Defesa & Geopolítica

Navantia aumenta suas chances de construir submarinos para a Austrália

Posted by

http://www.qinetiq.com/home/newsroom/news_releases_homepage/2008/1st_quarter/s80_array.Par.96946.File.tmp/curvadeevolucion.jpg

Texto original
Le Pourtail Des Sous-marins
Tradução e adaptação
E.M.Pinto

Técnicos da Marinha Real Australiana visitarão nesta semana o estaleiro espanhol Navantia  para uma visita técnica e avaliação das tecnologias  empregadas na construção dos submarinos espanhóis S-80.Segundo o Le Portail des sus-marins Navantia, o Navantia- Cartagena é um dos estaleiros em  melhor condição de atender a demanda de construção de submarinos para a Marinha Real Australiana, que planeja construir até 12 navios em 20 anos.

Atualmente, o Departamento de Defesa Australiano está estudando as propostas apresentadas por 4 países envolvidos neste projeto: Alemanha, França, Grã-Bretanha e Espanha.  Fontes do estaleiro espanhol teriam afirmado acreditar que alguns dos submarinos seriam construídos pela Navantia usando as tecnologias de construção moderna existentes no S-80.

A decisão sobre os estaleiros escolhidos só  será conhecida em 2 anos,altura  quando o primeiro S-80 será lançado ao mar.

O estaleiro espanhol disponibilizou a  Austrália todas as tecnologias do programa S-80, razão pela qual a empresa acredita ter boas chances de sucesso, o S -80 é um submarino baseado no programa Scorpene, porém o seu miolo eletrônico difere, adotando sistemas de controle, armas  e comunicação Norte Americanos e são considerados um dos mais modernos submarinos convencionais em construção no mundo.

A mesma fonte salientou ainda que uma possível assinatura de contrato para aquisição de submarinos S-80   não envolveria a participação francesa como aconteceu no caso da trasanção da a Malásia e Chile, onde a empresa  particionou os negócios e construção com a DCNS.

A análise do Editor ( le portail des sus-marins):

Salienta-se  que, ao contrário das expectativas Espanhois a Austrália indicou claramente que iria priorizar a construção ou projeto autônomo Australiano, nos estaleiros da ASC Adelaide.

Nota do Editor (Plano Brasil)

Concordo com o editor do Le portail des sous-marins, creio que o que os australianos estão procurando é apenas delegar a construção de seus submarinos e não adquirir um modelo estrangeiros, em outras palavras, eles( Australianos) desenvolverão os seus submarinos do programa (sea 1000) e delegarão à estrangeiros a construção destes, a razão? acelerar o processo de entrega dos navios uma vez que seus estaleiros não seriam capazes de atender a demanda.

leia sobre o Porgrama  Sea 1000 na matéria do site Poder naval clicando aqui

Fonte: Le portail des sous-marins

16 Comments

shared on wplocker.com