Defesa & Geopolítica

Exército Italiano recebe novos Helicópteros ICH-47F

Posted by

chinook_headerTradução e adaptação: E.M.Pinto

Andrew Hładij

O Exército italiano recebeu do consórcio AgustaWestland os dois primeiros de dezesseis helicópteros de transporte pesados ​​ ICH – 47F encomendados. A versão mais recente do popular Boeing Chinook produzido sob licença na Itália substituirá as aeronaves CH – 47C, que permanecem em serviço desde 1973.

A cerimônia de entrega dos novos helicópteros ICH – 47F foi realizada em Vergiate onde se situa a fábrica na Itália econtou com a presença do comandante do exército italiano, o General Claudio Graziano. A aquisição da versão mais recente do Chinook é uma parte importante no processo de modernização do exército italiano. Um total de 16 helicópteros foram encomendadas para serem entregues até 2017. As aeronaves serão  usadas pelo Regimento Aéreo “Antares”, baseado em Viterbo, na Itália central, localizado na região do Lácio. O contrato para o fornecimento dos ICH – 47F também inclui um pacote de suporte logístico de cinco anos.

Os termos e Condições do contrato assinado entre o fabricante americano e seu contraparte italiano também permitem que a AgustaWestland produza e comercialize esta versão do Chinook para outros países.

O CH – 47F é a mais recente variante do popular helicóptero de transporte CH – 47 Chinook produzido desde 1962. Esta versão é melhorada por motores  Honeywell com uma capacidade de 4868 kW, bem como, possuem redução de vibração e estrutura modernizada que requer menos manutenção. O CH – 47F pode voar a velocidades superiores a 280 km/h com cargas de até 9,5 toneladas. O helicóptero também usa aviônica moderna atualizada para as necessidades do campo de batalha moderno.

Os CH – 47F equipam já as forças armadas dos Estados Unidos, Grã-Bretanha, Canadá, Austrália e Holanda. Esta aeronaves bem como outros modelos como o AW101 e CH – 53K são mencionados como os favoritos para a concorrência para um novo helicóptero de transporte pesado para o exército polonês.

 Fonte: Defence24

6 Comments

shared on wplocker.com