Defesa & Geopolítica

Brasil o primeiro país a ser visitado por Humala

Posted by

Humala diz que Brasil é modelo de crescimento econômico com inclusão social

Depois de se reunir nesta quinta-feira (9) com a presidente Dilma Rousseff, no Palácio do Planalto, o presidente eleito presidente do Peru, Ollanta Humala, disse que o modelo econômico e social desenvolvido no Brasil deve ser tomado como exemplo por seu governo. No dia 28 de julho, ele toma posse e Dilma afirmou que estará presente. Para Humala, o crescimento econômico deve ocorrer paralelamente às ações de inclusão social.

“Um país não pode se considerar rico quando há tanta pobreza”, afirmou Humala. “O Brasil é o primeiro país que estou visitando. É um sócio estratégico e importante para nós, inclusive para o fortalecimento [da segurança] das fronteiras”, acrescentou.. “O Brasil é um modelo exitoso de estabilidade macroeconômica com inclusão social.”

O Peru é o segundo maior produtor do mundo de cocaína depois da Colômbia. Há estimativas indicando que o narcotráfico representa de 2,5% a 6% do Produto Interno Bruto (PIB). O Brasil e o Peru mantêm um acordo de cooperação na tentativa de conter a ação de traficantes.

“Temos de fortalecer as relações com os Estados Unidos por causa da nossa luta contra o narcotráfico. O combate ao narcotráfico envolve uma cooperação com todos os países”, afirmou Humala, que seguiu de Brasília para São Paulo. Ele informou que vai se reunir na sexta-feira (10) com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Fonte: DCI

No Brasil, Humala diz que investimentos estrangeiros dependem de opinião popular

Por João Fellet

Em 2008, o então presidente Luiz Inácio Lula da Silva e seu colega peruano, Alan García, assinaram acordo que prevê a construção de ao menos seis usinas hidrelétricas na Amazônia peruana, que teriam como principal cliente o mercado brasileiro.

As usinas seriam erguidas com financiamento do BNDES (Banco Nacional do Desenvolvimento), participação de empreiteiras brasileiras e assessoria técnica da Eletrobrás, estatal brasileira do setor elétrico.

Segundo a Eletrobrás, as usinas seriam capazes de gerar entre 7 mil e 8 mil megawatts de energia e teriam custo estimado em US$ 16 bilhões. Em julho, devem ser finalizados os estudos de viabilidade para a construção da primeira usina, a de Inambari, com potência instalada de 2 mil megawatts, custo de US$ 4 bilhões e consórcio formado pelas brasileiras OAS (51%), Eletrobrás (29,4%) e Furnas (19,6%).

Mencionou também que os dois países devem lutar contra o narcotráfico, o que exige fortalecimento da vigilância na divisa entre os dois países.

Isso porque, segundo ele, embora o Brasil seja o vizinho mais rico do Peru, a região peruana próxima ao território brasileiro é mais pobre do que as outras regiões fronteiriças do país.


Fonte: BBC Brasil

10 Comments

shared on wplocker.com