Defesa & Geopolítica

Parlamento da Suíça e a encomenda do Gripen E

Posted by

Cumprida a fase de decisões  politicas referentes ao plano de compra dos novos caças para a Força Aérea da Suíça, o contrato com o governo de Zurique devera prever o fornecimento de 22 Gripen E, os quais substituirão os veteranos Northrop F-5E/F.

Ivan Plavetz

Ontem (18), o Conselho de Estado (Ständerat), uma das duas câmaras do Parlamento da Suíça, votou favoravelmente com maioria absoluta o cancelamento do limite de gastos que incidia sobre o plano de aquisição do avião de combate Gripen E (conhecido também como Gripen NG) para a Força Aérea do País.

O Ständerat já havia se manifestado em março do corrente ano em favor do negócio, incluindo a votação de um aporte especial de fundos para a transação.

No final da corrente sessão parlamentar, marcada para 27 de setembro próximo, as duas câmaras do Parlamento da Suíça, o Ständerat e o Conselho Nacional (Nationalrat), revisitarão e votarão novamente todas as decisões federais tomadas durante a sessão, incluindo o plano de aquisição do Gripen E.

Lennart Sindahl, vice-presidente e diretor da área de negócios da Saab para o setor aeronáutico, disse que se a votação favorável for confirmada, existe a possibilidade de convocação de um referendo popular.

Caso haja a necessidade da consulta, ela terá que ser realizada antes da compra dos aviões.

Cumprida a fase de decisões políticas referentes ao plano de compra dos novos caças, o contrato com o governo de Zurique devera cobrir o fornecimento de 22 Gripen E, os quais substituirão os veteranos Northrop F-5E/F.

Fonte: Tecnologia & Defesa

 

One Comment

shared on wplocker.com