Categories
Defesa Fotos do Dia Negócios e serviços

Rússia compra 2 porta-helicópteros militares da França


REUTERS  —  A Rússia fechou acordo para comprar dois navios porta-helicópteros militares de um consórcio liderado por empresas francesas, afirmaram os governos russo e da França nesta sexta-feira.

O negócio foi o primeiro grande acordo para venda de armas da França para a Rússia desde a queda da União Soviética.

Após longa negociação, ficou decidido que os porta-helicópteros de assalto da classe Mistral serão construídos pelas companhias francesas DCNS e STX juntamente com estatal russa United Shipbuilding Corporation, conhecida como OSK.

Alguns aliados franceses da Otan tinham demonstrado preocupação com o acordo, sinalizando para a França não vender sistemas de alta tecnologia que poderiam ser usados pela Rússia contra ex-repúblicas soviéticas, especialmente após os russos entrarem em conflito com a vizinha Georgia em 2008.

O acordo prevê uma opção para a construção de mais dois transportadores, segundo o comunicado.

A nota não relatou o valor do negócio, mas os porta-helicópteros provavelmente custam entre 400 e 500 milhões de euros cada.

A aquisição é parte do plano da Rússia de modernizar suas Forças Armadas.

Reportagem de Catherine Bremer

Fonte :  Terra

27 replies on “Rússia compra 2 porta-helicópteros militares da França”

e o Brasil chutando um porta avioes velho.O A12 ja fez muita coisa pelo nosso pais participando de exercicios internacionais e nacionais,mas pela visao que tenho eu do Brasil eu vejo a necessidade de mais um porta avioes sendo assim um ficando no nordeste brasileiro e o A12 ou outro ancorado no RJ

Finalmente uma boa notícia para os franceses

[]’s

Kkkkkkkkkkkkkkkkkk tinha um monte de gente dizendo que o armamento Frances era lixo, mas da uma olhada vendendo pra Rússia!
Na verdade não existe nada de mais nessa compra, mas não deixa de se hilariante vê uma turma silenciada.
Podiam até colocar aquele velho título (E agora José?)

sds

E já os franceses irão vender alguns fremm para eles também.
Esta negócio entre os franceses e russos, ainda darão muita dor de cabeça para os americanos e os ingleses.

Darth Sidioussays:

Seu Mula e a compra das Fragatas FREEM da Itália não vai sair do papel não sem bem que as das França são mais caras porque são mais equipadas acorda seu Mula compra logo nossas Fragatas pra ontem.

Será que este Mistral é o Scorpene Russo? Digo o primeiro passo para um NAe moderno?

Construir navios nunca foi o forte da Russia.
Seus porta aviões da classe Kiev eram construidos na Ucrania. Inclusive os motores.
Nestes 20anos só produziram duas corvetas.
Estão tentando recuperar seus estaleiros, produziram fragatas para India, entre outras iniciativas, este acordo com a França.
Lá pensam diferente daqui.
Os tres restantes que serão Produzidos, de um total de quatro navios, darão capacidade e indepedencia de produção aos Russos, que deverão a partir dai andar com as próprias pernas.
Sem essa de empresa russa fabricante de peças pra empresa francesa instalada na russia cedendo seu mercado pra os franceses.
Abs

VEJA ai O QUEIXAO YANKE CAINDO
SEM PODER DIZER NAO OU SIM
QUE FRUSTRACAO !!

O Brasil necessita também desse tipo de belonave, no mínimo 4, para ontem !!!!

Michel Lineker GMsays:

Acho que o Cavour é melhor…pra noÍsi rsrsrs

O cavour não nos serve, pois é apenas um Navio Aeródromo, Tal como o HMS ocean só pode operar aeronaves, no caso do segundo praticamente Helicópteros e aeronaves STOVL.
O que a Marinha deseja e o que se enquadra na categoria destes navios é o LHD por possuir doca seca para embarque e desembarque de tropas e suprimentos por meio de embarcações especializadas como Hover Craft. A Marinha quer e precisa deste tipod e navio.
OS Italianos tem um modelo em desenvolvimento muito parecid com Mistral e tiveram um projeto que deu origem ao Cavour o “Andréia Dória” que era um Navio aeródromo com doca seca, mas que por motivos econômicos foi abortado e deu origem ao Cavour.
Sds
E.M.Pinto

É exatamente este numero de navios que a Marinha defesa 4 LHD ou como eles chamam no Brasil, Navio de multipropósito.
sds
E.M.Pinto

Estranho um navio desse porte custar apenas entre 400 e 500 milhões de euros. Os Scorpenes que serão feitos para o Brasil custarão muito mais caro. Será que o preço deste porta helicópteros é esse mesmo ?

Michel Lineker GMsays:

Edilson então o America nos serviria ou ele é muito caro?

O América é sem dúvida o melhor navio mas se não estou enganado será um LHA ( não terá doca).
Ainda sim um América com doca seria o maior e melhor LHD, porém o custo é elevadíssimo, algo como 2 a 3 Bi de dólares.
como regra os navios americanos são também caros de operar, e nãos e enquadram nas nossas economias, mas, não há dúvidas, são os melhores.
Atualmente
Os espanhois detém o melhor navio da classe na europa o Juan Carlos, que também é o maior, mas também é mais caro.
http://planobrasil.com/2010/10/02/juan-carlos-entregue-a-marinha-espanhola/
O mistral é de longe o mais barato por volta de 450 a 600 milhões de dólares, para ter uma idéia o Juan carlos custou 1 bi.
A razão está no processo de construção que inova com introdução de técnicas e sistemas usualmente empregues na indústria civil, outro fator é a automação em larga escala que reduz o custo operacional devido a redução do efetivo.
Há outros navios bons, como o Coreano DODKO.
http://en.wikipedia.org/wiki/Dokdo_class_amphibious_assault_ship
e o Italiano ( que na minha opinião é mais indicado para o Brasil embora seu custo seja superior ao mistral)
http://pbrasil.wordpress.com/2009/12/11/marinha-italiana-perspectivas-de-novos-lhd/.
SDS
E.M.Pinto

O preço é este, CtrlC ctrl V(O mistral é de longe o mais barato por volta de 450 a 600 milhões de dólares, para ter uma idéia o Juan carlos custou 1 bi.
A razão está no processo de construção que inova com introdução de técnicas e sistemas usualmente empregues na indústria civil, outro fator é a automação em larga escala que reduz o custo operacional devido a redução do efetivo).
Um submarino uiliza de tecnologias muito mais caras e por esta razão são mais caros.
Portugal pagou masi de US$ 800 milhões por cada U 214 e por ai vai.
SDS
E.M.Pinto

Acho que o ideal seria o LHD-Juan Carlos fabricado pela Navantia Espanhola. Alem de tudo tem um Sky-Jump na proa. E a doca seca na popa.

Michel Lineker GMsays:

Mas se nós nos preocuparmos muito com o preço o certo é não ter nada, apesar que realmente não dá pra acreditar que o orçamento da MB vá aumentar muito.

Parece um navio da II GM. Trasformem ele em um submarino de pouca profundidade que eu aprovo.
Os navios do Séc XXI têm que andar submersos.
Os submarinos modernos já podem se deslocar a 3 km de profundidade.
Pessoal,a Baleia Cachalote de carne e osso, mergulha 1,5 km para pegar a Lula Gigante.
Submarino que vai a 400 m já está obsoleto. Cuidado !

A Marinha tem que aprender a dispersar os meios.
Lanchas pequenas com helicópteros é melhor.
Veja bem, com apenas 1 míssil pode-se afundar um grande navio com sua carga de aviões e helicópteros valiosa, além de muitas pessoas concentradas. Quanto menor, melhor.
Navio hospital junto com navio de ataque ? Loucos …
Navio hospital o inimigo não ataca.

Sei lá.. só sei que aquele porta-aviões são paulo ta dando mais prejú do que outra coisa. Uma marinha sem verba decente não pode manter uma belonave daquela em plena operação. Está mais do que certo um país continental cm o Brasil e presença na AL ter um porta-aviões, a culpa mesmo é do primeiro escalão das FA’s que não exigem as coisas, dos políticos que não dão verba suficiente para a área, e da população que também não corre atrás. A realidade é que o País está em eterna hemorragia interna.. é de um lado bolsas de plasma sanguíneo (alienação, desinformação, mendigagem) para manter as bocadas, e de outro a hemorragia esvaindo-se riquezas. Mas isto tem um limite, o corpo não aguentará isto por muito tempo!..

Caros, deu no PlanoBrasil (/2010/12/23/china-acelera-projeto-para-ter-porta-avioes).
———————-
“A aquisição de um porta-aviões não equivale à aquisição de uma capacidade, A CAPACIDADE DE USÁ-LO EFETIVAMENTE, O QUE…. pode levar décadas”, disse Robert Karniol, veterano analista de defesa radicado no Canadá”.
————-
Está certa a Marinha.
Está América do Sul precisa de um porta-aviões a capacidade operacional, e quem a terá??
——–
A Marinha é visionária.
Foi visionária quando escolheu (mesmo duramente critica – inclusive dentro da própria instituição) manter o projeto ARAMAR e o sub nuclear.
A MARINHA É DEZ.
ABS

Nilo… “Robert Karniol” do Canadá.. considero plenamente a decisão da marinha quanto à o porta-aviões porém… convenhamos. Complicado né, vai lá ver qual avião usam no porta-aviões deles, e quanto de horas por operação por mes possuem… complicado!… falta é compromisso sério no Brasil, isto sim.

O nosso porta-aviões poderá servir de heliporto para a Petrobrás.Numa guerra de verdade ele será devidamente afundado.
Os russos testaram mísseis antinavios com grande êxito. Parece que o nome é Moskit. Lançam 3 ao mesmo tempo, para confundir o sistema de defesa dos navios americanos.
Os japoneses já possuem projetos de porta-aviões submersos.
A marinha de superfície já era. Agora é a vez dos hidroaviões a jato e navios que se deslocam submersos.

Pode-se colocar um Reator Nuclear no Porta-aviões.
O que estão esperando ?

a galera precisa é jogar video game e parar de pensar em comprar essas porcarias! o país é um bolso furado para dinheiro, tem sim é que equipar e melhorar a polícia (e parar de mandar soldados para fora, que idéia idiota).

Comments are closed.