Defesa & Geopolítica

Akaer anuncia nova unidade industrial em Itajubá

Posted by

logoAkaer923x1024

A Akaer anunciou sua mais nova unidade industrial, que será instalada em Itajubá ainda no primeiro semestre desse ano.

O objetivo da empresa de São José dos Campos é fortalecer sua atuação no segmento de asas rotativas, devido à parceria que mantém com a Helibras. A empresa está envolvida com o programa de nacionalização de helicópteros, o EC-725, da Helibras – em que participa do trabalho de customização dos sistemas das aeronaves e do projeto de instalação de equipamentos. “Vamos fortalecer nossa atuação nesse setor e, para isso, queremos estar próximos ao parceiro”, explicou o presidente da empresa, Cesar Augusto Silva.

O executivo disse ainda que pretende criar 50 postos de trabalho na região até o próximo ano. Para garantir mão de obra especializada, como técnicos e engenheiros, a Akaer vai formalizar parcerias com universidades locais.

O investimento inicial da empresa deverá ser de cerca de R$ 2 milhões. “Essa unidade visa atender os projetos com a Helibras e, mais para frente, será um braço para novos programas da empresa”, ressalta Silva.

Para o presidente da Helibras, Eduardo Marson, a presença da Akaer em Itajubá fortalece o papel da companhia joseense no grupo de empresas parceiras do programa, “reafirmando sua importante posição no desenvolvimento de projetos mecânicos e elétricos fundamentais para a indústria de helicópteros”.

A AKAER deve ser a próxima companhia do setor de Defesa e Aeronáutica a integrar o quadro de empresas do Parque Tecnológico de São José dos Campos. A instalação no polo foi discutida na LAAD 2013, durante reunião entre o presidente da empresa, Cesar Augusto da Silva, com o prefeito de São José dos Campos, Carlinhos de Almeida, e o secretário de Desenvolvimento Econômico, Sebastião Gilberti Cavali.

Segundo o presidente da Akaer, a empresa pretende dobrar o números de funcionários nos próximos 18 meses, além de triplicar o faturamento da empresa, de R$ 17 milhões para R$ 50 milhões. Devido a esses investimentos é que a mudança para o parque é de extrema importância.

A Akaer tem 210 colaboradores e pretende contratar, em breve, mais 50 profissionais. De acordo com o executivo, a companhia deve ocupar uma área de 10 mil metros quadrados no novo endereço.

Para o prefeito de São José “a presença da Akaer é fundamental para o polo, devido à importância da empresa na região e ao seu crescimento”. Já para o o prefeito Carlinhos, a empresa deverá apresentar na semana que vem uma proposta formal, visando sua instalação no local.

Para o secretário Cavali a presença da Akaer no Parque Tecnológico é a materialização da política de desenvolvimento econômico no município, baseada em tecnologia e conhecimento. “A empresa vai levar ao parque um grupo de engenharia de alta capacidade tecnológica e projetos inovadores. Gostaríamos muito da presença da Akaer, só vai depender dela, vamos fazer o que for preciso para que isso aconteça”, concluiu o secretário.

Especializada em tecnologias complexas de estruturas e sistemas para o setor aeroespacial e de Defesa, a Akaer é uma empresa de engenharia estratégica para os projetos do governo.

Entre os principais programas da empresa estão a participação no KC-390, onde atua desde a concepção do maior avião da Embraer; no programa de nacionalização de helicópteros, o EC-725, com a Helibras – em que participa do trabalho de customização dos sistemas dos helicópteros e do projeto de instalação de equipamentos; no desenvolvimento de plataforma para Veículos de Lançamento de Satélites; entre outros.

Há mais de duas décadas no mercado e emm plena ascensão, a empresa espera crescer esse ano três vezes mais do que em 2012. “Estamos expandindo nossos negócios e o escopo de trabalho, agregando valor aos nossos serviços, sempre alinhados aos planos estratégicos de defesa do governo. Hoje podemos garantir que fornecemos todo o serviço necessário para o segmento aeronáutico e temos condições de absorver tecnologia e trazer o domínio dela para o País”,finaliza o presidente da companhia, Cesar Silva.

Fonte: Tecnologia & Defesa

Comments are closed.

shared on wplocker.com