Defesa & Geopolítica

França vai conduzir testes de mar com navio da Classe Mistral adquirido pela Rússia

Posted by

O segundo de dois navios de assalto anfíbio da Classe Mistral de fabricação francesa adquiridos pela Rússia, mas que ainda não foram entregues ao país por questões políticas ligadas aos conflitos desencadeados na Ucrânia, que vive uma guerra civil, fará o seu primeiro teste de mar entre os dias 16 e 20 de março.

Segundo a DCNS, serão verificados os sistemas de navegação da belonave e os testes não incluirão tripulações russas, que já passaram por instruções com seis meses de duração no navio no estaleiro de Saint Nazaire.
Batizado de Sebastopol, a construção do navio deve ser finalizada ainda este ano.

Em junho de 2011 a Marinha da Rússia assinou um contrato avaliado em US$ 1,6 bilhões para a compra de dois navios de desembarque anfíbio da Classe Mistral para serem fabricados na França, com opções para outras duas belonaves a serem fabricadas na Rússia, garantindo transferência de tecnologia. O Vladivostok foi lançado em outubro de 2013 e teria que ter sido entregue em novembro de 2014.

Por pressões políticas do Ocidente devido à guerra civil da Ucrânia, a França optou em não entregar o Vladivostok. A Rússia também comprou da França as tecnologias de comunicação, controle e informações de combate.

O Mistral cumpriria quatro tarefas na Marinha da Rússia, sendo como navio de desembarque anfíbio, porta-helicópteros, posto de comando e controle e hospital em casos de catástrofes.

Cada navio pode transporter até 16 helicópteros (lançando seis simultaneamente no convoo), 40 blindados (ou 70 veículos motorizados) e até 450 soldados além da tripulação.

Fonte: C&R

One Comment

shared on wplocker.com