Defesa & Geopolítica

Pentágono suspeita que navio de inteligência russo execute atividades ao largo da costa dos EUA

Posted by

3V93sxqn9Cc

Navios de inteligência, veículos aéreos não tripulados e satélites dos Estados Unidos estão monitorando de perto o navio russo “Âmbar” (“Yantar” PROJECT 22010), que não está muito longe da base norte-americana de submarinos nucleares em Kings Bay.

O navio encontrava-se no Atlântico Norte no litoral do Canadá até o final de agosto, em seguida, virou-se em direção ao sul de Cuba e em 01 de setembro foi visto à 90 milhas ao norte das Bahamas, 769 milhas de Kings Bay.

Os militares dos EUA acreditam que o “Ambar” coleta informações de inteligência sobre os sensores submarinos instalados no leito marinho e por outros equipamentos usados por submarinos norte-americanos.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Eles acreditam que esta missão é parte de uma das maiores operações de inteligência estratégica da Rússia. O Pentágono, foi alarmado com a notícia de que o navio está equipado com veículos de profundidade e equipamentos para corte de cabos.

Uma fonte no Pentágono também disse que a missão “Amber” poderia ser a preparação para o corte de comunicações subaquáticas. Alegadamente Moscou está tentando descobrir as principais linhas da Rede de Informação do Departamento Global de Defesa (Dodin), vitais para a defesa do Estado.Ambar (1)

Este funcionário do Pentágono disse: “Nós respeitamos a liberdade de todas as nações para as ações dos navios militares em águas internacionais, em conformidade com o direito internacional.”

O analista canadense Steffan Watkins, que monitora o movimento de navios russos disse que a Rússia envia seus navios na região do Atlântico Norte uma ou duas vezes por ano para verificar os sensores submarinos e cabos que são detectados a fim de descobrir novos equipamentos instalados no fundo do mar.

Em abril de 2014, o Pentágono anunciou a presença de dois navios russos “Victor Leonov” e “Nicholas Chiker” não muito longe de Kings Bay.

Ambar (1)

O Navio oceanográfico “Amber” foi transferido para a Marinha Russa em 23 de maio de 2015. Destina-se a investigação em águas profundas. O navio transporta dois veículos submarinos tripulados que podem operar em grandes profundidades.

O navio possui um deslocamento de 5230 toneladas, comprimento – 108 metros, e boca de 17,2 metros.

shared on wplocker.com