Defesa & Geopolítica

Uma questão de Segurança Nacional II?

Posted by

http://files.advertolog.com/files/adsarchive/part_431/4315755/file/anti-drugs-cocaine-small-74000.jpg

Brasil é o 3º na rota de tráfico de cocaína para a Europa

Por JOSÉ ERNESTO CREDENDIO

Cresceu nos últimos anos o número de cargas de cocaína apreendidas na Europa após passar pelo Brasil, segundo relatório divulgado ontem pela Unodc, a agência da ONU (Organização das Nações Unidas) sobre drogas e crime. O Brasil é o terceiro país na rota de tráfrico da droga para a Europa.

Entre 2005 e 2009, período analisado pela agência, o número de apreensões de cocaína que chegaram à Europa após passar pelo Brasil aumentou cerca de dez vezes, 25 para 260, mas a quantidade variou bem menos, de 339 kg para 1.500 kg.

Leia: Um terço dos usuários de cocaína está na Europa (Europeus produzem, principalmente, cannabis, anfetaminas e ecstasy)

Leia: Narcotráfico se sofistica na África Ocidental e preocupa Europa

Leia: ONU aponta alto consumo de remédios no Brasil (Um dos mais usados é o analgésico, que pode causar dependência)

Leia: Comissão diz que guerra contra drogas no mundo fracassou e defende mercado regularizado

Leia: Maconha, além do tabu

Leia: Documento Original – WORLD DRUG REPORT 2010

Apesar desse aumento na participação brasileira, a Venezuela, com cerca 6.500 kg, e Equador, com aproximadamente 2.500 kg, foram os principais canais da cocaína traficada para a Europa dois anos atrás.

O Brasil surge em terceiro, ocupando o lugar que em anos anteriores já foi do México, do Panamá e da República Dominicana.

O volume de cocaína que passou por solo brasileiro foi menor porque, de acordo com a agência, os casos envolvem pequenos traficantes, os ‘mulas’, que geralmente transportam a droga escondida em bagagens ou mesmo no próprio corpo.

Já o esquema de tráfico da Venezuela envolve o transporte em grandes quantidades, através de portos.

Essa situação, porém, pode estar mudando, alerta a agência da ONU.

Um exemplo foi a operação que apreendeu 3.800 kg de cocaína escondida em contêiner no porto de Paranaguá (PR), em fevereiro de 2009. A carga seria levado para a Romênia, país do leste europeu com importantes quadrilhas de tráfico internacional de drogas ilícitas.

Fonte: UOL Notícias

13 Comments

shared on wplocker.com