Defesa & Geopolítica

Grécia terá resgate dos BRICS se deixar União Europeia, assinala economista

Posted by

Redação, com RT – de Washington

De acordo pesquisa levantada após o fechamento das urnas, a aliança esquerdista Syriza saiu vitoriosa nas eleições parlamentares na Grécia

“O enfoque da União Europeia (UE) quanto à dívida grega fracassou e deve ser alterado”. A afirmação é do economista norte-americano Paul Craig Roberts, que atuou na Secretaria do Tesouro durante o governo republicano de Ronald Reagan. Robert acrescenta que a pressão sobre a Grécia é um estímulo à desintegração da União Europeia.

– Não conhecemos que ameaças o governo grego tem recebido de Berlim e de Washington. Podem ser tremendas – afirmou Roberts, diretor do Instituto de Política Econômica e pós-graduado na Universidade de Oxford.

Caso a Alemanha decida que a Grécia deve abandonar a União Europeia, afirma, “este seria um grande erro e o começo da desintegração da UE”.

– Se a Grécia deixar a UE será um erro terrível, porque se sair e for resgatada pelos BRICS (grupo geopolítico integrado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, na sigla em inglês), Itália e Espanha poderão seguir o exemplo e iniciar negociações semelhantes – analisa.

O economista, que manteve uma coluna no Wall Street Journal, prevê tempos difíceis para o bloco econômico europeu, a permanecer os atuais níveis de tensão sobre o governo comunista grego.

– O fato de não se dar conta de que não se trata apenas de um crédito à Grécia, mas à própria União Europeia, poderá levar o bloco à divisão. A UE não entendeu o que realmente está em jogo. Não é uma questão de sanar a dívida grega. Trata-se da existência da UE – concluiu.

Fonte: Correio do Brasil

34 Comments

shared on wplocker.com