Defesa & Geopolítica

Denel prepara o míssil A-Darter para qualificação no Gripen NG

Posted by

A-Darter-imagem-Denel-580x326“A decisão brasileira pelo Gripen NG, (feita) em dezembro (de 2013), abriu uma oportunidade nova para o programa A-Darter. O Brasil já se envolveu com o desenvolvimento do míssil para integração nos seus caças modernizados F-5M, mas teria dado preferência a integrá-los com o Python da IAI (Israel Aerospace Industries).

O Brasil ainda não anunciou planos de operar o A-Darter no Gripen NG, mas a Denel … continua a trabalhar com engenheiros da empresa desenvolvedora de mísseis brasileira Mectron.

“Uma das próximas fases será a industrialização do A-Darter no Brasil”, disse o porta-voz (da Denel).”

Flightglobal

Reportagem publicada no site Flightglobal nesta quinta-feira, 18 de setembro de 2014, informou que a empresa sul-africana Denel Dynamics planeja começar, em novembro, os testes de voo de pré-qualificação do míssil ar-ar A-Darter no caça Saab Gripen NG, em antecipação a encomendas da Força Aérea Brasileira. A informação foi dada por um porta-voz da empresa.

Após quase 20 anos de desenvolvimento, a Denel já qualificou totalmente o envelope de voo do míssil de curto alcance, guiado por infravermelho, na frota de Gripen C/D, que é operada pela Força Aérea Sul-Africana.

A decisão brasileira pelo Gripen, em dezembro, abriu uma oportunidade nova para o programa A-Darter. O Brasil já se envolveu com o desenvolvimento do míssil para integração nos seus caças modernizados F-5M, mas teria dado preferência a integrar o Python da IAI (Israel Aerospace Industries), segundo a reportagem do site.

O Brasil ainda não anunciou planos de operar o A-Darter no Gripen NG, mas a Denel está se antecipando, com a utilização de um avião da Força Aérea Sueca. Enquanto isso, a Denel continua a trabalhar com engenheiros da empresa desenvolvedora de mísseis brasileira Mectron.”Uma das próximas fases será a industrialização do A-Darter no Brasil”, disse o porta-voz.

A Denel também aguarda um contrato da Força Aérea Sul-Africana para iniciar as entregas de mísseis operacionais para sua frota de Gripen, o que permitiria à empresa iniciar os esforços de comercialização do A-Darter para outros clientes. A empresa também lançou estudos iniciais para um programa de modernização de meia vida da arma.

Fotos Ilustrações: Denel  (http://www.deneldynamics.co.za/)

Fonte:  Flightglobal via Poder Aéreo  

3 Comments

shared on wplocker.com