Defesa & Geopolítica

Iraque recebe 13 helicópteros de ataque Mi-28 Night Hunter

Posted by

Os helicópteros chegaram ao porto de Umm Qasr, no sul do Iraque, em 05 de janeiro de 2014. Este é o segundo lote dessas aeronaves destinadas a Bagdá; no ano passado, as forças armadas iraquianas receberam 15 unidades de Mi-28NE.

O Iraque e a Rússia assinaram um acordo sobre o fornecimento de armas e equipamento militar em outubro de 2012. O negócio totalizou 4,3 bilhões de dólares, envolvendo a transferência a Bagdá de 48 sistemas de mísseis e de canhões antiaéreos Pantsir-S1 e de 40 helicópteros de ataque Mi-28NE.

Mais tarde, Moscou e Bagdá assinaram, além disso, um contrato de fornecimento de helicópteros de ataque Ka-52.

 

Fonte: Voz da Rússia

16 Comments

  1. PÉ DE CÃO says:

    e depois dos estados unidos colocarem a alkaeda no território iraquiano
    quem vai ajudar a exterminar eles é a russia ,pois os gringos pularamfora faz tempo
    dizem os yankes que irão ajudar ,mas não passa de papo furado ideia de kao kao !!
    e tem desertor que acha que os gringos são confiáveis !!!

    • CAPA PRETA says:

      Gringo nenhum e confiável, nem estadunidense, nem russo, nem chinês, nem argentino, nem nada.

      • Henrique says:

        Falou tudo Capa Preta !!! O país que achar que tem amigos e que estes o defenderão tem que ganhar atestado de “inocência” ou burrice! Qualquer potência irá brigar por SEUS interesses e ponto! Ou vc domina sua tecnologia, ciência, capacidade industrial e defesa ou estará sujeito sempre à mesa de poker alheia..
        Abraço,

    • Deagol says:

      Anti-americanismo bobo.

      • PÉ DE CÃO says:

        ta bom os gringos sabotam embargam espionam ,financia golpes mortes terrorismo e antiamericanismo bobinho rsrsrs

      • Ilya Ehrenburg says:

        Brasicanismo bobo.

      • Deagol says:

        Ilya Ehrenburg

        “ta bom os gringos sabotam embargam espionam ,financia golpes mortes terrorismo e antiamericanismo bobinho rsrsrs”

        Dessa vez não discordo totalmente do Pé de Cão, ele tem motivos para não gostar dos EUA e eu até concordo com eles.

        Mas dizer que a Rússia vai salvar o Iraque vendendo armas é uma grande exagero. a Rússia só quer ganhar dinheiro seja com MI-28 ou com contratos na área de exploração de petróleo.

        Já o seu comentário está totalmente errado.

        Nunca defendi nada que fosse contra os interesses ou benefícios para o nosso Brasil.

        No FX defendia o rafale justamente para não dependermos mais dos EUA, nunca disse que deveríamos comprar equipamentos americanos ou mesmo cooperar em qualquer área.
        Também munca defendi nada que fosse contra Cuba ou Venezuela e sempre desejei sorte e prosperidade para o povo destes países.

        Quando eu era mais novo já fui até um russófilo, sempre defendo as qualidades russas e seu equipamento militar.

        Quando comecei a frequentar blogs brasileiros comecei a ver inúmeras inverdades e injustiças contra os EUA e desde então tenho defendido suas qualidades.

        Não defendi a invasão do iraque, bombardeio à Líbia ou à Síria, pois sei que aqueles que mais sofrem com guerras são o povo e não os generais ou líderes políticos.

        Você não me conhece, sabe como eu penso e nem o que desejo para o mundo.

        Confesso que defendo a superioridade tecnoplógica americana, mas tento me manter no ponto de vista técnico, e isso é muito diferente do que ser contra o Brasil.

  2. Mais tarde, Moscou e Bagdá assinaram, além disso, um contrato de fornecimento de helicópteros de ataque Ka-52. ==== Parabéns ao Irak, logo de cara 13 hellis de atak, e + no futuro…Qto ao BRASIL….Sds.

    • Henrique says:

      Caro Giancarlos, o Brasil não tem que comprar (minha opinião ok?) nada e sim começar a tomar atitude e projetar e construir aqui! Não acredito que não consigamos construir um heli de ataque, um caça de geração 3 ou 4 (copiem o F5, modifiquem o AMX mas façam, comecem de algum ponto…), um MTB ou qualquer outra coisa relacionada à defesa… basta querer e ter seriedade em investir em nossa indústria de defesa! Isso fomentará nossa indústria e ciência, fará circular dinheiro e investimento interno e não fará sangria de recursos pra fora ou mesmo fomentar o desenvolvimento da mão-de-obra de outros países.
      Veja os EUA, com toda a crise lançam ao mar super porta aviões, o mais moderno destróier DDG1000 etc…etc.. e sabe porque, porque é sua própria indústria e mão-de-obra que faz e o dinheiro de algum modo circula internamente.
      Os países do Oriente Médio são a pura prova que só comprar, comprar e comprar não adianta nada, sempre que há um conflito com Israel e EUA, PERDEM !!! Veja o Iraque com toda a sua aviação de caça que não foi capaz de afundar um único navio americano (deveriam ter aprendido com os Argentinos…rs), a Líbia, os conflitos passados entre Israel, Egito, Síria etc… acumular armamento não é condição de superioridade.
      Abraço,

  3. Rustam says:

    remover esta notícia! nenhum MI-28NE não é entregue para o Iraque!

    Rosvertol não fornecimento de helicópteros para o mar! nenhum MI-28 não é feita para o Iraque

    necessário verificar a informação

    • Deagol says:

      Grande Rustam.

      Não sei se te entendi.
      Parece que você está dizendo que nenhum Mi-28 foi entregue ao Iraque.

      Essa é uma notícia falsa?

      • Isto mesmo Deagol, a matéria não está correta, os mi 28 do Iraque ainda nem voaram, lançarei uma nota em breve.
        abraço

      • Deagol says:

        Obrigado pela resposta.

        saudações?

  4. ViventtBR says:

    E dá-lhe chumbo nesses mulçumanos fanáticos e endemoniados da Al-qaeda.
    Que nação pode ir para frente com esses imbecis andando pelas ruas e cidades?

  5. BrunoFN says:

    Embora eu admire o MI-28 … se for pensar e um heli de ataque puro pra o Brasil .. meu preferido seria o ”KA-52”…ele e perfeito pra EB e CFN

  6. Henrique
    6 de janeiro de 2014 at 13:04

    Caro Giancarlos, o Brasil não tem que comprar (minha opinião ok?) nada e sim começar a tomar atitude e projetar e construir aqui! Não acredito que não consigamos construir um heli de ataque, um caça de geração 3 ou 4 (copiem o F5, modifiquem o AMX mas façam, comecem de algum ponto…), um MTB ou qualquer outra coisa relacionada à defesa… basta querer e ter seriedade em investir em nossa indústria de defesa! Isso fomentará nossa indústria e ciência, fará circular dinheiro e investimento interno e não fará sangria de recursos pra fora ou mesmo fomentar o desenvolvimento da mão-de-obra de outros países.
    Veja os EUA, com toda a crise lançam ao mar super porta aviões, o mais moderno destróier DDG1000 etc…etc.. e sabe porque, porque é sua própria indústria e mão-de-obra que faz e o dinheiro de algum modo circula internamente.
    Os países do Oriente Médio são a pura prova que só comprar, comprar e comprar não adianta nada, sempre que há um conflito com Israel e EUA, PERDEM !!! Veja o Iraque com toda a sua aviação de caça que não foi capaz de afundar um único navio americano (deveriam ter aprendido com os Argentinos…rs), a Líbia, os conflitos passados entre Israel, Egito, Síria etc… acumular armamento não é condição de superioridade.
    Abraço. ==== Certo,assim q eu penso tbm, temos de partir de um referencial já dentro de n fronteiras, assim teremos a criação de mão de obra especializada, e grana circulando internamente…tbm penso assim. Há de se ter coragem p errar e tentar de novo…esse é o caminho e p ontem.Se n “ortori//” agirem assim, quem viver verá.Sds.

shared on wplocker.com