Defesa & Geopolítica

Mercado de usados: Marinha francesa anuncia a baixa de sua 3ª fragata antissubmarina classe Georges Leygues

Posted by

Por Roberto Lopes

 

 

A Marinha francesa anunciou, na semana passada, o descomissionamento da terceira de suas seis fragatas classe George Leygues.

O navio cabeça-de-série, que dá nome à classe, foi desincorporado a 21 de março de 2015, e a Dupleix (D641), em julho do ano passado.

De acordo com as informações agora liberadas, o navio Montcalm (D642) – mais antigo do agrupamento de cinco embarcações restante – deu início à sua última comissão operativa, no Mediterrâneo Oriental, e quando regressar dessa jornada será preparado para a baixa, prevista para acontecer no início do segundo semestre.

A “Montcalm” no Mediterrâneo

Ainda não há indícios acerca de uma possível oferta do navio a uma marinha estrangeira, ou da possibilidade de o barco vir a permanecer com os franceses, de forma a ceder componentes (peças de reposição) às outras quatro Georges Leygues que vão sobrar.

A Montcalm  é uma fragata antissubmarino tipo T70, de 4.830 toneladas

(a plena carga), que entrou em operação há 34 anos e sete meses. Sua base fica no complexo naval militar francês de Toulon.

Brasil – Na década de 2000 e até uns sete anos atrás ela chamava a atenção dos oficiais do setor de material da Marinha do Brasil que têm a obrigação de monitorar o estado operacional de navios usados passíveis de agregar valor à Esquadra brasileira.

Na comparação com as fragatas classe Niterói – espinha dorsal da frota do Brasil nos últimos 40 anos – a classe George Leygues apresenta diferenças importantes. A primeira: é um navio ligeiramente maior e mais pesado que as fragatas Vosper Mk.10 adquiridas pelos brasileiros na Inglaterra no início dos anos de 1970.

E, atualmente, uma Georges Leygues é muito mais bem equipada que a Niterói em mísseis (dois sistemas antiaéreos e um anti-navio), sensores e sistemas eletrônicos de navegação e de combate. Além disso, o navio francês é capaz de transportar dois helicópteros tipo Lynx – e não apenas um, como as unidades da classe Niterói. Veja as imagens abaixo:

A grande desvantagem da Montcalm é que seu design não privilegia as técnicas stealth, de comportamento furtivo.

One Comment

  1. A MB tem que parar de comprar lixo caro.
    Navios Coreanos é a grande opção da MB.
    Baratos e de construção rapida.

shared on wplocker.com