Defesa & Geopolítica

EUA enfrentam falta de pilotos de caça

Posted by

A Força Aérea norte-americana se prepara para escassez de pilotos de caça devido à concorrência entre as Forças Armadas do EUA e companhias aéreas civis.

A Força Aérea dos EUA (USAF em inglês) é afetada pela insuficiência de recrutamento.

«Neste ano, a falta é de 700 pilotos de caça, mas, de acordo com as previsões o número aumentará para mil pessoas em 2022», relata a CNN, citando o secretário da Força Aérea dos EUA Deborah Lee James e general David Goldfein, vice-chefe da Força Aérea norte-americana.

Eles acrescentaram que uma das razões da falta de pilotos é a concorrência que existe entre a Força Aérea e empresas aéreas civis.

“É esperado que empresas aéreas empreguem mais pilotos. Eles já vinham intensificando a contratação”, declarou James.

David Goldfein sublinhou que o Pentágono prevê aumento de salário para pilotos de caça.

“Devemos tomar medidas para nos tornarmos mais competitivos”, concluiu o vice-chefe da Força Aérea dos EUA.

A Força Aérea dos EUA conta com 5.778 aeronaves, cerca de 156 drones, 2.130 mísseis de cruzeiro e 450 mísseis balísticos intercontinentais. A USAF é composta por 330 mil militares no serviço ativo, 74 mil adicionais na reserva e 105 mil na Guarda Nacional Aérea.

Foto: John Dibbs – F-22 Esquadrão Alaska FS 90 (Pair o’ Dice) 2007

Edição/Imagem: Plano Brasil

Fonte: Sputnik News

 

7 Comments

  1. Lucena says:

    Esse problema que a USAF está passando pela falta de pilotos é a síndrome girassol … onde o instinto de sobrevivência fala mais alto .

  2. Warpath says:

    Lindaço as fotos!!

  3. Fotos belíssimas
    Vão ter que aumentar os soldos

  4. Rafa_positron says:

    Lobby dos EUA pra conseguir mais pilotos pra Defesa

    • A Máquina Troll says:

      não…é por medo dos OBOGS dos Abacaxis mesmo…… 😉

  5. Professor says:

    Lobby dos EUA pra conseguir mais pilotos pra Defesa (2)

  6. Topol says:

    Os aviadores estão usando a força aérea como escada para se formarem e pegar experiência e depois dando baixa e partindo para a aviação civil que paga muito mais

shared on wplocker.com