Defesa & Geopolítica

MINISTRO CELSO AMORIM, MISSÃO DIFÍCIL

Posted by

Sugestão do Autor ao Plano Brasil

Ministério da Defesa atribui missão de guarda florestal ao Exército! Estaria este encargo comprometido com uma reengenharia da força ou se dá mais um passo no processo de gendarmerização que vem caracterizando a atual gestão da pasta? Ao que parece, ninguém se liga, nunca se corroborou tanto com os desígnios a nós vaticinados pelo “irmão Caim do norte”: de fragilização permanente das Forças Armadas, de esmaecimento do seu orgulho marcial e do subemprego delas em operações de caráter policialesco. No Exército, por exemplo, a sobrecarga de missões atípicas nas diferentes armas vem despersonalizando, de forma subliminar, o “espírito de corpo” de profissionais, justo naquilo que os diferencia e do qual mais se orgulham em suas escolas de formação e de aperfeiçoamento.

Ainda outro dia o EB comemorou a “Festa Nacional da Artilharia”, tiros de salva em profusão, e eu me perguntei: as unidades de apoio de fogo executam o tiro real quantas vezes durante o ano de instrução? O cidadão comum, aquele que só vê espetáculos de mentirinha em Brasília, disparos de lantejoulas, precisa saber: talvez menos da metade disponha de munição para o adestramento previsto na programação anual. Resultado: hoje, prosseguindo na senda de desvirtuamento da atividade fim das armas, artilheiros estão sendo escalados, inclusive, para missões típicas da infantaria, haja vista o desgaste dos infantes em patrulhamentos “ad eternum” nas favelas do Rio de Janeiro.

Na Engenharia, então, só se pensa na construção de estradas, o que até se justifica pela garantia do emprego probo das verbas repassadas pelo Ministério dos Transportes, uma pasta, já faz tempo, desgastada pelos desvios de recursos envolvendo cargos e comissões. Mas, e as suas tropas de combate tão em falta na Amazônia? Batalhões de infantaria de selva carecem, em seus quadros de organização, de um pelotão de engenheiros, seja para destruições em combate seja para abertura de picadas, construção de pequenas pontes e instalações em bases de combate. Necessidade tirânica que se faz presente a toda hora, em todos os locais e sob as mais variadas formas.

E quanto à Cavalaria, como caracterizar o seu subemprego? Todos se lembram: hoje seus meios encouraçados são manejados por tropas federais no desmantelamento de fortins do crime organizado em favelas cariocas. O próprio BOPE, dotado com viaturas blindadas de transporte de pessoal (VBTP) nos moldes da Guarda Nacional dos EUA, poderia fazê-lo. Neste batalhão, uma companhia equipada com este material aperfeiçoaria a coordenação das operações, diminuiria os “caciques” e simplificaria sobremaneira o apoio logístico. Todavia, é lamentável, ainda compramos carros de combate na União Européia e continuamos a remendar, com competência deve ser dito, as VBTP veteranas do Vietnã vendidas pelos EUA em 1972. Que tal encomendá-las à indústria nacional ao invés de fazê-lo aos “mercadores da morte” encastelados no CS/ ONU? Que ninguém duvide, um lote do “CHARRUA”, de protótipo já testado pela MOTO PEÇAS S/A em São Paulo, desempenha muito melhor em suas destinações do que as geringonças esclerosadas vendidas pelo Tio Sam.

E a arma base, nobre infantaria, “eterna majestade das linhas combatentes…”?  Coitada, essa é do alfinete ao foguete! Como sempre, o maior efetivo se a coisa foge ao controle na garantia da lei e da ordem. Guerra ao narcotráfico, retomada/ocupação de zonas liberadas pelo crime organizado, é de pasmar, ainda se fazem com o já terminal fuzil automático leve, empunhado em 1965, quando sentei praça. Isto sem falar nos combates ao desmatamento de florestas, aos incêndios nas matas e na defesa civil em casos de calamidade pública. Instituições de maior credibilidade no País, sempre! Por que não?

Paulo Ricardo da Rocha Paiva

Coronel de Infantaria e Estado-Maior

23 Comments

  1. Dandolo says:

    O problema atual do Brasil é um só: Político. Com esses políticos que nós temos, não chegaremos a lugar algum. Todo dia a imprensa acusa um Ministério de envolvimento com propinas e licitações fraudulentas, e ninguém devolve a grana surrupiada e vai para a cadeia.
    Quem manda no país é Lula, e não a Dilma. Estamos politicamente no fundo da latrina.
    Só vejo uma solução: Regime da China com Tiro na Nuca dos corruptos e assassinos.

  2. 1maluquinho says:

    É inadimissivel comprarmos blindados usados se ate pouco tempo faziamos um blindado que por muitos anos foi considerado o melhor do mundo e exaustivamente testado e aprovado em combate.Esse PODER MANGUAÇA tem recalque de milico e esta nem ai pra eles e quem sofre é o Brasil.De uma coisa tenha a certesa Nobre General,quando o IRMÃO CAIM DO NORTE vier nós o povo Brasileiro antes de combatermos eles primeiro passaremos o cerol em todos os politicos sem distinção e em todos os meios vendidos e entreguista.Faremos o mundo conhecer o pacato povo Brasileiro enraivecido para que jamais se esqueçam de nossa gente….So existe uma coisa que desperta esse gigante,é quando o extrangeiro agride a nossa soberania. http://www.youtube.com/watch?v=WEx61vk4F7I

  3. Dandolo says:

    O Min Celso Amorim, pra mim é excelente, pois é idealista e aguerrido. Ruim é a grande maioria dos políticos brasileiros.
    Lula tem que sair do cenário político, pois governou para os banqueiros e especuladores financeiros, endividando a nação até a alma. Quase todos os recursos arrecadados estão indo para o pagamento da Div Pública. A Nação está inviabilizada.

  4. Mt difícil mesmo, ainda + sabendo dos cortes nas compras de equipamemtos p às FAs,cito: caças, fragatas, etc,etc,etc, qdo a Rússia está comprando a rodo e com salários miseráveis = a meu…sim vai ser mt difícil.Sds.

  5. Alexandre says:

    Certamente os problemas das forças armadas brasileiras vem de décadas, é uma penúria datada até mesmo da época do regime militar, parece que a preocupação durante esse período foi dar aposentadoria vitalícia para as armadas brasileira, e isso hoje contribui significativamente para corroer em quase 70% dos gastos militares com o pagamento de salários e aposentadorias, foi uma armadilha que hoje impede mesmo o aumento do salário dos que estão na ativa.

  6. Alexandre says:

    No atual governo temos mais o que comemorar do que reclamar, senão vejamos, construção e incorporação de 6 subs, 1 tipo alemão e outros 5 franceses, sendo 1 nuclear, 50 helis franceses(EC), 12 russos(SABRE) e 3 americanos(BH), aquisição de 11 f5 e mais a modernização dos outros F5( totalizando 57), modernização dos AMX(43 unidades), dos A4(12unidades) e aquisição de 12 mirages, aquisição de aviões radares(5 unidades), aquisição de 250 blindados alemães(leopard 1A5), aquisição de aviões P3 orion(9 unidades)e ainda aquisição dos ST , a incorporação da estratégia nacional de defesa, a reconstrução total da base de lançamento de alcântara e em fase final a aquisição de fragatas e outros meios para a nossa marinha e o famigerado FX2. É lógico que queremos muito mais, e que alguns programas já passaram do limite de espera, mas ,se observamos com imparcialidade muita coisa foi feita em apenas 8 anos, e o nosso atraso não é culpa do governo atual. Abcs

  7. PE DE CAO says:

    porque transformaram o bib de quitauna em bil foi por logistica ? aqueles blindados que o autor do texto citou a noite depois do segundo horario eles começavam a fazer barulho sozinhos pois passaram em cima de vietcongns . Mas eu descobri o que era era o frio os blindados rangiam pois o metal com frio se contraia . MAS o Brasil e muro de arrimo ruim de derrubar o que ta faltando e muitos com patentes darem instruçoes com vontade pois poco com deus e muito muito sem deus e nada e outra , voçe fazer piada com o hino da infantaria demostra estar com moral baixa isso passa para a tropa ; sou a favor dos comandos renovarem colocar uma nova geraçao que ve o brasil como 5 maior pais do mundo em extençao pois a terra nao morre e essa foi conquistada com braço forte podi vim quem quiser nois vai so de faca no dente . mas nao vira ninguem pois os boi do hemisferio norte olha para nosso povo e sente é medo o problema do brasil continua sendo a elite tanto faz na civil ou militar eles elite sao muitos fracos de espirito e ja ve o gringo como superior ,a primeira arma a se usar numa guerra e a propria midia e isso os gringos fazem muito bem

  8. AJ says:

    Dandolo está certo.
    1Maluquinho está certo.
    Mas o problema mesmo é falta de decisão política.
    Na hora que surgir um com vontade política, a coisa decola.
    Nos EUA, existe o complexo industrial-militar, como sobrevivente da II Guerra Mundial e da Guerra da Coréia.
    Infelizmente não temos isso aqui, para o Eisenhower chiar.

  9. StadeuR says:

    Irmão Caim do Norte . Rsrsrs Essa é boa.
    Dandolo acertou , o problema é político, dinheiro tem , a verba não chega, o EB tem que ficar fazendo remendo no Denit pra sair alguma coisa, senão para tudo.
    E há ainda o risco de contaminação,como aconteceu em alguns episódios na favela.
    Se serve de consolo o Obama também reclamou de seus políticos, tá feio o negócio.

  10. Eduardo Carvalho says:

    Bem, Forças Armadas são parte de uma nação, ou seja, não estão alheias aos problemas da nação.
    Imaginar que manter-se-há um corpo de guerreiros ‘ full time’ numa nação que não tem a premência nem frequência de guerras de algumas outras (que estão longe de serem exemplos), é sonho vão.
    Manter equipadas as nossas FA’s é uma coisa importantíssima, imprescindível, mas achar que elas devem permanecer acantonadas, cantando sob ordem unida e praticado tiro ao alvo, enquanto o país enfrenta dificuldades e necessita de seus quadros efetivos em ação, onde e como necessários, é quase alienação.
    Como não creio que as FA’s sejam alienadas, então essa visão exposta por esse militar é mesmo maldosa e politicamente engajada em anti-governismo barato.
    Óbvio que, em uma ausência de conflitos, toda a estrutura armada do país seja utilizada efetivamente onde for necessária.
    Faz-se pelo país o que for preciso, quando e como preciso.
    Se houver uma guerra, que estejamos prontos. Enquanto isso não ocorre, que as FA’s se engajem, sem chiadeira, a que forem chamadas, pois servir a pátria é obrigação honrosa, indiscutível, inadiável e incondicional.
    Que seja num campo de batalha (o que esperamos nunca + ocorrer, mas, que estejamos prontos…) ou na guarda, policiamento e vigilância de fronteiras, ou na presença, apoio ou engajamento direto no combate à corrosão social das drogas.
    Enfim, aos que verdadeiramente servem ao país, não há maior nem menor missão.

  11. Afonso says:

    O Dandolo errou quando afirmou quanto a quem manda neste país.
    Quem aínda manda aqui, são os velhos políticos da mais antiga legenda, a mesma que mantém o seu antigo nome e mais outra, que mudou de nome somente pra engambelar o povo. Depois, vem os outros partidos, que também querem tirar sua casquinha. Este é o mal e também o mau. Ninguém presta e citar somente um ou alguns nomes é levantar uma bandeira injusta.
    Que Deus nos proteja.
    Abraços.

  12. Orlov says:

    Tá aí um blindado brasileiro que deveria ser fabricado em série: o Charrua. Fruto de engenharia reversa do M-113, com as modernizações certas e instalação de equipamentos no estado-da-arte, como motor, eletrônica e blindagem; teríamos um VBTP que rivalizaria com os melhores do mundo.

    Mas se o EB prefere aquele Frankenstein da Iveco, paciência.

  13. 1maluquinho says:

    Osorio,Marruá e Charrua deveriam ser a linha de frente de nossa cavalaria assim como os produtos da Ena a espinha dorsal de nossa defesa.Que politicos são todos FDP isso todo mundo sabe mas nossos militares tambem tiveram uma parcela de culpa no sucateamento de nossa industria belica ao priorizarem material extrangeiro.Sei que mesmo assim principalmente no EB muitos esforços se fazem e isso reflete que na tropa nem todos tem as mesma convicções.No Brasil tudo esta atrelado a um sistema ineficiente,vicioso e corrompido.Precisamos mudarmos o sistema e o Parlamentarismo seria uma natural escolha de renovação.Precisamos tambem revermos a questão de pensões eternas de mãe para filha para neta e etc…Isso é o que mutila o EB que tem a maior parte de sua verba destinada a pagamentos de pensões que vem desde a guerra do Paraguai.Se o nosso EB com contenções,descasos publicos,consegue criar com propria tecnologia e pesquisa avanços o que ele não poderia fazer se sobrasse muito mais com a verba que lhe é destinada se não fosse corroida pelas pensões eternas?Sei que para fazermos uma mudança geral no sistema e mais importante ainda na mentalidade de toda a nossa sociedade por busca de conscientização ou por meios eleitorais é praticamente impossivel.Grande é o universo que esta por traz de tudo isso de todos envolvidos diretos e indiretos,de todos beneficiados diretos e indiretos e de todas as oportunidades diretas e indiretas que tudo isso gera.Nunca houve na historia da humanidade evento nenhum onde se houve justiça e igualdade sem que fosse preciso se derramar sangue.De uma forma ou de outra embreve derramaremos o sangue Brasileiro para defendermos nossa soberania e interesses do cobiçador ou para banirmos a imundice do banditismo instalado em nosso poder.De todos os lados o Brasil é o alvo pois aquele que dominar o Brasil sobrevivera a grande tribulação que ja assusta e inquieta nações insuflando povos apenas com os pequenos tremores primarios.Aguardem quando se intensificarem e um dia voz lembrarão das palavras de um maluco…BRASIL ACIMA DE TUDO ATE MESMO DE DEUS POIS SE ELE VIER DESTRUIR-NOS EU O COMBATEREI…LIBERDADE.

  14. 1maluquinho says:

    O que adianta ficarmos rendendo homenagem a quem fez ou desmerecendo quem deixou de fazer???Nada!!!O que temos é insuficiente ate para patrulharmos nossa fronteira o que dira para defende-la.O que dizem que teremos é insignificante diante a magnitude dos bens nacionais que temos a resguardar-mos e a defendermos.Não justifica sendo o Brasil um pais altamente rico em minerios e energeticos dizermos que não temos dinheiro para comprarmos tecnologias e materiais necessars a defesa e a segurança.Não existe maior carta de credito do que nossas reservas minerais e energeticas que todos os paises do mundo necessitam adiquirir.Sendo assim porque então não podemos ter o que precisamos ter patra nos defendermos e para impulsionarmos desenvolvimento e infraestrutura tão necessario a serviços,capacitação e aperfeiçoamento.Não precisamos de ideologias e politicagens e sim de nacionalistas idoneos e patriotas….ABAIXO A REPUBLICA DAS RATAZANAS…VIVA O BRASIL E O POVO BRASILEIRO…XO PUTADA.

  15. Adriano says:

    Realmente é a cada dia mais perigoso de vivier no Brasil em uma escala de crescente periculosidade sem precedentes em nossa história.
    As nossas “forças armadas” esta em um perigoso declineo material e principalmente INTELECTUAL E MORAL.
    Isso meus amigos só se resolve quando há guerra, a história demonstra isto.
    É como essas contruções em área de risco, derrepente a tempestade vem e demostra a fragilidade em que se vivia com um irreversível desastre.
    E todos sabemos que a tempestade vem e que a morte não manda recedos.

  16. parece que hugo chaves tem mais visao do que vai acontecer num futuro próximo os fortes vam dominar os fracos e roubar suas riquezas foi assim no passado sera no futuro a Venezuela esta preparando para isso com compras de armanentos russos qdo nós acordamos vai ser tarde demais

  17. camilo says:

    A culpa não é dos politicos,não é das F.A’s,se não NOSSA,isso mesmo NOSSA,de ver as coisas e não fazer nada só comentarios nos bares de criticas,mais não fazemos nada,não saimos nas ruas a exigir,não protestamos contra os politicos,a favor de uma reforma de lei mais severas para os criminosos e corruptos,não fazemos greves a favor das melhoras salariais,só uns quantos gatos sai e os demais nos bares tomando cervejas e criticando e vendo futebol,olha a europa quando algo vai mal sai na rua,olha o oriente medio,sai na rua pedindo o seus direitos,só a gente mesmo que não fazemos nada só pensamos em futebol,novelas,reality Shows,cerveja e mulheres em nada mais o povo tem o que se merece,si não sair na rua tod@s e gritar BASTA JÁ e pedir cabeças de muitos politicos.Pensar de verdade quem tem a culpa de todo.

  18. Adriano says:

    camilo.
    Em meu comentário eu não culpo ninguem, só sei que os governos e as instituições não nascem do nada elas vem de nós o povo por inteiro.
    Espero que minhas previsões sejam erradas…

  19. Dandolo says:

    Se Amorim não conseguir um aumento para os militares, creio que ficará difícil para ele, ou para qualquer outro Ministro da Defesa.

  20. Sem salários digno e escola p ser-mos educados e ter boas opções profissionais , realmente a coisa ficará difícil. Q se reequipe às n FAs e logo, pois o cenário externo está ficando mt “turvo”, está mudando o cenário do mundo. Estamos correndo sério perigo, de dentro e de fora.Que se esqueça o passado, a lei de anistia foi p os dois(12) lados, deixe -o enterrado onde está, p o bem do país.Q se melhore os salários, q se abaixe essa maldita taxa de juros, a > do mundo,p crescer-mos + e + rápido o possível. Caso contrário, poderemos ter um aumento considerável da criminali//, a méxicanização do país…Pensem, olhem como os fatos estão se acontecendo aki. Sds.

  21. Nilo says:

    Transformara Celso A. o Brasil na nova Costa Rica, pais sem exercito????
    Transformara o Brasil em um pais com o Exercito Brasileiro desfuncional.
    As perguntas serão respondidas em prazo de seis meses.
    ou melhor em seis meses teremos fatos que nos ajudarão a esclarecer tais dúvidas que em muito são levantadas em função de interesses especificos de lobbes e não necessariamente a preocupação com a salvaguarda das funções institucionais das Forças.

  22. camilo says:

    Adriano eu não dizia isso pra vc,se não para tod@s @s Brasileir@s,o problema são os politicos e a violencia,mais o remedio e o poder tem o povo,mais cada um vai por si e deus por todos e assim fica in pais ,no abismo até que o povo deixa de ser OTARI@S para os politicos ,não vai mudar nada,e o poder temos nois O POVO,que elije mais tambem tira como passou com o Collor,que por certo o unico presidente no Brasil que fizerão uma cilada.

  23. Jába, o corpulento says:

    Gosto muito dos comentários do 1maluquinho. Posso não concordar 100%, mas sempre concordo 99% (Hahaha!).
    Caro mestre Dandolo, a nação não está inviabilizada, a nossa dívida pública tem diminuído a cada ano. E a corrupção não aumentou, não. A imprensa golpista é que resolveu focar os holofotes na corrupção, noticiando mais e mais a cada dia, tentando derrubar a Presidenta.
    Caro mestre, compre e leia a Carta Capital desta semana, que ficarás mais relaxado.

shared on wplocker.com