Defesa & Geopolítica

HAITI: Venezuela envia ajuda humanitária as vítimas do Furacão Matthew.

Posted by

ayuda-venezuela-cuba-sady-barco-goajira

Por  Ghost especial para o Plano Brasil

As Forças Armadas da Venezuela (Fuerza Armada Nacional Bolivariana) mobilizou seus meios navais através da Armada Nacional Bolivariana e seus meios aéreos com a Aviación Militar Bolivariana para enviar ajuda humanitária as vítimas do Furacão Matthew que devastou o Haiti

A Marinha da Venezuela mobilizou os navios de desembarque anfíbio T-63 Goajira e T-64 Los Llanos ambos da classe Capana. Juntos os navios estão transportando mais de 600 toneladas de ajuda humanitária.

despedida-ayuda-cuba-venezuela-sandy-foto-miozotis-fabelo

Segundo declarações do Ministro do Interior e da Justiça Venezuelana e também atual comandante da Guarda Nacional Néstor Luis Reverol Torres a Venezuela esta prestando sua solidariedade ao povo Haitiano. Alem do material de ajuda Humanitária (Comida, Aguá, Colchões e Remédios) a Venezuela também está disponibilizando veículos para a remoção de escombros como tratores, escavadeiras e caminhões. Por sua vez a Força Aérea da Venezuela enviou um avião  Shaanxi Y-8F-200W do Grupo de Transporte Nº6 com 20 toneladas de carga composta por alimentos, água e medicamentos.

ayuda-cuba-venezuela-barco-goajira

Diversos países têm enviado donativos para serem distribuídos às vítimas da tragédia. De acordo com levantamento realizado pelo Escritório Civil de Assistência Humanitária (OCHA – sigla em inglês), da Missão das Nações Unidas para a Estabilização no Haiti (MINUSTAH – sigla em inglês), existem, atualmente, cerca de 1.400.000 haitianos necessitando de ajuda humanitária.

3 Comments

  1. wandfig says:

    Humm a Venezuela fazendo igual ao Brasil ,enquanto os venezuelanos passam fome por não ter o q comprar ,o governo deles enviam comida a outros povos e os brasileiros sem nenhuma segurança em varias cidades, o nosso governo envia tropas pra dar segurança a outros povos .vai entender esses governos de bananas

  2. Relojoeiro says:

    O Brasil, hoje, é um anão diplomático. É muito mimimi e pouca atitude de país grande. Não é a toa que precisamos de uma Missão Humanitária Cubana para suprir os médicos que os corporativistas nacionais em 500 anos não conseguiram suprir.

    • Nako says:

      Muito humanitária a missão, cubana tanto que o segundo Castrinho já emboçou mais de dois bilhões como pagamento retirado do salario dos médicos, é no máximo uma prestação de serviço que seria muito melhor dando cidadania e efetivação destes médicos no cargo.

shared on wplocker.com