Defesa & Geopolítica

RAF pretende retirar de operação 55 caças Typhoon Tranche 1

Posted by

As 55 aeronaves Eurofighter Typhoon Tranche 1 da RAF poderão deixar de operar devido a novos cortes no orçamento de defesa do Reino Unido. (Foto: RAF / MoD UK).

A Real Força Aérea britânica (RAF) deve passar por um processo de significativos cortes – de cerca de 1 bilhão de libras por ano – adicional aos cortes anunciados em outubro. Mesmo depois de efetuar diversos cortes no orçamento e retirar de operação diversas aeronaves, o Ministério de Defesa do Reino Unido está passando por mais um “pesadelo” e precisa efetuar mais um corte extra, disseram líderes de defesa. Nesse novo corte devem estar um lote de caças Eurofighter Typhoon Tranche 1.

Baseado nisso, surgiu a necessidade que a RAF retire de operação mais que 50 caças Eurofighter Typhoon do primeiro lote operacional que começaram a operar em 2007 num custo de mais de £4,5 bilhões simplesmente porque o Reino Unido não terá condições de modernizar esses caças.

A “revisão de defesa não foi suficiente”, disse Michael Clarke, diretor do Royal United Services Institute, durante uma conferência em Londres, com a presença de membros militares britânicos.

A diferença entre os comprometimentos e a verba disponível para as forças armadas nos próximos anos pode chegar a £ 2 bilhões, uma situação que Clarke descreve como insustentável.

Através da revisão de defesa feita em outubro, o orçamento anual de defesa de £38 bilhões deverá ter um corte de cerca de 7,5% nos próximos quatro anos. No entanto, a revisão também prevê uma redução para as forças armadas até 2020.

Fonte: The Guardian – Tradução e Adaptação do texto: Cavok

7 Comments

shared on wplocker.com