Defesa & Geopolítica

Irã inicia produção em massa de um “novo” míssil ar-ar

Posted by

Tradução e adaptação-E.M.Pinto

O ministro da Defesa do Irã, o Brigadeiro-General Amir Hatami, que esteve presente na cerimônia disse à emissora de tTV estatal Iraniana IRNN, que o “novo” míssil foi desenvolvido com base nas necessidades operacionais e em cooperação com a Força Aérea do Exército da República Islâmica. Ele acrescentou que o míssil melhorará as capacidades de combate da força aérea do exército iraniano.

Denominado “Fakour-90”, o “novo míssil é classificado como uma arma ar-ar de médio alcance (BVR), projetado e fabricado com base nas mais recentes tecnologias do mundo, disse o ministro. O míssil foi revelado e testado com sucesso em 2017, acrescentou.


Vídeo- Sugestão- Praefectus

O Fakour-90, que é baseado no AIM-54 Phoenix o qual é usado no F-14 Tomcat para interceptar e destruir alvos ar-ar.

O míssil foi criado pelo Exército Iraniano, pelo Ministério da Defesa e pela divisão de Logística das Forças Armadas e pela Força Aérea.

Os meios de comunicação iranianos relatam que a República Islâmica fez grandes conquistas neste setor de defesa e alcançou a autossuficiência na produção de equipamentos e sistemas militares essenciais nos últimos anos.

No passado o Irã encomendou um total de 714 mísseis AIM-54A para uso nos seus 80 F-14 encomendados. No entanto apenas 284 mísseis operacionais e cerca de dez inertes para missões de treino foram entregues, os restantes foram embargados devido a  eclosão da revolução Islâmica. Ao abandonaram o país, os técnicos americanos ainda haviam conseguido sabotar 16 mísseis. Especulava-se que em 1996 já não havia mais nenhum AIM-54A operacional.

O AIm-54 foi alegadamente empregue pela Força Aérea Irania no conflito Iran Iraque, a mesma atesta que a arma teria logrado cerca de 25 vitórias. Algumas fontes atestam que os resultados teriam sido ligeiramente inferiores.

Teerã estabeleceu um programa de desenvolvimento de armas durante a guerra Irã-Iraque na década de 1980, para combater o embargo de armas imposto a ele pelos EUA e seus aliados ocidentais. Desde 1992, o Irã fabrica seus próprios carros de combete, veículos blindados, mísseis, radares, barcos, submarinos e aviões de combate. O Irã também revelou seu primeiro veículo aéreo não tripulado (UAV) de longo alcance em 2010.

 

Fonte: Defence Az

32 Comments

  1. Duvido que tenha o desempenho descrito pelos Iranianos, mas uma longa jornada começa por um primeiro passo. Não tenho duvidas que os Iranianos estão tendo um grande aprendizado na área de semicondutores e materiais mais complexos, ainda há um grande caminho pela frente mas já estão bem a frente se comparados a Arabia Saudita que gosta de uma boa compra de prateleira. O míssil copiado é lá do inicio dos anos 70 em termos de projeto, já é bem velhinho, e portanto perfeitamente copiável, mas o maior ganho com certeza é a experiencia obtida.
    A produção de uma arma dessas permite ao Pais adequar melhor seu sistema de ensino, já que é na linha de produção que ira se verificar a competência de engenheiros e técnicos.
    * não duvido de uma ajuda Russa e até Chinesa.
    * assim como a Africa do Sul o Irã isolado vai emergindo tecnologicamente.

    Sds

  2. Parabéns ao Irã, e pensar que na era PT o Irã ofereceu cooperação em diversas áreas da defesa, incluindo a de mísseis ao Brasil.
    Agora estamos comprando sucatas remanufaturadas enquanto o mundo caminha para uma grave crise hídrica.
    E imaginem quem domina mais de 70% dos recursos hídricos de fácil captação e tratamento?
    Nos que não colocamos as barbas de molho!

    • HMS TIRELESS says:

      De fato a Diplomacia dos atabaques da era do ParTido,que fez de tudo e conseguiu que o Brasil se tornasse um anão diplomático como até o funcionário da chancelaria israelense observou, sob o comando do notório megalonanico quis se aproximar do regime fascista iraniano, inclusive no intuito de livrar a cara do mesmo com aquele acordo nuclear fajuto.

      Contudo o Brasil é signatário do MCTR e não poderia obter a tecnologia dos traques de Teerã.

      • Referente ao acordo costurado pelo Brasil e pela Turquia e para contextualizar sua crítica, ele serviu de base para o acordo entre EUA e Europa com o Irã, demonstrando o desejo iraniano de negociar.

        O presidente Israelense se apresou em se desculpar pelo vergonhoso ato de seu porta-voz de chancelaria que perdeu o emprego logo depois.

        Dá quase saudades do tempo que tínhamos alguma relevância, mesmo que anã…

    • A Máquina Troll says:

      Após a invasão do Iraque os estadunidenses e aliados impuseram ao pais invadido as 100 Resoluções de Remer…que inclui os seguintes artigos:

      – Artigo 17, que garante aos empreiteiros estrangeiros, incluindo empresas de segurança privadas, imunidade legal;
      – Artigo 39, que permite a remessa de mercadorias isentas de impostos sobre lucros;
      – Artigos 57 e 77, que asseguram a execução das ordens dos EUA, colocando um inspector-geral e auditores nomeados pelos E.U. em cada ministério público, com duração de cinco anos, e autoridade sobre contratos, programas, funcionários e regulamentos; (1)
      – Artigo 81: Nos termos desta resolução, os agricultores comerciais do Iraque devem agora comprar “sementes registradas”.

      estas sementes são normalmente importadas pela Monsanto, Cargill e pela World Wide Companhia Trigo…infelizmente essas sementes conhecidas como “terminator”…são estéreis….isso significa que não podem ser replantadas e exigem uma total dependência por sementes externas….atrás das novas sementes veem novos produtos químicos: pesticidas, herbicidas, fungicidas, que são vendidos aos iraquianos por companhias como a Monsanto…

      operações de ajuda alimentar a África são usadas com frequência pelos eua como um meio de marketing na conquista de novos mercados de escoamento…os lucros do atual sistema de ajuda alimentar vão na sua maioria para as grandes companhias agro-alimentares…

      outro exemplo clássico da dependência de um país dessas companhias monopolistas é a Argentina…segundo o acordo com a companhia Monsanto monopolista das patentes de soja transgênica os fazendeiros argentinos perderam a possibilidade de deixar sementes do ano anterior para novas sementeiras…agora eles têm de comprar todos os anos novas sementes transgênicas e pagar os direitos de patente à companhia…a Monsanto impôs à Argentina o pagamento desses direitos sob ameaça de introdução de direitos aduaneiros sobre as exportações argentinas…

      Estas são as parcerias CARACÚ que esta gente faz com suas republiquetas de bananas “aliadas e amigas”…rs….

  3. A Máquina Troll says:

    Enquanto em nações como a arábia saudita seus xeques torram toda a riqueza do pais gerada pelo petróleo em Ferraris banhadas a ouro ou em boings 747 para dar de presente a suas filhas nos aniversários de 15 anos delas…o Irã investe no futuro…investe no desenvolvimento e na capacitação de sua nação…enquanto em nações como a arábia saudita seu rei déspota torra toda a riqueza do pais gerada pelo petróleo em armamentos de prateleira dos eua…em clientelismo, submissão, vassalagem, subserviência e entreguismo a estrangeiros…o Irã investe em ciência, tecnologia, industrialização e Know-how…investe na nacionalização de seus meios..e assim de forma gradual e gradativa vão conquistando sua independência e progresso…não é a toa que querem de todo o jeito sabotar, combalir, arruinar e destruir esta nação hoje…

    pois em nações livres, independentes e soberanas não se consegue por correia e explorar…não se consegue colonizar…no caso do Irã não é só por uma questão de ambição mas acima de tudo por uma questão de necessidade…pois o pais guarda uma das maiores jazidas de petróleo do mundo..e por conta disto é alvo continuo e persistente de rondas, sondagens, espreitas e incursões de todo tipo tanto de países vizinhos como de potencias corsárias de lugares distantes…incursões estas que vão desde ações militares a guerra econômica feita/promovida por sanções ou bloqueios econômicos…as fortunas que os xeiques e os príncipes da arábia saudita ostentam com carros de luxo banhados em ouro e com palácios de centenas de quartos algum dia vai acabar…pois petróleo não cresce em arvore…é uma fonte de energia assim como uma fonte de renda não renovável…as jazidas de petróleo do pais deles algum dia secarão…e o futuro deles será voltarem a catar conchas pra viver…como faziam antes…

    existe uma grande diferença entre investir e gastar…é um fato observável…quem acompanha este blog se prestar atenção percebera como a maior parte das noticias a respeito do Irã é sobre investimentos em tecnologia, industrialização, capacitação e produção local tanto no campo civil como militar…enquanto que a maior partes das noticias sobre a arábia saudita é só sobre gastanças de prateleira…a arábia saudita é um dos países que mais gastam com defesa no mundo(56,9 bilhões de dólares)…é a quarta no ranking das nações que mais gastam com defesa…mas a maior parte de toda a fortuna torrada é apenas com compras de prateleira…diferente do Irã que se esforça mais em investir em tecnologia nacional e produção local …não investem na auto-suficiência e na tecnologia nacional como o Irã…

    a maior parte da fortuna ganha com a venda de petróleo é gasta nos eua com compras de prateleira…o que significa no fim das contas que a maior parte do dinheiro gasto pelos eua no petróleo deles volta para os cofres estadunidenses…o pais não se compromete para desenvolver e produzir tecnologia nacional como o Irão se esforça…seus investimentos nisso são pífios e sem expressão se comparados com países como o Irão, Turquia ou Paquistão…faz poucas décadas que os Iranianos se libertaram da colonização estadunidense, que se deu através do regime Mohammad Reza Pahlavi….e o pais neste tempo foi mantido no atraso/subdesenvolvimento e no clientelismo/submissão/subserviência aos eua..desta forma o pais tem um longo caminho para se recuperar…tem um longo trabalho para recuperar o tempo perdido…o que explica naturalmente seu progresso a paços engatinhados…

    • escrevendo muito e mantendo o velho erro da quantidade e a falta de qualidade no conteúdo textual , vc ignorou totalmente que os reinos sunitas possuem participação acionária em quase toda indústria de defesa mundial , pra que fazer em casa se podem terceirizar suas guerras ? quanta besteira.

  4. Meus caros,

    vai aqui imagens do referido míssil iraniano.

    https://www.youtube.com/watch?v=TGvTK2Q8Ch0

    Grato.

  5. Pois é, sob violento embargo e sofrendo todo tipo de sabotagens desde 1979, passando por 8 anos de uma guerra brutal que gerou um atraso de décadas ao país e no entanto deu no que deu.
    O Irã é hoje de fato a segunda maior potência do Oriente Médio, depois de Israel (que tem EUA e OTAN por trás dando de 4 a 5 bilhões de dólares anuais em ajuda militar e tecnológica sem contar ajuda ecônomica e política adicional, porque sem isso perde até para a Síria/Hezbollah numa guerra hoje).
    O Irã tem hoje um dos mais avançados programas espaciais do mundo, segundo o próprio Pentágono.

    • HMS TIRELESS says:

      Como de costume você apela para a autoenganação! A verdade é que a economia iraniana está à beira do colapso, o país vive uma crise hídrica sem precedentes, o clero fascista e corrupto se locupleta às custas das receitas do petróleo e para piorar as forças do país na Síria estão sendo implacavelmente bombardeadas pelas IDFs.

      E diante de todo esse quadro negativo protestos populares contra a ditadura fascista dos aiatolás têm irrompido com frequência, comprovando que uma revolta popular que irá defenestrá-lo do poder é uma questão de tempo. E nem vou me dar ao trabalho de desmascarar suas mentiras sobre Israel pois são tão frouxas que caem por si só.

    • Lembrando que o Irã não invade terras dos outros para roubar suas terras, usando armas pesada como por exemplo armas químicas, exemplo fósforo branco…. um verdadeiro holocausto palestino a luz do dia sendo implementado a conta-gotas, uma nação inteira sendo riscado do mapa, nem o heich faria melhor.

      • HMS TIRELESS says:

        O regime iraniano faz pior pois surrupia o próprio povo e os oprime, ainda assim a hipocrisia dos falsos “humanistas” e “progressistas” apenas se volta contra o Estado de Israel. Mas como esperar coerência de quem quer um direito penal específico para uma certa divindade cumprindo pena privativa de liberdade na capital do Estado do Paraná?

    • Segunda maior potencia do Oriente médio confrade? acho que você esqueceu de combinar isto com Sauditas, Turcos,Emirados Árabes Unidos e egípcios. Enquanto os persas xiitas estão voando caças dos anos 70 (F14, F5,F4 e MiG29) Seus vizinhos Sunitas estão de F16 Bloc 50 e 60, Mirrage 200-9, F15, Rafales, Tornados,Typhons…

      Por mais que a engenharia reversa persa seja excelente, isto e muito pouco para quem tem inimigos tão raivosos os cercando.

      Porque acha que uma economia minuscula como Israel esta investido em um estuprador de recursos como o F35 ? por boniteza?

  6. A única diferença ventre Brasil e Arábia saudita é que lá além de aproveitarem ao máximo os recursos vindo do petróleo eles não entregaram sua riqueza petrolífera aos americanos.
    Aqui por sua vez continuamos vassalos, submissos e lambe botas, com montagem local de equipamentos estrangeiros e por empresas espelho das multidões estrangeiras, e para piorar o que é ruim o bastante entregamos de bandeja toda a nossa riqueza para controle e dominio estrangeiro
    E o povo não vê nada dos lucros, que são distribuídos entre faniares de inúmeros políticos nacionais.

    • A Máquina Troll says:

      O trabalhador do Brasil já provou que sabe produzir…já chegamos a ser a sexta economia do mundo…é vergonhoso ver bilhões em investimentos de dinheiro público sendo entregues para multinacionais estrangeiras…e o mais grave é que o estado brazileiro financia o dinheiro para a compra e da subsídios fiscais bilionários por décadas…

  7. A Máquina Troll says:

    O fato deste míssil ter sido baseado no AIM-54 Phoenix não significa que ele seja uma copia ultrapassada…o Tio Pai Mei quando copiou os Flankers fizeram diversas melhorias e atualizações/modernizações no processo de desenvolvimento de sua cópia…tornando-a superior e com um desempenho melhor que o do caça Russo do qual se basearam….

    • HMS TIRELESS says:

      Os Flankers chineses são tão superiores aos produzidos na Rússia que a taxa de acidentes do J-15, versão do Su-33 naval, tem uma taxa altíssima de acidentes e os próprios chineses estão insatisfeitos com o seu desempenho.

      • A Máquina Troll says:

        Se continuar assim supera e bate o record do f-16.. 🙂

      • A Máquina Troll says:

        Aquele f-16 deve ser fabricado na China…a porcaria vive soltando pecinha e caindo…rs…

      • 2 incidentes com o sistema FBW é um com colisão de pássaros. Os dois casos com o sistema de voo ocorreram em 2016 e pararam, o que significa que devem ter tomado medidas. Porém, perder dois pilotos experientes foi o que pesou mais

  8. O que se pode verificar, o iranianos estão aos poucos se aproximando a fronteira de Israel pelas colinas de Golã, por mais que os israelitas fazem para evitar o inevitável; embora que os russos já disseram que não permitiriam que Israel seja transformado em uma terra arrasada como é hoje a Palestina …. só tem um probleminha … a conta da tal promessa dos russo para Israel … é igualmente salgada como é o mar morto, não se sabe se o Jacó esteja disposto a pagar para vê essa promessa acontecer.
    .
    Na Síria os Russos, iranianos e hezbolah estão mostrando que estão disposto… mostrando a que vieram …. e estão varrendo para o canto do fio da calçada …. os paus mandados do tio Sam lá no Oriente Médio ….basta vê o caso no Iemên Vs Arábia Saudita … quem diria que isso poderia acontecer… até parece a guerra do Vietnã na versão Oriente Médio .

    • A Máquina Troll says:

      Enquanto houver petróleo no oriente médio…o povo muçulmano não vivera em paz e será alvo de incursões e maquinações obscuras de potencias corsárias estrangeiras…como a primavera árabe…a Síria hoje é alvo de uma campanha de genocídio, extermínio e destruição completa encabeçada pelos eua…as atrocidades e desgraças perpetradas por esta gente ao longo da historia contra povos e nações pelo o mundo os colocam no rol dos regimes mais desgraçados e atrozes da historia da humanidade…..

      A cultura ocidental não apedreja por questões religiosas…Mas bombardeia, tortura ou mata por poder e questões econômicas…Neste caso as pessoas acham normal e algumas até aplaudem…rs…

    • HMS TIRELESS says:

      O que estamos vendo na Síria é os fascistas iranianos sendo caçados e mortos pelas IDFs, cada vez mais e até mesmo na fronteira com o Iraque. Não adianta forçar a barra sujeito que a teocracia fascista não irá derrotar Israel e se encherem o saco demais Teerã vira um aterro radioativo

  9. A Máquina Troll says:

    “HMS TIRELESS
    23 de julho de 2018 at 22:37

    Como de costume você apela para a autoenganação! A verdade é que a economia iraniana está à beira do colapso, o país vive uma crise hídrica sem precedentes, o clero fascista e corrupto se locupleta às custas das receitas do petróleo e para piorar as forças do país na Síria estão sendo implacavelmente bombardeadas pelas IDFs.

    E diante de todo esse quadro negativo protestos populares contra a ditadura fascista dos aiatolás têm irrompido com frequência, comprovando que uma revolta popular que irá defenestrá-lo do poder é uma questão de tempo. E nem vou me dar ao trabalho de desmascarar suas mentiras sobre Israel pois são tão frouxas que caem por si só.”

    O voto é facultativo no Irã…Qualquer cidadão com mais de 18 anos pode votar se quiser…Isso é ainda um tabu para as nossas mesas de votação regidas por políticos que se utilizam do velho voto de cabresto…Lá!!!…Não há voto para colégios eleitorais que elegem delegados que votam por nós como há nos Estados Unidos…o Irã é uma nação mais democrática que os eua hoje….

    “enviado da ONU denuncia “neocolonialismo” dos EUA na África”
    “Alta comissária da ONU Navi Pillay denuncia EUA por armar Israel”
    “Comitê da ONU denuncia morte de crianças afegãs pelos EUA”
    “ONU critica EUA por violar direitos humanos em Guantánamo”
    “ONU denuncia crime de guerra dos EUA no Iraque”

    Inúmeras guerras têm sido travadas pelos eua diretamente ou por mãos alheias a serviço deles…as forças especiais dos eua operam de forma sigilosa e aberta em mais de 130 países semeando perturbações…os eua são os maiores fomentadores, financiadores e promotores do terrorismo pelo mundo…são eles que estão por trás das principais ações terroristas da atualidade…e da derrubada de governos pelo o mundo…que não sigam ou se alinhem aos seus interesses…na Síria mais de 19000 crianças foram exterminadas pela democracia tipo exportação levada pelos guardiões da liberdade…

    SOBRE A SÍRIA E A MANIPULAÇÃO DA IMPRENSA :

    https://www.youtube.com/watch?v=2Yk-JrlUEJY

    Entre 1890 e 2012 os eua invadiram ou bombardearam 149 países…O número de paises nos quais os eua intervieram militarmente é maior do que aqueles em que ainda não o fizeram…Números conservadores apontam para mais de oito milhões de mortes causadas pelo país só no século XX…Por trás desta lista escondem-se centenas de outras operações secretas, golpes de Estado e patrocínio de ditadores e grupos terroristas como o Daesh e o Boko Haram…São imperialistas e expansionista como os ingleses, espanhóis e romanos foram…A PAX ROMANA foi adotada por eles…falsa democracia onde quem realmente manda e da as cartas são as grandes corporações que exploram o mundo inteiro e espalham/levam a miséria e a fome pelo Planeta…Estudem a história da Guatemala e verão como os eua e os outros países ocidentais do “primeiro mundo” fizeram sua riqueza…as atrocidades e desgraças perpetradas por esta gente ao longo da historia contra povos e nações mundo afora os colocam no rol dos regimes mais sanguinários e atrozes da historia da humanidade…

  10. Pra fazer mockup os iranianos são EXCELENTES… 🙂

  11. A Máquina Troll says:

    Se demonstras força, todos
    querem ser teus aliados.

    Ao contrário, se mostras fraqueza,
    ninguém te dará importância.

    E, se tendo riquezas, não demonstras
    força, atrairás sobre tua cabeça
    todas as ambições do mundo.

    (Ciro, Rei da Pérsia)

    Soldado dos EUA humilha grupo de crianças no Afeganistão :

    https://www.youtube.com/watch?v=-SvhVF0aXdk

    SOLDADOS NORTE-AMERICANOS HUMILHAM CRIANÇAS NO IRAQUE :

    https://www.youtube.com/watch?v=zD1v28yYB1M

  12. A engenharia reversa do Irã parece ser muito boa, tanto que conseguem manter os F14 voando ate hoje sem suporte externo. Devem ter nacionalizado muitos itens.
    Porem ainda e muito pouco para quem tem inimigos tão poderosos e com forças aéreas monumentais como Arabia Saudita e Israel.
    Deveriam por em pratica seus conhecimentos para desenvolver um caça baseado no que eles operam, como Israel fez com o Kfir que foi baseado nos Mirrages quando sofreram embargos , ou então aprofundar parcerias com chinos ou russos.

    • Capa Preta,

      Quanto a engenharia reversa…

      Desmontar algo como uma aeronave de caça moderna, seguindo o exemplo que citou, é algo que pode agregar muito… ou simplesmente nada… Afinal de contas, após desmontar, deve-se entender o que se desmontou em detalhes. E daí que se leva tempo para isso… e muitas vezes é perda de tempo, haja visto nem sempre haverem pessoas habilitadas a entenderem os pormenores que estão desmontando…

      E de uma forma ou de outra, para qualquer desenvolvimento desse nível, se precisa ter alguma expertise, coisa que os iranianos aparentemente estão longe de ter no que tange a aeronaves… O máximo que conseguiram até aqui, foi fazer um ‘retrofit’ do F-5…

      Vale a máxima, portanto: só se aprende fazendo…

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

shared on wplocker.com