Segredos brasileiros são bisbilhotados há décadas por outros países

NSA-BrazilMÁRIO CHIMANOVITCH

A denúncia do ex-técnico da NSA Edward Snowden de que os EUA usam métodos sofisticados para nos espionar, que gerou furor nos meios governamentais, não deveria ter causado tanta comoção.

Casos ocorridos nos anos 80 e 90, e até antes, mostram que os segredos políticos e tecnológicos do Brasil são bisbilhotados há décadas não só pelos americanos, mas também por franceses, israelenses e sabe-se lá quem mais.

Documentos ultraconfidenciais do extinto Serviço Nacional de Informações revelam que várias instituições do governo e indústrias estratégicas foram alvo permanente de espionagem externa –os mais visados eram o CTA (Centro Técnico Aeroespacial) e o Instituto de Estudos Avançados da Aeronáutica, em São José dos Campos (SP).

Com o SNI voltado para o “inimigo interno”, a atividade de contraespionagem era praticamente nula no Brasil. Mesmo assim, vez por outra, investigavam-se agentes de “países amigos”, como John James Gilbride Jr., que também utilizava os nomes John Gilbraith ou Jack O’Brian.

Credenciado como vice-cônsul para assuntos econômicos, fachada comumente usada pela CIA no exterior, operou no Brasil de 1988 a 1992, nos consulados dos EUA no Rio e em São Paulo.

Estava empenhado em recrutar cientistas e pesquisadores do CTA, principalmente do programa aeroespacial. Deixou o país quando já estava “queimado” –ou seja, identificado como agente empenhado em ações prejudiciais a interesses brasileiros.

Apurou-se que Gilbride nunca fora diplomata de carreira. O assunto foi encoberto, já que o governo do Brasil queria evitar a eclosão de um escândalo diplomático.

O espião americano marcara almoço com importante cientista brasileiro numa churrascaria da alameda Santos (SP). Os agentes brasileiros que o vigiavam descobriram ser impossível pôr escutas no local devido à fortíssima interferência das antenas de rádio e TV. Terminado o almoço, o americano despistou nada menos que 11 agentes.

O interesse estrangeiro recaía também sobre os centros de pesquisa de universidades como a Unicamp e a USP, com tentativas persistentes de aliciar técnicos e cientistas.

Entre 1983 e 1985, a então Telesp, hoje Vivo, teve roubados carros e macacões dos serviços de manutenção. Após os furtos, a Polícia Federal localizou gravadores em postes do Vale do Paraíba.

Esses grampos –especulou-se– objetivavam registrar telefonemas de pessoas ligados ao setor aeroespacial.

MORTE MISTERIOSA

A misteriosa morte do tenente-coronel José Alberto Albano do Amarante, da Aeronáutica, em 3 de outubro de 1981, evidenciou a atuação de um espião do Mossad, o célebre serviço secreto de Israel.

Nos anos 70, o Brasil desenvolvia secretamente um programa nuclear para fins militares. Parceria com o Iraque assegurava os altos recursos financeiros necessários à sua execução; em troca, os iraquianos teriam acesso aos conhecimentos tecnológicos dos cientistas brasileiros.

O responsável pelo programa na Aeronáutica era Amarante, engenheiro eletrônico pelo Instituto Tecnológico da Aeronáutica visto como o pai da pesquisa nuclear no país.

Em outubro de 1981, ele foi atacado por uma leucemia galopante: morreu em dez dias. Sua morte passou a ser investigada pela Aeronáutica –teria sido contaminado de propósito por radiação.

A família acreditava que o cientista fora morto pelos serviços secretos de EUA e Israel, mas nada se comprovou. Na época, a mulher de Amarante contou que ele se queixava de ser seguido quando ia a SP ou ao Rio. Depois, quando seus restos mortais foram exumados para novo enterro no Rio, a família constatou sinais de violação da sepultura.

Amarante fundara o Laboratório de Estudos Avançados, grande centro de estudos destinado a se constituir na espinha dorsal da pesquisa nuclear do país. Seu objetivo era ambicioso: desenvolver o enriquecimento de urânio por raios laser (usados para detonar a reação nuclear), em vez do sistema de centrífugas, mais oneroso e lento.

No exterior, cresciam as suspeitas de que as experiências objetivavam desenvolver armas nucleares, o que sempre foi negado pelo Brasil.

ESCUTAS NO HOTEL

As investigações sobre a morte de Amarante revelaram a existência de um misterioso personagem, Samuel Giliad ou Guesten Zang, um israelense nascido na Polônia, que lutara contra os alemães na Segunda Guerra.

O israelense, apelidado de “Mister Pipe” por fumar cachimbo, chegou a São José em 1979 para gerir o Hotel Eldorado, o principal da cidade, que hospedava muitos estrangeiros, civis e militares, envolvidos em atividades industriais e científicas na área.

Extremamente simpático, Giliad mancava de uma perna devido a um tiro levado na guerra, contava. Hábil, instituiu no Eldorado reuniões sociais de secretárias e gerentes de indústrias, gente solitária capaz de soltar a língua estimulada por drinques. Assim, tinha acesso a informações valiosas: sabia quais delegações visitavam quais indústrias da região e, sempre que possível, a razão das visitas.

O israelense tentou se aproximar de Amarante, mas o oficial o repelia: nunca atendeu a nenhum convite. Passou a frequentar o dentista que atendia Amarante, procurando marcar horários logo depois dos do oficial.

O coronel aborrecia-se com a insistência, e suas suspeitas cresceram quando o dentista o alertou das perguntas que Giliad fazia: “O que é que a Aeronáutica está construindo em Cachimbo (Pará)? Ouvi dizer que se trata de uma grande pista de pouso. Mas para que servirá, se já existem as de Manaus e Belém?”.

Era em Cachimbo que estava sendo preparado o local para a primeira experiência do projeto nuclear brasileiro.

Diante dessas perguntas, o alarme foi dado, e Giliad passou a ser vigiado de perto. Descobriu-se que ele tinha cinco passaportes com nomes diferentes e instalara escutas nos quartos e demais dependências do hotel, para ouvir hóspedes e empregados.

Após dois anos, o israelense bateu em retirada de forma hábil quando percebeu que a vigilância crescia: publicou anúncio num jornal local procurando uma acompanhante para dividir despesas numa viagem à Argentina.

O Centro de Informações e Segurança da Aeronáutica errou ao responder ao anúncio enviando um agente (homem). Percebendo que fora desmascarado, Giliad deixou a cidade e desapareceu.

Foi durante a ação do agente israelense em São José que a mídia internacional revelou que o Brasil fazia remessas secretas de urânio enriquecido ao Iraque, disfarçadas em material bélico da Avibrás.

Foi também durante a sua estada na região que o “Latin America Weekly Report” noticiou a misteriosa morte de Amarante, expondo suas atividades secretas com impressionante riqueza de detalhes.

Finalmente, quando se divulgou, em 1981, a história das remessas secretas, o Mossad já sabia de tudo e as documentara com fotos. O episódio brasileiro, acreditam os especialistas, serviu como manipulação da opinião pública para que Israel justificasse seu bem-sucedido ataque aéreo ao complexo atômico de Tamuz, no Iraque.

31 Comentários

  1. Isso ocorre há mt tempo, Franceses,iankss e mt outros conhecem os n > segredos industriais/militares(quando tinhamos…)O triste e q sabíamos da ativi// destes agentes(do n irmaõ caim do norte) no país…houve várias denúncias sobre tais atos…Nada fizemos e nada ,td indica, iremos fazer.Vamos a capital do império pedir “explicações”,é piada.Temos de criar meios, militares e de inteligência p tentar impedir esse jogo de espionagem contra o país.E dizer q votamos nesses …trágico.Sds.

  2. De acordo com a CIA agência de inteligência dos EUA, o aparato de segurança estatal israelense realiza operações de espionagem mais agressivas contra os EUA do que qualquer aliado dos EUA.”

    Um relatório de inteligência da Defesa americana disse que Israel tem um apetite voraz por informação e diz: “os israelenses estão motivados por fortes instintos de sobrevivência que ditam cada possível faceta de suas políticas econômicas e de defesa. Eles coletam agressivamente informações de tecnologia militar e industrial e os EUA são um alvo de alta prioridade”.

    O documento conclui: “Israel possui os recursos e a capacidade técnica para atingir os seus objetivos de espionagem.”

    Bem, as autoridades norte-americanas estão lutando para limitar as consequências das informações vazadas por Snowden, não é tarefa facil, porque ainda existem muitos documentos que não foram “divulgados”.

    Os americanos jogam pesado para garantir seus interesses, me lembro que a época da divulgação pelo Wikileaks de documentos do Departamento de Estado, expondo informações confidenciais, incluindo as revelações de que os EUA aparentemente encorajaram diplomatas para reunir detalhes sobre os seus homólogos estrangeiros. Os vazamentos citaram memorandos americanos incentivando diplomatas dos EUA nas Nações Unidas, para coletar dados sobre o secretário-geral das Nações Unidas, a sua equipa e diplomatas estrangeiros, incluindo os números de conta de cartão de crédito.

    Esta directiva do Departamento de Estado, enviado em julho de 2009, pediu a diplomatas para coletar informações sobre funcionários da ONU, que incluía senhas de Internet, números de cartão de crédito e etc. Eles foram “convidados” a obter impressões digitais, fotos ID, DNA e escaneamento de íris de pessoas de interesse para os Estados Unidos…

    Agora, imagina vocês, o “nosso” TSE fazendo acordo com a SERASA EXPERIAN para fornecer informações extremamente privadas de apenas todos os “ELEITORES” brasileiros, coisa de 145 milhões de pessoas…

    Sabem vocês pobres mortais, quem é a EXPERIAN? NÂO!!!

    Apenas uma empresa holandesa(lembra das companhias das Indias?…) de coleta de dados pessoais que opera praticamente nos quatro cantos do mundo. Ou seja, autoridades daqui dando a “chave” pro lobão.

    É o Brasil meu povo, que Deus tenha misericórdia de nós. Até quando…

  3. De acordo com a CIA agência de inteligência dos EUA, o aparato de segurança estatal israelense realiza operações de espionagem mais agressivas contra os EUA do que qualquer aliado dos EUA.”

    Um relatório de inteligência da Defesa americana disse que Israel tem um apetite voraz por informação e diz: “os israelenses estão motivados por fortes instintos de sobrevivência que ditam cada possível faceta de suas políticas econômicas e de defesa. Eles coletam agressivamente informações de tecnologia militar e industrial e os EUA são um alvo de alta prioridade”.

    O documento conclui: “Israel possui os recursos e a capacidade técnica para atingir os seus objetivos de espionagem.”

    Bem, as autoridades norte-americanas estão lutando para limitar as consequências das informações vazadas por Snowden, não é tarefa facil, porque ainda existem muitos documentos que não foram “divulgados”.

    Os americanos jogam pesado para garantir seus interesses, me lembro que a época da divulgação pelo Wikileaks de documentos do Departamento de Estado, expondo informações confidenciais, incluindo as revelações de que os EUA aparentemente encorajaram diplomatas para reunir detalhes sobre os seus homólogos estrangeiros. Os vazamentos citaram memorandos americanos incentivando diplomatas dos EUA nas Nações Unidas, para coletar dados sobre o secretário-geral das Nações Unidas, a sua equipa e diplomatas estrangeiros, incluindo os números de conta de cartão de crédito.

    Esta directiva do Departamento de Estado, enviado em julho de 2009, pediu a diplomatas para coletar informações sobre funcionários da ONU, que incluía senhas de Internet, números de cartão de crédito e etc. Eles foram “convidados” a obter impressões digitais, fotos ID, DNA e escaneamento de íris de pessoas de interesse para os Estados Unidos…

    Agora, imagina vocês, o “nosso” TSE fazendo acordo com a SERASA EXPERIAN para fornecer informações extremamente privadas de apenas todos os “ELEITORES” brasileiros, coisa de 145 milhões de pessoas…

    Sabem vocês pobres mortais, quem é a EXPERIAN? NÂO!!!

    Apenas uma empresa holandesa(lembra das companhias das Indias?…) de coleta de dados pessoais que opera praticamente nos quatro cantos do mundo. Ou seja, autoridades daqui dando a “chave” pro lobão.

    É o Brasil meu povo, que Deus tenha misericórdia de nós. Até quando…

    Ps: Apague o outro comnt amigos, grato.

  4. Isso tudo é lenda, e teoria da conspiração TODO mundo sabe que os EUA querem o bem do Brasil e nos veem como “parceiro estratégico” que sejam desfeitos essas calúnias porque estamos prontos a arrendar Alcântara ao titio querido e fachar um mega pacote de defesa que será o ovo da galinha de ouro para EMBRAER ,o interesse nacional e o patriotismo é pago com a mesma moeda que recebeu nosso compatriota tenente-coronel José Alberto Albano do Amarante.Que Deus o guarde em paz e proteja a todos nós.

  5. E A CULPA É DE QUEM ???!!!… Ah, já sei… dos americanos bobos e maus que bisbilhoteiam “a gente”… rsrsrsrsrsrsrsrs… e a “gente não temos” capacidade de “se defendermos” ???… rsrsrsrsrsrsrss… patético, se não fosse trágico… cada povo tem o governo que merece, mas não precisavam exagerar por aqui, né ???… rsrsrsrsrsrsrs…

    • INÚTEU

      A gente não sabemos
      Escolher presidente

      A gente não sabemos
      Tomar conta da gente
      A gente não sabemos
      Nem escovar os dente
      Tem gringo pensando
      Que nóis é indigente…

      “Inúteu”!
      A gente somos “inúteu”!
      “Inúteu”!
      A gente somos “inúteu”!

      A gente faz carro
      E não sabe guiar
      A gente faz trilho
      E não tem trem prá botar
      A gente faz filho
      E não consegue criar
      A gente pede grana
      E não consegue pagar…

      “Inúteu”!
      A gente somos “inúteu”!
      “Inúteu”!
      A gente somos “inúteu”!
      “Inúteu”!
      A gente somos “inúteu”!
      “Inúteu”!
      A gente somos “inúteu”!
      “Inúteu”!
      A gente somos “inúteu”!
      “Inúteu”!
      A gente somos “inúteu”!

      A gente faz música
      E não consegue gravar
      A gente escreve livro
      E não consegue publicar
      A gente escreve peça
      E não consegue encenar
      A gente joga bola
      E não consegue ganhar…

      “Inúteu”!
      A gente somos “inúteu”!
      “Inúteu”!
      A gente somos “inúteu”!
      “Inúteu”!
      “Inúteu”!
      “Inúteu”!
      Inú! inú! inú…

      A GENTE NÃO SABE VOTA
      COLOCAMOS NO PODER
      UM PARTIDO QUE SÓ SABE ROUBAR…

    • Não não Caro Blue Eyes… a culpa é minha: o Nacional Paisano que apresentou vídeos para dispersar a atenção do público leitor!!

      =)

  6. Quanto mais nefanda a política externa dos EUA, mais ela depende essencialmente da cumplicidade da imprensa-empresa.

  7. E por falar em teoria da conspiração… lembram do acidente da Gol (Jato Legacy).

    Bem! vamos a história

    O autor do texto falava sobre uma equipe de cientistas brasileiros a bordo do avião. Segundo o texto, esses cientistas realizavam pesquisas sobre o uso de microorganismos em baterias elétricas, uma tecnologia revolucionária que permitiria a produção de baterias mais eficientes que as modernas baterias de lítio usadas em notebooks e celulares. Essa bateria de vírus seria mais potente, produzindo mais energia, em uma bateria menor e mais leve que as de lítio. Existem outras pesquisas sobre esse tipo de bateria, especialmente nos Estados Unidos, onde há um grande projeto sobre essas baterias. Porém, segundo o texto, o projeto brasileiro era ainda mais avançado e superava o americano. Infelizmente, a equipe de cientistas que trabalhava nesse projeto morreu no acidente.

  8. Engraçado é que lendo a matéria, me ocorreu uma coisa… com tanta bala perdida. Porquê nenhuma achou eles?

    Ou pegar uma doença rarissima na Amazônia.

  9. Eu ja falei,o bicho tem sua cabeça e coração na UK,seu pulmão e estomago nos EUA e seu entestino e brioco em Israel.

  10. VEJAM ESTA MATERIA

    #Anonymous vaza documentos da Polícia Militar pelo Brasil – #OpPasseLivre
    Anonymous está vazando documentos da polícia militar de várias cidades brasileiras, por enquanto foram a de Góias, Brasília, Rio de Janeiro, Mato Grosso e São Paulo.

    LINKS :
    >>Documentos da PM de Góias<>Documentos da PM de Brasília<>Documentos da PM do RJ<>Documentos da PM do Mato Grosso<>Documentos da PM de SP<<

      • Eu estava baixando e cancelei,nem me importei e ve-los kkk Ja sei de cabo a rabo o basico e porque encheria meu pc com essas porcarias.
        Eu sou a favor da extinção dos militarismos Estaduais e da restrição a predios municipais,parques e areas as Guardas Municipais.
        Sou a favor tambem da extinção da Força Nacional de Segurança pois para mim não passa de uma milicia do Governo aos moldes da Guarda Nacional Bolivariana.
        Unificação das Policias JA.Melhores salarios para policiais,melhores infraestruturas,melhores equipamento e melhor seleção,preparação e aperfeiçoamento dos mesmos.
        Militar é militar,Policia é Policia e Guarda Municipal é Guarda Municipal.
        Sou a favor da cassação dos portes de armas gerais apenas podendo estar em via publica armados POLICIAIS e mais nada e ninguem.Exceto as Forças Ar,madas caso seja por lei necessario.
        Para mim todo aquele que esteja armado em via publica e não seja Policial É BANDIDO.

      • Oh zé ruela. povo desarmado é povo indefeso… isso é tudo que eles querem… analise melhor os fatos… veja os casos históricos anteriores… sem armas o povo se torna presa fácil de uma ditadura de esquerda…

  11. OS episódios acima escancaram a absoluta inépcia e desvio de finalidade que caracterizam os nossos serviços de inteligência. Em 1981,quando os eventos acima ocorreram, o jurássico SNI estava mais preocupado em colocar uma bomba no Riocentro e seguir os passos do então presidente do sindicato dos metalúrgicos do ABC, o ex-presidente Lula.

    Durante o governo FHC, quando supostamente funcionou uma base de escuta da NSA, a ABIN estava entretida plantando dinheiro na sede das empresas do marido de Roseana Sarney. No governo Lula cuidava de grampear o telefone do Ministro Gilmar Mendes e espionar Daniel Dantas. E agora com a Dilma espiona Eduardo Campos.

  12. Que papo é esse de bisbilhotagem, palavra simples que minimiza o real teor dos fatos.

    Nós estamos falando de : ASSASSINATO, SABOTAGEM, INFILTRAÇÃO, ROUBO DE INFORMAÇÕES, AUSÊNCIA DE MANDADO JUDICIAL … e por aí vai.

    Quem matou o militar brasileiro e provocou sabotagens ????
    Pra mim isso é terrorismo, é o mesmo motivo para justificar as ações , aliás um dos motivos.

    Abs.

    Antiblockier-Bremssystem , o tranco é forte.

    • O que mais aborrece, é que não houve retaliação.

      Por essas e por outras o 2 do mossad foi literalmente mandado pelos ares na Espanha.

      Nem todo mundo leva desaforo pra casa.

  13. É simples resolver esse problema basta A COBRADA começar a passar o rodo em estrangeiros e nacionais tambem que forem flagrados em atos de espionagem,sabotagens,terrorismos.
    depois que o itamarati de seu jeito para explicar-se.
    O BOM DEFENTO NÃO BERRA.
    Em segurança nacional apenas se impõe o respeito usando a velha tatica Tupinambá para alertar aventureiros,DECAPITANDO-OS TODOS E ENFIANDO SEUS CRANIOS EM ESTACAS PONTIAGUDAS PARA QUE TODOS VEJAM.

Comentários não permitidos.