Defesa & Geopolítica

Exército americano usa carro-robô no Afeganistão

Posted by

Ainda que os carros que se dirigem sozinhos não estejam prontos para andar pelas ruas, eles já são vistos como uma opção interessante para uso no campo de batalha. O exército americano está despachando quatro desses veículos robóticos para o Afeganistão, num primeiro teste do gênero numa zona de conflito.

Fabricado pela Lockheed Martin, o Squad Mission Support System (SMSS), que será usado pelo exército, é um veículo de transporte com 3,4 metros de comprimento. Ele é capaz de carregar meia tonelada de carga. Servirá para abastecimento de tropas, transporte de feridos e movimentação de cargas em geral. Também vai funcionar como gerador de energia, recarregando baterias de equipamentos usados pelos militares. Um dos objetivos é aliviar o peso transportado pelos soldados, que passa, com frequência, de 45 quilos.

O SMSS pode ser controlado de quatro maneiras. A primeira é o carro simplesmente seguir um soldado que anda à sua frente. Segundo a Lockheed Martin, isso é feito sem que o militar precise transportar um transmissor de rádio ativo – algo que poderia denunciar sua localização ao inimigo. Para isso, o carro-robô possui sensores que captam uma imagem tridimensional do soldado, mantendo-o em foco. O veículo também pode ser teleguiado ou dirigido manualmente. Pode, ainda, seguir uma trilha previamente programada usando o GPS.

Por enquanto, o SMSS opera desarmado. Aparentemente, na avaliação dos militares, ainda não chegou a hora de confiar num robô portando armas. Mas essa hora vai chegar. A visão de longo prazo da Lockheed Martin inclui modelos armados, que já estão em desenvolvimento. Para que sejam aprovados para uso prático, a empresa trabalha no aperfeiçoamento de sistemas de vigilância e reconhecimento de alvos. Afinal, um robô atirando nas pessoas erradas seria a materialização dos piores pesadelos sobre essas máquinas.

Fonte: Exame

14 Comments

shared on wplocker.com