Categories
Geopolítica

Brasil aceita pedido da ONU e receberá refugiados da Líbia

http://www.kashmirmediawatch.com/wp-content/uploads/2011/03/mid_refugees2.jpg

O Brasil aceitou o pedido que a ONU fez há um mês para 20 países e irá receber refugiados do conflito na Líbia, como conta o jornal O Estado de S. Paulo. Segundo o secretário executivo do Ministério da Justiça e presidente do Conselho Nacional de Refugiados, Luiz Paulo Barreto, o País ainda não definiu quantos nem quando receberá o que a organização chama de “vítimas negligenciadas do conflito”.

A ONG Médicos Sem Fronteira estima que, no total, o número de refugiados seja de 1 milhão de pessoas. Tratam-se de sudaneses, etíopes, nigerianos, argelinos, além de famílias inteiras de outras nacionalidades que não podem retornar ao país de origem e estão presos na Líbia. De acordo com Johannes van der Klaauw, representante do Alto Comissariado da ONU para Refugiados, os casos começarão a ser mostrados para o governo brasileiro na semana que vem.

Fonte: Terra

28 replies on “Brasil aceita pedido da ONU e receberá refugiados da Líbia”

César Pereirasays:

O Governo Brasileiro comete um erro ao aceitar esses ”REFUGIADOS”,a OTAN e seus membros criaram um problema humanitário, e agora precisam acolher essa gente,os bombardeios não são para salvar os civis?
Além do mais não se tratam em sua maioria de líbios,”Tratam-se de sudaneses, etíopes, nigerianos, argelinos, além de famílias inteiras de outras nacionalidades que não podem retornar ao país de origem e estão presos na Líbia.”
PORQUE TRAZER ESSAS PESSOAS PARA O BRASIL SE SEUS PAÍSES DE ORIGEM ESTÃO PRÓXIMOS DA LÍBIA ? PORQUE TRANSPORTÁ-LOS PARA OUTRO CONTINENTE?

Aqui no Rio Grande do Sul pelo grande crescimento da economia principalmente nas areas portuarias, sofremos com a falta de mais de 30.000 funcionarios da construção civil sem falar em outras areas, e olha que o salario de um funcionario comum pode chegar a R$4.000 reais. Poderiam fazer um curso basico e mandar ver.

Se eles não tem medo de trabalhar podem mandar para o Rio Grande do Sul. Na cidade de Rio Grande tem cerca de mais de 10.000 vagas, e pagam bem, vem gente de todo o pais para ca, principalmente devido a constução de plataformas de petroleo em grande escala.

Dependendo do ponto olhado sera ruin. Mas do ponto amigavel sera muito bom… mas e como a dilma dirige este pais entaum…

Seria um gesto nobre do Brasil, Mas…
.
A verdade.
A UNO esta querendo internacionalizar a merda dessa guerra que ela permitil acontecer… assim ela transfere para os outros o problema que ela mesmo criou…
.
Por que a ONU não mandam eles para França, Itália, Inglaterra e Estados Unidos. São esses paises que querem “libertalos”…

kkkk mais que beleza, viva o aumento da população miseravel do brasil!!!

la vem o assento que o brasil tanto queria!!!! mais ele vai sentar aonde mesmo!?!?
ACORDA BRASIL!!! E ACORDA BRASILEIROS!!!!

Enquanto isto os países da OTAN, iniciadores, mantenedores e portanto, e responsáveis pela guerra na Líbia, fecham suas fronteiras para a emigração Líbia (e africana) cada vez mais.
.
E a ONU ao desviar para outros países, o fluxo de imigrantes que iriam para a Europa, só está trabalhando para aliviar a pressão política que a opinião pública interna dos países europeus, faria contra a guerra, no caso de um aumento muito grande de imigrantes aportando na ‘eurolandia’.

Manda pra França! Afinal a guerra começou para protejer os civis não é?! Então quem tem que levar pra casa é a OTAN.

A OTAN é quem deve arranjar solução para o problema, ou será que só querem ficar com os poços de petróleo?

sultan v. nabasays:

Ajudar é sempre bom…más nós teremos alguma fatia do bolo, ou só ficaremos com a faxina rsrs.SDS.

Pode ser verdade que termos pejorativos como casca de fruta ou miserável se aplique a muitos deles. Mas não se esqueçam que nossos atepassados italianos, alemães, japoneses, etc, eram basicamente desta mesma laia a cem anos atras. Atualmente seriam os sem-terra daquela época. Se os libios vierem com uma mão na frente e outra atrás e conseguirem prosperar, ótimo ! Quanto mais miscigenação racial e cultural no Brasil, maiores as chances de sucesso no futuro, pois menor população de radicais para fazer guerra ! (no presente é outra estória 😉
Hummm, acabo de perceber algo : No Brasil os estados com mais imigrantes recentes de outras nacionalidades cresceram mais ! Me confesso ignorante de quanto de imigração ocorreu para o NE e em quais localidades e a situação atual das mesmas!

Gostaria de saber o nivel de escolaridade desses refugiados ou se os ‘europeus’ fazem uma pre selecao e ficam com os mais promissores. Nao seria um ato Cristao fazer uma selecao de pobreza mas isso acontece todos os dias. E uma realidade. Proporcionalmente se o problema e gerado e instigado ppor Europeus e os EUA seria bom que a maioria dos refugiados seriam enviados para la.

Está certo. As nossas fronteiras precisam de gente.

como um país de imigrante e que esta em boom não tenho nada contra, desde que sejam levados para areas que precisa-se de pessoas. Não duvido que nossa agricultura e comercio possam absorver imigrantes como sempre fizeram ao longo da historia e por onde muita gente subiu de vida. E essas pessoas recebidas em momentos de necessidade assim como seus filhos acabam se tornando altos defensores do pais que as adotou.

Gostei da compração da casca de banana…é um fato, essa obsessão pelo CS ainda vai dar lerda p nós.Quem viver verá.

César Pereirasays:

Na verdade existem poucos refugiados,uma vez que a maioria da população líbia esta do lado de KADAFI !
Como a reportagem diz a maioria tratam-se de sudaneses, etíopes, nigerianos, argelinos,etc.
Sudão e Argélia fazem fronteira com a Líbia,Etiópia, Nigéria já estão um pouco mais distante,mas nada que impeça que essas pessoas sejam REPATRIADAS !
Talvez a maioria nem se trate de refugiados,mas sim trabalhadores estrangeiros que foram surpreendidos em meio a guerra e estão sem condições de retornarem ao seus países de origem!

Os europeus aprontam e nós é que iremos paga o pato,o Brasil virou depósito de pessoas da ONU?
.
.
Bote na cabeça,nunca haverá alteração na moribunda CS,…nunca!

Capitão Nascimentosays:

PQP!
Só importam mais miséria pra esse país!

ALÉM DO EQUADOR DEVE TER, UM PARAÍSO ONDE PODEMOS VIVER EM PAZ;ONDE…..
.
.

“(…)Nos EUA. – Confrontados por um quadro de crise financeira e de necessidade de recursos naturais, especialmente os energéticos, em face ao esgotamento das soluções militares, os estrategistas do Establishment anglo-americano avaliam se devem abandonar sistema histórico de dominar regiões geográficas ricas em recursos e como controlar os fluxos para os centros consumidores. Mergulhados na crise, precisam voltar a atenção para a própria reconstrução. Três anos após o início da crise, o desemprego continua alto, a dívida do país inchando, cidades quebradas e as estradas e pontes sem manutenção. Algumas áreas dos EUA já parecem um país de Terceiro Mundo; um declínio raro na história americana. A superpotência mordeu mais do que consegue digerir. Agora está cogitando de uma retirada militar. Esperemos que retire também suas ONGs da Amazônia. O Reino Unido, mais renitente, pouco poderá sem os “Estates”.(…)

**********
.
.
Emquanto isso acontecem por lá,abaixo da linha do equador se ouve uma melodia:
.
“(…) Ô oi estas fontes murmurantes
Oi onde eu mato a minha cede
E onde a lua vem brincá
Ôi, esse Brasil lindo e trigueiro
É o meu Brasil Brasileiro
Terra de samba e pandeiro,
Brasil!… Brasil (…)”

.
.
Hahahaha!……!..Meu Deus….como eu adoro fazer isso!Hahaha….!

Que levem para a Europa,não aqui….rejeita,muda de ídeia e veta isso Dilma.

concordo com o comentário do cesar pereira, pra quer trazer esse pessoal para cá, quem criou o problema que adiministro-o, irão trazer todo tipo de gente, não damos conta nem dos nossos moradores de rua ainda vão trazer mais, essa politica brasileira de querer uma cadeira no conselho a qualquer custo é muito idiota, pra que eu quero uma cadeira num orgão que não é respeitado pelas nacões poderosas (em poder militar). Brasil tá pagando mico atrás do outro com essa idéia, não conseguiu até agora nem um navio para integrar a unifil, cogita-se enviar a fragata constituição que pelo que sei é uma das melhores que temos e ai como ficamos. Brasil só irá conseguir um assento quando aprender o caminho da tecnologia militar e investir nessa área. me ajuda ai oh.

Clóvis Henrique Arruésays:

Dandolo,não acho uma boa idéia mandar “refugiados” estrangeiros para as nossas fronteiras,criando “bolsões” de outras nacionalidades nos nossos territórios mais sensíveis…

wagner ulissessays:

Alguem tem que arrumar a cagada da ONU!

Nelson de Azevedo Netosays:

Éééééé… Quem avisa, amigo é!… A politicalha brasileira nem sentou a bunda no CS/ONU, e já está arcando com ônus pré-pago… É o preço à pagar da vaidade megalomaníaca… E esta será só a primeira parcela dessa ambição fora de hora.
🙁

Comments are closed.