Defesa & Geopolítica

Reconstrução da Estação Antártica brasileira está prevista para o final deste ano

Posted by

A vencedora da licitação foi a empresa estatal chinesa CEIEC Corporation que irá reerguer a base brasileira, incendiada em 2012. As obras devem começar no próximo verão antártico que vai de dezembro deste ano a março de 2016.

Foto: Marinha do Brasil

Projeto da Futura Estação Antártica Comandante Ferraz (EAFC).

Projeto da Futura Estação Antártica Comandante Ferraz (EAFC).

Para o trabalho que será realizado, a empresa chinesa pediu US$ 99,6 milhões, sendo o menor valor quando comparado com os valores das empresas finlandesas US$ 104,8 milhões e chilenas US$ 110,4 milhões, que ficaram em segundo e terceiro lugares, respectivamente.

Todos os estudos referentes aos impactos ambientais para a construção da Estação foram realizados e aprovados pelo Ministério do Meio Ambiente. Além disso, foram consentidos também todos os projetos científicos que seguiram o Protocolo de Proteção Ambiental da Antártica e que deverão orientar a reconstrução da base brasileira.

Para atender este Protocolo, foi realizada uma força tarefa entre a Secretaria da Comissão Interministerial para Recursos do Mar (SeCIRM), Ministério do Meio Ambiente e o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) que trabalharam para atender às exigências que reduzam os impactos ambientais.

O incêndio
A base brasileira teve cerca de 70% de suas instalações destruídas pelo incêndio que teve início na praça de máquinas da unidade, onde funcionavam os geradores de energia elétrica da estação. O incêndio, que aconteceu em fevereiro de 2012, levou a óbito dois militares brasileiros.

Apesar da grande destruição, alguns pontos da base permaneceram intactos como os laboratórios de estudo da alta atmosfera e de química e de meteorologia; os módulos isolados para emergência – que servem para refúgio e os dois módulos de captação de água doce. Também foram poupados os tanques de combustíveis, o heliponto e a estação-rádio de emergência.

O Proantar
O Brasil, nos últimos 30 anos, realiza pesquisas científicas em diversas áreas do conhecimento na Antártica, o que reforça sua condição de Membro Consultivo do Tratado da Antártica. O Programa Antártico Brasileiro (PROANTAR), por exemplo, tem contribuído para o desenvolvimento da ciência antártica que tem um papel essencial nos sistemas naturais globais.

A Antártica, considerada a maior reserva do planeta, possui 90% de gelo e 70% de água doce é o principal regulador térmico da Terra. Com recursos minerais e energéticos incalculáveis, a Antártica controla as circulações atmosféricas e oceânicas, influenciando o clima e as condições de vida no planeta.

Assessoria de Comunicação
Ministério da Defesa
61 3312-4071

9 Comments

  1. Melkor says:

    Parceria estratégica. Ê Brasilzão. Até isso?
    A licitação deveria ser interna, somente para construtoras brasileiras. A tecnologia nacional nessa unidade já é tão pouca e agora até a construção dos módulos está sendo entregue a estrangeiros.
    E dá para acreditar que já estamos 3 anos sem estação própria?
    Marcha lenta.

    • Lucas Senna says:

      Ainda bem que não foi fechada para empresas brasileiras somente, do contrário a base nunca sairia do papel, já que não temos tecnologia para tal, simples assim. E a construção da nova exige urgência, não dá para esperar mais 3 anos num monte de containers improvisados, todo o programa antártico já está severamente atrasado pela demora na decisão. Tivesse isso sido feito antes, a nova já poderia estar em construção. Agora é torcer pra liberarem a verba e o contrato ser assinado.

    • helveciofilho says:

      Enquanto não passa a era macartista tupiniquim … onde um empreiteiro pode virá refém de um juizinho que só prende petista corrupto e deixa os outros corruptos de outros partidos livre … vai fica muito difícil .
      .
      Basta vê o caso da Odebrecht … a sua diretoria virou alvo da turma que tem como slogan … ” SABOTA BRASIL”.
      .
      Deve ser por isso, um dos motivos da macha lenta …. más se dependesse dessa gente ( quanto pior melhor ) …o Brasil, estaria já totalmente parado e atolado .. até quando o santo dos paneleiros vier retirá-lo no lugar onde eles mesmo colocaram.

      • helveciofilho says:

        Aécio lança o “impeachment light” para tentar não perder apoio dos paneleiros.
        .
        .
        (…) ” é que, após as eleições do ano passado, o PSDB perdeu a primazia da oposição, seja na opinião pública, seja no Congresso. Nas ruas, movimentos há poucos meses desconhecidos assumiram a frente dos protestos contra Dilma, enquanto líderes tucanos assistiam da janela. Correm atrás do tempo perdido.” (…)
        .
        .
        (*)fonte: [ tijolaco.com.br/blog/?p=26900 ]

  2. Pingback: Reconstrução da Estação Antártica brasileira está prevista para o final deste ano | DFNS.net em Português

  3. stadeu says:

    Acho uma ótima notícia, essa estação tem que sair por bem ou por mal , custe o que custar, e se a China está fazendo o papel que outros deveriam fazer não adianta chorar, eles estão aproveitando um vácuo de oportunidades que antes pertencia a americanos e europeus … grana e inteligência deles, claro.

  4. Topol says:

    TRUCO !!!

    Eu duvido que essa base saia essa ano ! A menos que chinês resolva trabalhar de graça, porque o din din a tia Dilma tesourou !

    • Lucas Senna says:

      Exatamente meu pensamento. O orçamento desse ano tá contingenciado até a alma, esse ano não sai nada, com sorte fica pro começo do verão do ano que vem e termina em 17.

  5. ,..Antes isso q nada, trágico.Sds. 🙁

shared on wplocker.com