Defesa & Geopolítica

Reservatório futurista pretende combater incêndios na Amazônia

Posted by

Depois da grande seca que a Floresta Amazônica enfrentou em 2005, foi possível perceber que mesmo que as árvores consigam reter a umidade em seus troncos, a floresta não seria imune aos incêndios. Além disso, o aumento do aquecimento global é preocupante e, nos últimos anos, a chuva escassa na região e as queimadas praticadas na agricultura e pecuária podem fugir do controle e atingir grandes áreas.

Por causa disso, a equipe de designers chineses Jie Huang, Jin Wei, Qiaowan Tang, Yiwei Yu e Zhe Hao se uniu para desenvolver um “gigantesco” reservatório futurista de água para combater esses índices e preservar mais a grande mata brasileira.

Projeto Futurista - Amazônia 02

O projeto recebeu o nome de Rainforest Guardian e seu formato é inspirado em uma flor de lótus, devido a sua habilidade em habitar locais bastante úmidos. O topo seria usado como um imenso reservatório – que filtrará e armazenará as centenas de litros de água da chuva –, usado para combater os incêndios.

Através de “firefighters” (pequenas aeronaves não-tripuladas), a água seria levada ao solo pelo ar, pois estas voariam “como um dente de leão no céu” e borrifariam água até o fogo cessar.

O projeto futurista também serviria como centro de pesquisa e educação, no qual os dados da floresta seriam coletados e analisados por cientistas e universitários, e como observatório para os turistas.

A princípio isso é apenas um estudo, pois um sistema desse porte custaria milhões e daria um profundo impacto para a floresta. Mas, a Boeing está trabalhando para transformar o projeto em realidade.

Projeto Futurista - Amazônia 01

Crédito/fonte da foto: Gizmodo

Fonte: AEC

27 Comments

shared on wplocker.com