Defesa & Geopolítica

Especialista afirma: fabricantes do caça sino-paquistanês JF-17 ‘Thunder’ mantém a Força Aérea da Argentina no radar

Posted by

JF-17 Block I da Força Aérea Paquistanesa

Por Roberto Lopes

 

 

As empresas Chengdu Aerospace Corporation (CAC), da China, e Pakistan Aeronautical Complex (PAC), de Kamra, no Paquistão, não desistiram da ideia de tentar interessar a Força Aérea Argentina (FAA) no seu caça multifunção JF-17 Thunder, recentemente vendido à Aviação Militar de Mianmar (16 unidades) e à Nigéria (3 unidades).

Nesse momento os executivos da parceria CAC/PAC fazem um esforço para colocar o avião na Força Aérea do Azerbaijão – como substituto dos jatos russos Mig-21, de interceptação, e Sukhoi Su-25 (código Otan Frogfoot), de apoio aéreo aproximado –, mas, segundo o analista paquistanês de Defesa e Segurança, Bilal Khan, eles também entendem que a Argentina “seria uma porta de entrada para o mercado latino-americano, que está em processo de modernização da Defesa e de esforços de aquisição em toda a região”.

Khan (foto) é analista-chefe do Grupo de Análises & Notícias de Defesa Quwa (“Força”), uma organização privada dedicada à discussão de temas militares da Ásia Meridional, Oriente Médio e África, mantenedora do blog Quwa.org.

Nesta quarta-feira (16.08), o especialista lembrou uma informação recente do conceituado portal de notícias americano Flightglobal, acerca de mais um fracasso na última tentativa da companhia israelense IAI de vender à FAA um lote de 14 a 16 caças Kfir modernizados.

O assunto teria sido retomado em março passado, mas, segundo Khan, “preocupações regulatórias” – com o fato de o Kfir usar um motor americano General Electric J79 – e questões financeiras – relativas ao elevado preço unitário do jato israelense (acima dos 35 milhões de dólares, segundo pôde apurar a coluna INSIDER) – bloquearam essa nova rodada de discussões.

Em abril, a Argentina confirmou, junto ao governo Donald Trump, um pedido para quatro turboélices de instrução Beechcraft T-6C Texan II, cotados a 88,2 milhões de dólares. Essas aeronaves devem chegar, no mês de outubro, diretamente na Escola de Aviação Militar, que funciona na cidade de Córdoba.

Quando estiverem prontas para servir ao treinamento dos futuros oficiais da FAA, o comando da corporação deslocará quatro aeronaves EMB-312 Tucano, atualmente lotadas na Escola (imagens a seguir), para o patrulhamento da fronteira norte da Argentina.

Cristina Kirchner – Nos últimos meses, o setor de Material da FAA – com a colaboração da Fábrica Argentina de Aviões, da cidade de Córdoba – devolveu cinco velhos caças Lockheed Martin A-4ARs Fightinghawk (foto) às operações aéreas e aos exercícios militares, mas esses antiquados aparelhos operam com inúmeras limitações (que geram até certas incertezas acerca da segurança do voo para os pilotos).

Em seu artigo, Bilal Khan diz que a busca de uma nova plataforma de capaz de substituir os Lockheed Martin A-4ARs “tem sido um desafio perene”, e faz referência à investigação feita pelos militares argentinos de “possíveis sucessores [do Fightinghawk], incluindo opções não-tradicionais da Rússia e da China”.

A Argentina contatou a Corporação da Indústria de Aviação da China (AVIC) e o Complexo Aeronáutico do Paquistão (PAC) sobre o projeto JF-17 (na China denominado FC-1 Xiaolong) ainda em 2013. Essa aproximação ganhou intensidade no fim de 2014, quando os governos de Buenos Aires e de Pequim organizaram a viagem da então presidenta Cristina Fernández de Kirchner à China (imagem abaixo).

Um grupo de trabalho binacional chegou a ser formado, com a incumbência de examinar a possível compra dos jatos sino-paquistaneses. Mas os sul-americanos se afastaram do JF-17 alegando que a incorporação de aviônica ocidental no aparelho elevaria muito os seus custos de aquisição.

Desde essa época os argentinos passaram a explorar a possibilidade de importar o chamado Kfir Block 60, que estaria disponível com o radar AESA Elta EL/M-2052.

Turquia – Mas o articulista adverte para o fato de que, desde que Cristina Kirchner voltou de Pequim, em fevereiro de 2015, “o programa JF-17 teve progressos substantivos”.

Ele menciona que mais de 70 jatos desse modelo já equipam cinco unidades de combate da Força Aérea Paquistanesa, e que, pelo segundo semestre consecutivo, o Complexo de Kamra vem trabalhando na produção do JF-17 Block II, uma variante customizada que permite a compatibilização de subsistemas eletrônicos chineses, ocidentais e de outras procedências (russos e paquistaneses). Além disso, o Thunder biposto também já voou.

JF-17 Block II em um hangar do Complexo Aeronáutico do Paquistão, em Kamra

Bilal Khan também assegura que a Chengdu e o PAC “também estão progredindo com o JF-17 Block III, que será a primeira grande atualização da plataforma Thunder”.

Ele incluirá um radar AESA possivelmente chinês, e estará pronto para receber equipamentos de tecnologia mais próxima da empregada pelos aviônicos embarcados em caças da Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte), como o ASELPOD, um sistema eletro-óptico de reconhecimento, vigilância e aquisição de alvos fabricado pela reputada indústria turca ASELSAN.

De acordo com Bilal Khan, outra companhia que poderá fornecer aviônicos para o caça sino-paquistanês é a espanhola Indra, bem conhecida na América Latina.

“Um radar não-chinês será um desafio”, admite Bilal Khan. Segundo ele, “a questão com um radar de terceiros (por exemplo, Leonardo Vixen 1000E) é a obtenção [para o JF-17] de mísseis ar-ar de médio alcance (MRAAM) e mísseis anti-navio (AShM) de fontes não-chinesas. O [consórcio] MBDA exigiria a aprovação britânica (um obstáculo para a Argentina), enquanto alternativas plausíveis – como MRAAM [Medium-Range Air-To-Air Missile] Bozdogan da Turquia e o AShM Atmaca [também turco] – estão em fase de desenvolvimento”.

Radar do modelo Block I

Fontes ocidentais estimam que um JF-17 Block II tenha valor unitário no patamar dos 50/60 milhões de dólares, mas, em seu texto, Khan diz que a questão de uma equação financeira para a compra do JF-17 não é óbice intransponível, e cita como exemplo a venda de aeronaves para a Força Aérea da Nigéria, viabilizada, segundo ele, com taxas financeiras baixas.

 

38 Comments

  1. Esse aparelho tinha alguma chance quando a Chefa de “famiglia” mafiosa estava no poder. Ocorre que agora o presidente é Macri, alinhado com os EUA.

    • alinhado não ´capacho no passinho do despacito

      macri ,maquiagem .

      • O mesmo Macri que deu uma surra na beiçola domingo passado, nas urnas..?

        • analfabeto politico ,o que aconteceu foi uma divisão de eleitorado com o macri na frente em algumas regiões que antes a Cristina se identificava por divisão de peronistas e o partido da Cristina

          mas isso prova que apenas o partido da Cristina já rivalizou como macri maquiagem então se o peronistas voltarem a se aliar a Cristina ela pode se dar muito melhor

          começa a ler mais do que ficar ai escrevendo com vários nick names

          de agora em diante so te respondo para o ss88 para deixar de ser otario os outros Nicks que você manda deixarei no vácuo que você merece

          • Você tem certeza que houve “divisão” no eleitorado Pé de Alface? Não foi isso que aconteceu:

            https://brasil.elpais.com/brasil/2017/08/13/internacional/1502630221_677668.html

            Mas esse dois trechos da reportagem são absolutamente reveladores:

            “Apesar da madrugada angustiante que reduziu a euforia, Mauricio Macri tinha muito mais a comemorar. A contagem oficial dá uma vitória muito mais ampla do que a situação esperava em quase todo o país nas PASO, as eleições primárias que definirão as listas que em 22 de outubro lutarão por um lugar no Congresso. Mas precisava da vitória final sobre Cristina Kirchner. Bullrich saiu em vantagem desde o começo da apuração na poderosa província de Buenos Aires, mas pouco a pouco a distância foi diminuindo até chegar a um empate com 94% da apuração feita.”

            – Como se vê, Macri dominou o pleito impondo uma maiúscula vitória quando está perto de completar dois anos de mandato. O máximo que a beiçola conseguiu foi um empate na província de Buenos Aires.

            “Se for verificado o resultado em todas as províncias, Macri demonstra um enorme domínio da política argentina que envia uma mensagem dentro e especialmente fora, para os investidores internacionais: o presidente controla o país e tudo indica que continuará assim por muito tempo. “Agora se vê que isso não foi um veranico de uma eleição, a mudança não voltará atrás. Eu sei que esses 19 meses foram difíceis. Se tivesse alternativa a muitas decisões, especialmente o aumento das tarifas, eu o teria feito. Agradeço que apesar das dificuldades, os argentinos acreditaram que esse é o caminho correto” disse Macri em uma entrevista coletiva após a vitória.”

            – Como se vê, resta claro que apesar das dificuldades o povo argentino reconhece o esforço de Macri para recuperar o país, devastado por 13 anos de assalto Kirchnerista.

            E agora Pé de Alface, quem precisa ler mais mesmo?

          • você tenta mas não consegue
            no texto que citou esta mostrando uma divisão de eleitorado ok

            sendo que o partido de Cristina e os peronistas que apoiavam a Cristina estão em outros partidos

            significa que a Cristina mesmo sendo apenas o seu partido rivalizou com o macri

            sendo que se eles se unirem novamente crisitina e peronistas acho que sim pode ter uma surpresa

            então mandei você ler ok ,você tentou rsrs

            mas de interpretação de texto esta precisando de aulas

            se os dois grupos que foram que comandaram a argentina com Cristina se unirem novamente adeus macri maquiagem

          • Pé de Alface, o seu déficit intelectivo é muito pior que eu imaginava! A beiçola teve de sair do partido pois estava impedindo outras pessoas de se candidatar, e migrou para um partido nanico. O único lugar onde ela conseguiu empatar foi na provincia de Buenos Aires. Nas outras províncias Macri levou de lavada e mesmo somando os votos dos peronistas com os da Beiçola ainda assim Macri está na frente.

            Entendeu ou preciso desenhar meu caro filhote da “pátria educadora”?

      • O mesmo Macri que aplicou uma surra na beiçola domingo passado, nas urnas..?

  2. Seria uma boa aquisição para a FAA … será que o fabricante acetaria trigo,vinho,carne ou outro tipo de commoditie coo pagamento ? …. HAHAHAHAH … estou rindo para não chorar … e imaginar que nós lá fora em vez de motivo de piada já formos no passado bem recente … motivo de admiração por sermos uma 5° potência econômica .. rsrsrsr

    • Conforme-se, o “Brasil -PuTênfia” afundou junto com a OrCrim de São Bernardo

      • afundou no governo do seu psdb , que fica agora pedindo desculpa mas não desfilia o aebrio never

        o brasil voltando um governo forte antenado geopoliticamente vota a ser grande em menos tempo do que você tem para trocar de nick names

        sobre o jato , eu me pergunto sera que o macri maquiagem tem moral para isso

        mas vejam os governos subservientes americanos latinos não jamais nunca investem militarmente

        então a resposta seria não

        ainda bem que o governo dilma terminou o fx2 senão esses entreguistas estariam fingindo querer comprar alguma coisa igual o macri maquiagem esta fazendo na argentina

        • Macri está recuperando a Argentina de 13 anos de roubos e assaltos perpetrados pela família mafiosa Kirchner meu caro pé de alface! Tanto que nas últimas eleições aplicou uma surra na beiçola..?

          • analfa a inflação la ta coisa de louco

            se isso for recuperar então o temer aqui para você é o melhor de todos rsrs

          • A inflaçã está alta devido ao fato das tarifas públicas terem permanecido artificialmente congeladas durante o assalto dos Kirchners, e estão sendo elevadas agora para que o Estado não seja forçado a imprimir moeda para bancar as mesmas, o que produz AINDA mais inflação. Coisas que você como filho da “Pátria-Educadora” não entende.

            Quem é o analfa mesmo?..rs!

          • esse papo furado da inflação que você citou da inflação so acredita quem vive ouvindo as sandices da miriam leitão

            agora vejo seu problema além de interpretação de texto a emissora que você é um lixo informativo rsrsrs

  3. Sem chance nehuma
    Depois das eleçoes no domingo, a Argentina ja nao voltara ao Bolivarianismo – Forosaopaulista pro Chines y Ruso.

  4. O JF-17 Block II, se for possível compra lo, com um bom estoque de armamentos, seria uma boa opção para quase inoperante FAA. Se vier uma pechincha do deserto, aviões com células surradas e desdentadas, e se hipoteticamente houver nescessidade real deste aparelhos para defesa, então de nada valerá . Se for para a doutrina apenas, que fiquem só com os Beechcraft T-6C+ Texan II (cujos pagamentos não estão sendo honrados). A América do Sul, via de regra com alguns lampejos de exceções, vive de Costa para si mesma. Alguns países são mais pragmáticos quanto a defesa, aqui os erros são cíclicos. E é quando mais se precisa que a conta chega. Nações subserviêntes não podem ter projetos próprios, más somente aderir à projetos alheios.

  5. O Thunder seria interessante até para a FAB.

  6. JF-17 e um bom caça ..otima opção pelo seu custo

  7. Prezados,

    O futuro da FAA é ‘Pampa III’, e olhe lá…

    Com muita e muita sorte, vai ver pinta um Kfir block 60…

    Se baterem um papo reto com os americanos, talvez consigam uns F-16 de Davis Montain revisados…

    Enfim…

  8. Não sei se existe uma versão embarcada desse avião,mas seria mais interessante a MB adquirir esse modelo,para ser montado localmente pela Avibrás e conglomerado de empresas aéreas nacionais (100%, esqueçam Embraer e AEL, dentre outras ), com transferência de tecnologia.
    Após esse passo, partiríamos para um caça nacional baseado nos conhecimentos adquiridos com o Gripe Sueco ( Gripen) e o JF-17+ AMX, nesse projeto seriam utilizados o máximo de tecnologias nacionais como ( TAPP-5000, Aviônicos, Armamentos, SPC-01-MK2, MARE etc..)
    Mas provavelmente os agentes nacionais da “Companhia Integradora Americana”, irão ladrar que não precisamos disso, que é inviável fabricar um caça nacional, que não tem como fazer nada 100% au, au, au kkk

    • o brasil estava pensando em contruir uma estatal nacional de caças com a ajuda dos russos

      por isso o golpe o brasil tem que ficar desarmado igual o povo

      veja a bancada da bala veja os nomes todos eles estavam la quando fizeram o estatuto do desarmamento

      hoje eles fingem querer melhorar o tempo para renovar o cr

      ok então veja igual o aecio trabalha para burocratizar e depois poder vender suas facilidades
      a bancada da bala esta no congresso a mais de 20 anos e os otarios ainda acham que eles vao fazer algo

      o que precisa é um plebicito para o fim do desarmamento e isso peblicito apenas o PT faz para o povo

      igual fez peblicito sobre a venda das armar pois o estatudo que foi feito um ano antes do lula entrar no poder pela primeira vez dizia que era para proibir a venda e o comercio total de armas

      mas esse povo analfabeto e desisnformado acredita e bancada da bala que jamais vai legalizar nada eles ganham fama e se elegem do jeito que esta

      igual aquele deputado anti pedofilia que pegaram ele em conversas com pessoas envolvidas com a prostituição

      ou aquele outro deputado que fala em deus e a família e foi acusado de estrupo etc e tal

      engana os trouxas que não vao se informar e ficam dependendo de rede esgoto sionista de televisão

  9. A America Latina daqui a 50 anos será a região mais atrasada do planeta. Nenhum desses países aqui tem seriedade para nada. E esse Macri ainda consegue ter admiradores entre leitores da Veja e do Pig.

    • não penso desse jeito
      primeiro ano que vem tem eleições
      segundo o pmdb grupo politico que esta no poder desde Tancredo, Sarney ,Collor ,fhc lula e dilma

      que compôs base de todos esses governos esta querendo ate mudar de nome para ver se sobrevive , ou fazer o distritao para colocar aquelas políticos ladroes no meio

      mas se fizerem uma campanha bem feita mostrando os partidos políticos e fazendo o povo votar em partidos políticos menos ladroes do direito do povo e menos entreguistas
      o brasil como LIDER da américa latina volta ao eixo todo o continente

      então tendo eleição já muda muito desse lixo de pmdb e psdb jogando o brasil na lata do lixo

    • E o que dizer dos leitores da quase falida Carta caPiTal e dos blogs sujos, que simpatizam com o comunismo e admiram tipos como Chávez, a beiçola do Prata e o Aiatolá do ABC?

      • cara você simpatiza com o presidente de israel rsrs

        você simpatiza com a Clinton

        e vem aqui se achar melhor que os outros rsrsrs

        • A corja de esquerda e populista que você venera Pé de Alface representa o que há de pior na política. São vigarista que se aproveitam do sofrimento do povo para se promover e usam em seu serviço sujo incautos como você…

          • esse papo furado de esquerda populista

            já que você eleitor do aecio never deveria saber que o psdb é esquerda

            então sem demagogia para começo de conversa

            segundo o partido que você tem ódio é o que tirou milhões da pobreza é o que fez os ricos ficarem mais ricos
            e o que o brasil foi a quinta economia do planeta

            vocês e seus partidos entreguistas que usam a seca , a fome e a miséria para poder ganhar com desvio de verbas

            o doria doril ,ele queria fazer o turismo da seca no nordeste

            esses são seus candidatos aecio play boi o temer sonso seu herói cunha

            esse é o seu problema vem um cisco no olho dos outros mas não ve a trave dentro do seu ……. rsrsrs

          • “segundo o partido que você tem ódio é o que tirou milhões da pobreza é o que fez os ricos ficarem mais ricos
            e o que o brasil foi a quinta economia do planeta”

            Não Pé de Alface! A OrCrim de São Bernardo apenas distribuiu migalhas para os pobres para enganar trouxas dizendo estar distribuindo renda. E de fato os ricos ficaram mais ricos afinal saquearam o Estado em conluio com a OrCrim. E foi 5ª Economia do mundo por apenas um ano. Quando a sua amada estocadora de vento foi defenestrada o “Brasil PuTênfia” ja tinha dançado há muito!

  10. Voltando o assunto ao caça Sino-paquistanês, esse negócio da Argentina querer colocar aviônica ocidental em um caça oriental, vai criar um grande Frankenstein e muita dor de cabeça porque o software oriental pode não conversar direito com o hardware ocidental e dar muitas falhas nos sistema.

  11. ………….compadre….receber F-16 reciclado do cemitério de “caco velho” Davis Monthan é humilhante até pra Argentina do Macri…. tbm não creio que o Reino Unido permita que os EU venda o F-16 mesmo guaribado pros hermanos visto ter um medo histriônico de um novo ataque argentino às Malvinas …… a Argentina necessita urgente de um caça que cubra o vácuo deixado pelo sistema Mirage e o que conseguiria até pouco tempo seria o,caça Kfir (sem muita garantia estrutural como foi comprovado na Colombia)…. .porquanto pros hermanos seria melhor o caça chinês ainda que não se tenha comprovações de suas capacidades exceto de ser um caça relativamente barato e próprio para países de orçamento restrito tal como a dos argentinos no momento…………..

  12. Em resumo Buenos Aires não tem dinheiro para comprar muito menos manter este tipo de aeronave.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

shared on wplocker.com