Defesa & Geopolítica

Segundo Diretor-geral do Kalashnikov o Brasil é um dos mercados mais promissores

Posted by

Kalashnikov AK-308 7.62×51 NATO

Esse ano comemora-se o centenário de nascimento de Mikhail Kalashnikov, notável projetista de armas do exército soviético. Às margens do Fórum de Investimentos da Rússia, o diretor-geral do consórcio Kalashnikov, Vladimir Dmitriev, falou sobre projetos dedicados ao aniversário e os planos para o futuro.

Há 100 anos nascia o famoso projetista de armas Mikhail Kalashnikov. O fuzil de assalto AK desenvolvido por Kalashnikov começou a ser utilizado pelo exército soviético da URSS em 1949. Hoje, o fuzil e suas modificações são as armas de fogo mais comuns no mundo.

No âmbito do Fórum de Investimentos da Rússia, o diretor-geral do consórcio Kalashnikov, Vladimir Dmitriev, declarou que em comemoração desse aniversário o consórcio vai abrir um museu virtual dedicado ao famoso projetista e cursos na internet com programas educativos para jovens.

O diretor-geral do Kalashnikov sublinhou que o consórcio contribui não só para o setor de defesa, mas também para o civil.

“Espero que surpreendamos e continuemos surpreender o mundo não apenas com nossas armas criadas para defesa, para segurança, mas também com novos desenvolvimentos. Trabalhamos ativamente com soluções para cidades inteligentes, estamos interessados em projetos ecológicos — todas as áreas em que podemos ajudar pessoas a sentirem-se protegidas e seguras”, disse ele.

Quanto aos planos para o futuro, a empresa que obtém mais de 50% de receitas com exportações planeja conquistar novos mercados, incluindo o da América Latina.

AK-101 5.56×45 mm (NATO)

Dmitriev disse à Sputnik Brasil que o mercado brasileiro é muito promissor para a empresa e as negociações com potenciais parceiros brasileiros já estão em curso, mas não revelou detalhes e prazos concretos.

“Junto com a Rússia, a Índia e a China, o Brasil é um país em forte desenvolvimento e que tem o potencial enorme. Sem dúvidas, entendemos que para sermos líderes no mercado devemos entrar nesse mercado. A pergunta é que sob que forma e sob que formato [essa entrada pode ser realizada]”, afirmou ele.

Comentando os possíveis obstáculos à entrada do Kalashnikov no mercado do Brasil, Dmitriev destacou que embora “ainda não tenham sido registradas quaisquer dificuldades concretas”, como qualquer projeto grande essa iniciativa exige preparações sérias. “Estamos no processo de negociação com parceiros brasileiros”, sublinhou ele.

Além disso, o diretor geral do consórcio disse que todas as novidades do Kalashnikov seriam demonstradas no Fórum Internacional Técnico-Militar Exército 2019, que será realizado entre 25 e 30 de junho deste ano.

O Fórum de Investimentos da Rússia foi realizado na cidade de Sochi entre 14 e 15 de fevereiro. O objetivo principal do Fórum é apresentar potencial econômico e de investimento da Rússia.

 

Com Informações de Sputnik Brasil

13 Comments

  1. SINAL de que a malfadada lei de desarmamento da população brasileira está com os dias contados… SALVE A MAMÃE RÚSSIA… a mãe de todas as tramoias que acabem na libertação dos demais povos… menos do próprio povo russo… quem lê, entenda… 🙂

    • B& E BÈEEE , conheces tanto a Rússia quanto Marte , seu Povo é um dos mais educados do Mundo , o que mais frequenta Teatros , Museus , etc , e seu Capitalismo é mais forte que o nosso , deixe de mirar a LUA e estudes !

      • Não publicaram minha resposta… mas vc já deve saber o que penso de seres mentalmente inertes como vc… salut !!!… 🙂

    • jose luiz esposito says:

      São mais livres que você e eu , e todos os brasileiros , os russos são os mais educados da Europa , os que mais frequentam Teatros , leem livros etc, coisa que pelo o que demonstras , não faz parte de tua vida !

      • De cada 10 russos, 9 são viciados em álcool ou heroína/anfetaminas… realmente, são um povo livre pra caramba… sabe nada, inocente útil… assim lá, como cá… essa Rússia romântica qzariana não existe mais, caro Orlof… 🙂

      • jose luiz esposito says:

        Este b+ e bééé não conhece o país que nasceu e fala bobeira dos outros , o que ouviste falar da Rússia sobre isto , e uma Mentira plantada sabemos todos por quem , procures ter conhecimento , embora de origem italiana a irmã de criação de meu pai era Russa , faleceu a mais menos dois anos e conheço seu Povo e sua Cultura e para que te informes e não seja o boboquito colonizado , o Capitalismo russo é mais Avançado que o nosso . a Rússia Domina e Lidera quase todas as tecnologias , mas todo o Colonizado que aparece por aqui tentando comentar , age como aquele torcedor de futebol , não conhece nada , mas quer impor a sua opinião e vontade e , ao invés de aproveitar oportunidades de conhecimento , não , tenta agredir para impor a sua irracionalidade e desconhecimento completo e de tão Colonizado, quer parecer mais americano que um americano , acredita e impõe sua crença em Papai Noel , Salve o Colonizado , devemos propor até o seu dia , no dia do aniversário deste tal Bééé ! .

  2. Wilson Marcos Santos says:

    Ora, a Kalashnikov já está no Brasil, oficialmente, há vários anos. Afinal, é a arma preferida dos traficantes. Em especial pelo seu mortífero calibre e facilidade de funcionamento.

  3. Jakson de Almeida says:

    Os russos vão tirar os “representantes” e venderem diretamente para os traficantes.

  4. jose luiz esposito says:

    É comprada por vias Indiretas , OK , não sejamos Otários ( gíria argentina , muito usada no Brasil , continuam a chegar no Brasil , via Miami , ok !

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

shared on wplocker.com