP).

A Caracal e dedicada à produção de armamentos e munições exclusivas pra forças de segurança pública do Brasil e com atenção voltada para o mercado da América Latina. Ela está planejada para entrar em funcionamento em aproximadamente 12 meses a partir deste acordo. A previsão é de que sejam gerados cerca de 1.250 empregos diretos e indiretos com a consolidação do projeto

Fonte: O Popular

5 Comments

  1. Claudio Moreno says:

    Que venha somar!

  2. Melkor says:

    Alguém sabe dizer se alguma força de segurança do Brasil usa armamento produzido por esta empresa. Fico imaginando qual seria o interesse de uma empresa como essa se instalar num país com Mercado tão pequeno.

  3. MAGOGUE says:

    Ai sim investimentos para o Brazil,é isso que precisa muitas impresas belicas por aqui.

  4. Athos says:

    Aparentemente foi uma boa mas….do estado de Goiás….para sair coisa boa é uma dificuldade….

  5. Jorge Knoll says:

    Concorrência para IMBEL
    companhia brasileira de cartuchos, acho que não existe Mais.

shared on wplocker.com