Defesa & Geopolítica

Colombia receberá certificação para modernização de aeronaves T-27 Tucano

Posted by

A frota de T-27 da Força Aérea da Colômbia já voou cerca de 80 mil horas e após a modernização cada exemplar deverá operar por mais 15 anos, em média.

Ivan Plavetz

A estatal Corporación de la Industria Aeronautica de Colombia (CIAC) receberá nos próximos meses a primeira certificação concedida pela Embraer no âmbito dos projetos de modernização de aeronaves turboélice de treinamento T-27 Tucano.

O documento autoriza a CIAC a trabalhar com todas as Forças Aéreas da América Latina e de outros continentes que operem o modelo, com exceção dos aviões pertencentes à Força Aérea Brasileira (FAB). Ainda há cerca de 700 T-27 em atividade ao redor do mundo.

A concessão outorgada a CIAC começará a vigorar a partir de janeiro de 2014 e a entrega do primeiro dos 14 exemplares pertencentes à Força Aérea da Colômbia (FAC) e modernizado no Brasil está prevista para acontecer ao longo do corrente mês.

Os treze restantes serão modernizados nas instalações da CIAC, localizadas em Madrid, departamento de Cundinamarca, Colômbia. Todo o trabalho realizado nas linhas de produção da CIAC será executado por pessoal capacitado na Embraer durante a modernização do primeiro exemplar, por equipes de técnicos e engenheiros dos dois países.

O contrato assinado em 2011 prevê ainda seis meses de assessoria durante os trabalhos de modernização na Colômbia.

Cada um dos 14 T-27 da frota da FAC, adquiridos em 1992 por US$ 40 milhões e com cerca de 80 mil horas de voo até o momento, passará pela modernização que dura em torno de quatro meses consistindo na integração de moderna aviônica (incluindo painel digital dotado de telas tipo MFCD) e fortalecimento das asas.

O pacote foi planejado para estender a vida útil desses aviões por mais 15 anos.

Fonte: Tecnologia & Defesa

 

Comments are closed.

shared on wplocker.com