Defesa & Geopolítica

Vem ai: AH-X Brasil – Um raio-X dos principais helicópteros de ataque da atualidade

Posted by

Slide1

 

 

E.M.Pinto

 

A partir de 01 de Fevereiro de 2015 e atendendo ao pedido dos leitores, o Plano Brasil em colaboração com o trilogia Warfare  iniciará uma série de reportagens especiais e análises dos principais helicópteros de ataque hoje existentes.

As reportagens serão curtas e visam apresentar os principais aspectos e peculiaridades dos mais recentes projetos de aeronaves existentes. Deixamos para o público em geral as discussões a cerca dos modelos ideais, a  melhores máquinas, vantagens e desvantagens dos projetos.

Na série de reportagens serão apresentados os helicópteros:

  • Boeing-AH-64 D Block III – Apache
  • Bell- AH-1Z – Viper
  • Agusta Westland AW-129 – Mangusta
  • Kamov KA-52 – Aligator
  • Mil Mi-28 NE – Night Hunter
  • CAIC – Z 10- Fierce Thunderbolt
  • Denel – AH-02 – Rooivalk
  • Eurocopter EC 665-Tiger

16 Comments

  1. Pingback: Vem ai: AH-X Brasil – Um raio-X dos principais helicópteros de ataque existentes | DFNS.net em Português

  2. Jakson de Almeida says:

    Ta legal!Mas porque não concentrar na provável short list (na minha opinião)do EB:
    Bell- AH-1Z – Viper
    Agusta Westland AW-129 – Mangusta
    Eurocopter EC 665-Tiger

    • HMS_TIRELESS says:

      O short list ficou entre o AH-1Z, o Mi-28 e o Mangusta

    • Salve Jackson, na verdade a ideia das matérias é apresentar e atualizar as informações acerca das aeronaves apresentando as qualidades de cada um, não são trabalhos comparativos, mas informativos, tal como foi feito com os MBT.
      Por esta razão serão apresentados os principais modelos.
      Abraço
      Edilson

    • Salve Jackson, vamos estender para mais helicópteros até para que o leitor entenda o que há de novidades em cada um deles. Qto as alegações de um short list, o próprio serviço de comunicação do exército já desmentiu tais boatos a firmando ser criação de seus autores.
      Abraço

  3. Ilya Ehrenburg says:

    O Exército Brasileiro divulgou os modelos que deverão ser avaliados, modelos estes que já se tornaram motivo de discussão em fóruns. Fazem parte da lista dois modelos russos, um italiano e um europeu. Nenhum helicóptero de ataque norte-americanos foi selecionado o que é significativo.

    Os modelos foram: Mi-28N, Ka-52, A-129 e o EC-665 (Tiger).

    Minha aposta: Tiger fora por ser muito caro; Ka-52 por ser pouco convencional, e os militares (os nossos) tendem a ser conservadores quando adotam vetores novos… Sobram o A-129 e o Mi-28N. Apesar do A-129 ter sido considerado muito leve, mais para um scout do que um verdadeiro helicóptero de ataque, demonstrando no Afeganistão que não conseguia seguir os Chinooks se esses estivessem em potência máxima, e de não dispor da capacidade de carga paga e blindagem do Apache, acredito, que ainda assim será o favorito, visto que ganhou novo motor, é pequeno e acima de tudo, algo importante para os nossos militares, é ocidental. O MI-28N, mesmo demonstrando ser um helicóptero versátil, potente, blindado e equiparável ao Apache, tem o pecado original de ser russo, e isso pesa, pesa muito…

    Quanto a iniciativa do site Plano Brasil de trazer painéis informativos de helicópteros de ataque, só posso aplaudir. E o fato de incluir equipamentos norte-americanos, apesar dos mesmos não terem sido anunciados pelo EB como alvos de futura avaliação, em nada pesa, pois serve como informação e servirá aos leitores como parâmetro comparativo.

    • Também sei dessa de dois russos e dois “ocidentais”.

      Mas o paradigma foi quebrado com o MI-35 em nossas forças, talvez dê o MI-28NE… vamos esperar!

    • Sayd_jarrad says:

      Pelo site do Forte, segundo uma fonte do exército, o helicóptero Ka-52 Alligator , não foi sequer apresentado aos militares brasileiros que viajaram à Rússia, em setembro passado, para testar o Mi-28NE, provavelmente este foi o motivo de não entrar na lista.

      O Short List esta entre o Mangusta, AH-1Z Viper e o MI-28NE. O que fiquei surpreso é a não participação do Tiger no short list uma vez que sabemos do Lobby da helibras, mas nunca se sabe.

  4. teropode says:

    Estas aquisiçoes serao para 2030 , a naçao banana esta quebrada , rasteja pra frente por causa do efeito da aceleraçao anterior , tah tudo parado , montadoras irao demitir em massa apartir de fevereiro ,a quebra na produçao por causa da seca de 2014 ira forçar a importaçao de mais graos e reduçao na exportaçao dos mesmos, haverah aumento de preços , os juros vao sofrer novo ajuste apos o primeiro trimestre e como consequencia haverah um enorme contigenciamento de verbas do MD e como nao bastasse , o indece pluviometrico deste ano serah menor doque de 2014 ,isso vai afetar as regioes agriculas , entao nao percam tempo com estes discursos , se preparem para a asceleraçao do fim , o brasil vai fechar o ano como a decima primeira economia , ateh as olimpiadas teremos alcançado a argentina ,anotem e depois mandem os cumprimentos !

  5. Sayd_jarrad says:

    Aguardando as matérias. 😀

  6. ,..então, srs. vamos torcer p sair logo esse vitorioso…e q seja os Mangusta e ou Mi-28N…Quem viver verá.Sds. 😉

  7. 1maluquinho says:

    Ou teremos MI28 ou Mangusta.
    Leva aquele que oferecer mais vantagens ao Brasil.

shared on wplocker.com