Defesa & Geopolítica

Trump e Putin: não há solução militar para conflito sírio

Posted by

Presidentes americano e russo divulgam declaração conjunta, à margem da cúpula da Apec, reafirmando intenção de derrotar fundamentalistas do EI. No entanto solução para Síria só ocorrerá por vias políticas, ressalvam.

Encontro entre Putin (esq.) e Trump em cúpula no Vietnam foi informal

Os presidentes da Rússia, Vladimir Putin, e dos Estados Unidos, Donald Trump, confirmaram neste sábado (11/11) a determinação de derrotar o grupo terrorista “Estado Islâmico” (EI) na Síria, numa declaração conjunta adotada durante a conferência de cúpula da Cooperação Econômica Ásia-Pacífico (Apec) em Danang, Vietnam.

“Ambos expressaram satisfação com os esforços bem-sucedidos de EUA e Rússia para evitar mais eficazmente incidentes perigosos entre militares americanos e russos, que permitiram elevar consideravelmente as baixas do EI nos campos de batalha nos últimos meses”, informou o serviço de porta-voz do Kremlin.

Em encontro informal à margem da cúpula da Apec, Putin e Trump destacaram que “estes esforços continuarão até a derrota definitiva do EI”. Por outro lado, enfatizaram que “o conflito na Síria não tem solução militar” e que “o acerto político definitivo para o conflito deve ser achado dentro do processo de Genebra, em conformidade com a Resolução 2.254 do Conselho de Segurança da ONU”.

Caricatura do russo Sergey Elkin: Putin e Trump se desencontram nos labirintos da conferência da Apec

Os dois chefes de Estado confirmaram seu apoio à soberania, independência e integridade territoriais da Síria, chamando “todas as partes sírias para participar ativamente no processo político de Genebra e apoiar os esforços que apontem para garantir seu sucesso”.

“Os presidentes abordaram a necessidade de diminuir o sofrimento humano na Síria e fizeram um apelo a todos os países-membros da ONU para aumentarem sua contribuição, a fim de satisfazer as necessidades humanitárias nos próximos meses”, concluiu a declaração conjunta, publicada no site do Kremlin.

O porta-voz de Putin, Dmitri Peskov, comunicou à imprensa russa que a declaração, pactuada neste sábado pelo ministro do Exterior russo, Sergei Lavrov, e o secretário de Estado americano, Rex Tillerson, foi aprovada por Putin e Trump em Danang. Ainda não se sabe se haverá uma reunião formal entre os dois políticos no contexto da cúpula.

Fonte: DW

 

 

 

 

7 Comments

  1. Pingback: Trump e Putin: não há solução militar para conflito sírio | DFNS.net em Português

  2. Essa balela se resume em prosopopeia flácida pra acantelar bovino!rs

  3. ………….a Rússia quer praticamente reconstruir a Síria do pós guerra e porquanto saber o que os EU ainda querem lá no Curdistão pra garantir de vez sua oportunidade,uma mina de ouro pros oligarcas russos …..o Assad já falou que nenhuma nação da União Européia participará da reconstrução do país…..só a Russia e quem sabe tbm a China………..

  4. Putin conseguiu uma vitória:
    “Os dois chefes de Estado confirmaram seu apoio à soberania, independência e integridade territoriais da Síria, …”, matando desta forma (e por enquanto) a pretensão de um estado curdo a custa de territórios sírios e praticamente forçando conversações para a reunificação dos territórios conquistados pelo SDF com apoio direto americano.

    Trump conseguiu a sua também:
    “o acerto político definitivo para o conflito deve ser achado dentro do processo de Genebra, em conformidade com a Resolução 2.254 do Conselho de Segurança da ONU”. Esta resolução fala em transição politica e portanto a saída do presidente Assad.

    Apesar de muitos acharem na época que a resolução 2.254 apresentada pelos EUA serem no final um vitória da diplomacia russa, não vejo assim.

    O comunicado falando exclusivamente dessa e deixando de lado as resoluções 2253 e principalmente a 2249 (uma interessante manobra russa para aprova-la) parece ser um acerto para uma caminhada conjunta na resolução do conflito sírio entre os dois países. Tomara.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

shared on wplocker.com