Defesa & Geopolítica

DCNS Iniciará a construção da sétima fragata FREMM

Posted by
Aquitaine

Fragata: Aquitaine

Tradução e  Adpatação

E.M.Pinto

Plano Brasil

A DCNS  Lorient se prepara para dar inicio a construção da  fragata Alsace, a sétima fragata multi-missão FREMM. O corte de chapa esta previsto para ocorrer no proximo verão francês. A Alsace tem entrada no  serviço prevista para 2017 e seguirá as suas irmãs de classe,  Aquitaine (França), Mohammed VI (Marrocos), Normandie (França), Provence (França),  Languedoc (França) e Auvergne (França).

Entregue oficialmente à Marine nationale em dezembro de 2012, a fragata Aquitaine, primeira de série, realiza atualmente sua travessia de longa duração, evento que precede sua entrada em serviço ativo, até o fim do ano.

A Mohammed VI segunda de série em breve efetuará a sua primeira saída para testes no mar. Já a Normandie, se encontra em fase final de construção já flutuando, o início de seus ensaios de mar ao largo do litoral de Lorient está programado para o segundo semestre deste ano.

DCNS-FREMM-ER

Fragata de Defesa Anti-Aérea (FREDA)

A Normandie será a primeira da classe a fazer uso do míssil de cruzeiro Naval, Scalp  (MdCN), cujos ensaios com tiro real estando previsto para ocorrer na primavera de 2014. Esta fragata  será  ainda dotada de canhões Narwhal de 20 mm comandados remotamente.

A Provence, atualmente em processo de construção no dique seco de Lorient, deve ser lançada ao mar no segundo semestre deste ano. A Languedoc, com os primeiros blocos montados na linha logo na sequ^encia do dique em que se encontra o casco da Provence.

A Auvergne, cujo corte da primeira chapa ocorreu em agosto de 2012, segue adiante no processo de montagem dos blocos  usados para constituir seu casco.

O ritmo de construção destes navios é atualmente de uma unidade a cada dez meses. No total a carteira de encomendas da DCNS inclui até o momento. 12 FREMM, sendo que 11 navios são para a França e uma para o Marrocos.

Os dois últimos navios da série, que serão de uma versão especializada em guerra antiaérea (FREDA), deverão ser entregues em 2021 e 2022.

 

Fonte: Mer et Marine

7 Comments

shared on wplocker.com