Defesa & Geopolítica

Conheça o ATD-X o demonstrador de tecnologias Japonês

Posted by

Autor: E.M.Pinto

Plano Brasil

Após o voo do caça Russo Indiano PAK FA/FGFA, os caças de 5ª geração ocuparam ainda mais o  espaço no noticiário internacional.

Se nos últimos anos os 5G vinham chamando as atenções da mídia  principalmente após o anuncio do o fechamento da linha de produção do F 22 Raptor, outro caça vinha ocupando um lugar de destaque  o F 35 Lightning ambos americanos. Tinha-se a sensação de sensação de que nenhum outro avião 5G além destes dois poderiam voar.

A verdade é que outros programas de demonstradores e até o desenvolvimento de novos caças estão em curso a China pode ser o próximo país a colocar no ar o seu novo projeto de um caça 5G porém o Japão aparece ai nesta lista de países com seu modelo demonstrador de tecnologia, que pode nunca se tornar um avião efetivamente d ecombate, mas que certamente revolucionará a história da aviação.

Conheça então o ATD-X o demonstardor Japonês que quer voar alto e sem ser percebido….


ATD-X


O Mitsubishi “Advanced Technology Demonstrator – X”, ATD-X (Shinshin) é o protótipo de um avião  demonstrador de tecnologia para um caça furtivo que está em  sendo desenvolvido pelo Ministério da Defesa japonês, e que está sobre a responsabilidade de construção da Mitsubishi Heavy Industries. O primeiro vôo da aeronave está previsto para 2011.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=g94C5CNIPOQ]


Desenvolvimento


A Força de Auto defesa do Japão deseja substituir uma gama de aeronaves que estão perto do fim de suas vidas operacionais, e após infrutivos contatos com o governo dos Estados Unidos para a aquisição do caça  F-22  Raptor ( cuja exportação é vetada a todo e qualquer país), o governo do Japão decidiu a partir de 2005 se aventurar em um programa autóctone para desenvolvimento das tecnologias necessárias para um caça de 5G.


O programa seguiu o andamento segundo os cronogramas desejados, tendo um mock-up do avião em escala 1:1 efetuado testes de exposição a ondas de radar de forma a caracterizar a sua RCS (radar cross section) sendo estes ensaios efetuados na França.

Já em 2006, um modelo em escala reduzida 1:5 remotamente pilotado foi avaliado em voo de forma se obter dados sobre o desempenho em voo sobre diversas condições.

Supõe-se que a empresa dos EUA,  Lockheed Martin tenha prestado suporte técnico ao desenvolvimento do ATD-X. Inicialmente o voo do primeiro protótipo do ATD-X estava previsto para ocorrer por volta de 2014 entretanto os avanços no programa determinaram um adiantamento para já 2011.


Entre as tecnologias desenvolvidas no programa ATD-X estão os materiais radar absorvente RAM (em inglês), porjeto e desenho de uma aeronave de geometria radar-refratante, bem como o de um novo e revolucionário sistema de vetrorização de fluxo dos escapes dos motores (TVC) muito semelhante aos do projeto Rockwell X 31, porém com 4 sistemas de direcionamento de fluxo

O ATD-X será dotado ainda de um também revolucionário sistema de controle de voo fly-by-optical, que em suma trata-se de um sistema de controle de vôo que substitui os tradicionais sistemas de cabos elétricos por cabos de fibra óptica.

Esta solução permite que os dados sejam transferidos mais rapidamente aos transdutores, é mais leve e virtualemente imune as interferências electromagnéticas.


A aeronave servirá de base para o desenvolvimento de inúmeros sistemas eletrônicos como sistemas de contra medidas eletrônicas e ainda de um radar de varredura eletrônica ativa.

Sumário.

Porém apesar de aparentemente ser uma aeronave revolucionária e que poderia colocar o Japão na linha de frente dos caças de 5ª Geração hoje disputada apenas por EUA, Rússia e Índia ( O modelo chinês ainda não voou), o ATD-X pode não chegar a evoluir para um programa de um caça geração Japonês.


A Razão é a existência do rival Norte Americano F 35 Lightning, que conta com um peso considerável da diplomacia e política de Washington.

O F 35 parece assim a cada dia estar mais próximo de voar com o lendário círculo vermelho, símbolo da força aérea de auto defesa do Japão, uma pena se isto s econfirmar, pois o ATD-X poderia vir a ser mais uma aeronave a reescrever a história da aviação mundial.

E.M.Pinto

Airforcetimes

Mitsubishi ATD-X Shinshin

15 Comments

shared on wplocker.com