Categories
Defesa Negócios e serviços Sistemas de Armas

Big Bang: Índia acerta três grandes negócios com a Rússia, Europa e os EUA

Imagem-2-C295W-Índia-.Tradução e adaptação: E.M.Pinto
Uma “Big” série de decisões passou-se através da rampa do Ministério da Defesa indiano. Uma decisão esperada a qual  tornou a Tata-Airbus o vencedor da concorrência  ( sela o fim do programa MTA Ilyushin-HAL ?) e que fornecerá 16 aeronaves de transporte C295 bem como a licença de produção de outras 40 em solo indiano. Um passo histórico, essa será a primeira aeronave construída para as forças armadas Indianas, integralmente produzida por uma empresa privada, ou mesmo, por qualquer empresa,  exceto HAL.Ka 226T
O Conselho de Aquisição de Defesa (DAC), órgão do Ministério da Defesatambém causou surpresa ao anunciar a vitória da Kamov da Rússia que vai criar uma linha local para montar cerca de 200 helicópteros leves Ka-226T para a Força Aérea e Exército indiano.
Mais significativamente para o exército, o governo cancelou a fabricação de 145 obuses 155mm  BAE Systems M777 na Índia. artilharia-do-USMCOutras ofertas incluem um ir em frente com a aquisição de 38 treinadores básicos Pilatus PC-7 Mk.2, A  IAF também deve obter duas aeronaves de 7 anos de idade, de fuselagem larga da estatal Air India para a seu a esquadrão comunicação VVIP . M_Id_390066_Pilatus
Para a Marinha indiana, o Ministério da Defesa cancelou as reuniões para os seis regimentos do míssil BrahMos para os três destróieres da classe Delhi e as primeiros três fragatas da classe Talwar. Estudos preparatórios para a construção do segundo porta-aviões autóctone da Índia caminharam sem problemas.
Fonte: Live Fist

7 replies on “Big Bang: Índia acerta três grandes negócios com a Rússia, Europa e os EUA”

Ilya Ehrenburgsays:

É preciso ler com cautela esta notícia. O programa MTA visa a fabricação de uma aeronave de transporte tático à reação da ordem de 22/23 toneladas de capacidade, ou seja, equivalente ao nosso KC-390. O CASA/AIRBUS C-295 é uma aeronave de 9 toneladas de capacidade, com desempenho muito inferior aquele projetado para o MTA…

Enquanto uns investem na própria defesa outros cortam “Gastos” na área de defesa!

Tá certa a Índia!

Valeu!

Julio Brasileirosays:

A India não tem.o PIG, nem seu estafetas aprendizes de feiticeiro.

1maluquinhosays:

Nossa que máximo né mesmo kkkk.
Sempre adquirindo de tudo de varias fontes depois deixando tudo largado por falta de manutenção adequada kkkk Conseguem serem piores do que nós e tem gente que acha isso o maximo kkkk.

“Mais significativamente para o exército, o governo cancelou a fabricação de 145 obuses 155mm BAE Systems M777 na Índia.”

O ‘capital status quo’ não vai ficar nada feliz com isso… para a nossa alegria!!

😀

Comments are closed.