Defesa & Geopolítica

Erdogan anuncia tomada de enclave curdo na Síria

Posted by

Segundo o presidente, rebeldes apoiados pela Turquia tomaram a cidade de Afrin dos curdos. Mais de 150 mil habitantes deixaram a região, tentando escapar dos combates. Ofensiva turca já teria custado 1.500 vidas curdas.

Tanques do Exército da Turquia ocupam centro do reduto curdo de AfrinTanques do Exército da Turquia ocupam centro do reduto curdo de Afrin

O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, declarou neste domingo (18/03) que os rebeldes sírios apoiados por Ancara ocuparam o enclave de Afrin, num duro golpe para as forças curdas no noroeste da Síria.

“Unidades do Exército Livre Sírio (FSA), que têm o apoio das Forças Armadas turcas, tomaram o controle do centro da cidade de Afrin nesta manhã, Operações de busca para localizar minas e outros explosivos estão em andamento”, dizia o comunicado presidencial. Imagens de vídeo mostram tanques turcos e combatentes do FSA no centro da cidade, assim como soldados que içam a bandeira da Turquia.

Uma fonte oficial curda nega, entretanto, que a milícia curda Unidades de Proteção Popular (YPG) tenha abandonado Afrin. Segundo a fonte citada pela agência de notícias Associated Press (AP), as YPG teriam apenas evacuado os civis devido a “massacres” cometidos pelos rebeldes sírios, e os choques prosseguem no extremo noroeste da Síria.

Militares turcos posam com sua bandeira nacional em AfrinMilitares turcos posam com sua bandeira nacional em Afrin

Campanha contra as YPG

Em 20 de janeiro, a Turquia lançou uma campanha militar em sua fronteira meridional para eliminar elementos ditos “terroristas”, com o respaldo de rebeldes sírios. Seus alvos eram as YPG e os aliados desta.

Ancara alega que a milícia – parte integral do combate, liderado pelos Estados Unidos, à organização jihadista “Estado Islâmico” (EI) – seria uma extensão do Partido dos Trabalhadores de Curdistão (PKK), classificado pelo Estado turco como terrorista.

Segundo o Observatório Sírio para os Direitos Humanos, mais de 1.500 combatentes curdos já foram mortos desde o início da ofensiva turca. Essa agência de informações sediada na Inglaterra monitora o conflito utilizando uma rede de fontes locais, espalhadas pelo território da Síria.

Curdos protestam em Hannover contra ofensiva turca em AfrinCurdos protestam em Hannover contra ofensiva turca em Afrin

Protestos na Europa

A ofensiva militar de Ancara na Síria desencadeou tensões entre a comunidade curda na Europa, com milhares indo às ruas, em diversos países, para protestar contra a campanha sangrenta. Líderes políticos turcos denunciam uma campanha de limpeza étnica no enclave de Afrin.

“Os curdos estão frente a frente com a carnificina, em múltiplas geografias”, declarou neste sábado Pervin Buldan, copresidente do Partido Democrático dos Povos (HPD), a cerca de 10 mil manifestantes reunidos na cidade alemã de Hannover. O pró-curdo HDP é o terceiro maior grupo do Parlamento turco.

Ao longo da segunda semana de março, mais de 150 mil pessoas deixaram o noroeste sírio, tentando escapar dos choques entre os rebeldes apoiados pela Turquia e os combatentes curdos. As YPG ocupam Afrin desde 2012, quando forças do governo sírio se retiraram da área.

AV/ap,afp,rtr

Fonte: DW

19 Comments

  1. Pingback: Erdogan anuncia tomada de enclave curdo na Síria | DFNS.net em Português

  2. E os Curdos vão pagando o pato, fizeram um bom serviço para a CIA/EUA e agora já podem ser descartados.

    Sds

    • A Máquina Troll says:

      Como diz o ditado….Ou você tem uma estratégia própria ou então é parte da estratégia de alguém……..

  3. Os curdos querem 1/3 do território turco , simplesmente um delirio!
    Erdogan vai desalojar todos eles na marra

  4. Profeta_Lunatico says:

    Os Curdos trocaram o parceiro dono legitimo das terras que lhes falava de ter região curda autonoma por um Vigario invasor das terras que lhes prometeu Liberdade democracia e um Estado.. e na hora H os curdos se fufu.. é so uma clara visão do vigario que muitas tietes adoram abrir as pernas e abanar a bunda!

  5. Os curdos e os poloneses sofrem do mesmo mal. Confiam em seus aliados e acreditam que eles entrarão em confronto contra seus inimigos por honrarem as suas promessas e não por atender pura e simplesmente aos seus (aliados) interesses…

  6. Vá lá EUA…. tire os turcos de lá… rs!

  7. Os Curdos traíram a Síria e os Russos. O governo Sírio sempre protegeu os Curdos e deu autonomia para eles. Aí veio os Estados Unidos com montes de promessas. Além disso, incitou os Curdos a se rebelar contra governo Sírio eles passaram a combater o Exército Sírio.
    Putin tentou negociar com os Curdos a voltar sob influência do Damasco e eles não aceitaram, preferiram a proposta do governo dos Estados Unidos. Putin deu ultimato: vocês voltam sob influência do Damasco ou sofrerão na mão da Turquia. Os Curdos não levaram a proposta a sério e estão sofrendo as consequências hoje.
    A ofensiva da Turquia só aconteceu depois de várias reuniões com a Rússia.Tem muitos acordos secretos por trás disso.

    • Os curdos tem o exemplo dos armenios para não confiar nem em russos, nem em europeus.
      Mas estão ferrados, vão ser o proxima onda de refugiados os que sobreviverem as atrocidades, execuções sumarias e estupros sob ordens do sultão Edorgan e do carniceiro Assad.

  8. Curdos: O proximo genocidio humano. Os Anteriores de yazidis e cristãos na Nigeria e Sudão ha poucos anos passaram despercebidos em plena era da informação por segundos. parece que este por motivos Geo Politicos vai passar também

    • triste ter já como certo e normal as mesmas atrocidades, execuções sumarias e estupros porque são aliados dos EUA e seu interesse em fazer dinheiro para corporações/globalistas pouco se interessando com o mal que podem criar e ainda querer botar a culpa nos sírios que lutam contra um novo genocídio em massa de cristãos na síria e futuramente na libano se asiria cai-se e o controle sobre o terror nos muçulmanos e nos russos que são os que salvaram no passado e protegem a armênia do sonho dos turcos de terminar o seu “problema armênio”(condicionamento pavloviano) e ligar a turquia ao rico em petroleio Azerbaidjão e uma ponte aos povos túrquicos depois do lago Cáspio ate a rica china da onde todos os turquiscos descendem!
      tu devia te envergonhar dessa bira ideológica e esse maniqueísmo barato sobre tudo e ter respeito pelos mortos, ainda mais sendo um descendente de um crime brutal desse com homens ,mulheres e crianças !

      • Isto e verdade, Assad por mais carniceiro que seja sempre protegeu os cristãos Sirios, se ele cair os radicais sunitas vão se banhar em sangue cristão e alauita, e transformar suas filhas em escravas mesmo.

      • Quanse dois milhões de meus antepassados armenios mortos, quase extinção para epoca, isto porque os russos nos salvaram hem?! kkkk
        Os otomanos só pararam quando garantiram a tomada (Roubo) do monte Ararat, e porque a matança tinha ficado cara demais, e presisavam se concentrar na guerra mundial que se arinzontava na epoca.

      • https://en.wikipedia.org/wiki/Caucasus_Campaign venceram o avanso !
        esquece da 1 guerra mundial e que a Russia lutava em outra frentes com a poderosa Alemanha e era os únicos ao lados de armênio que já vinham sofrendo desde o seculo 19 e quanto a grã bretanha e sua guerra estava mais interessada em fatiar os posse soes otomanas(tanto que não o reconhece oficialmente ate hoje como EUA terra da liberdade) quem evita que uma guerra azerbaijao/armênia financiada pela turquia consuma e destrua a armênia e a hoje Russia crista como ante era URSS que não tinha saco para essa “frescura”!

      • esquece que na 1 guerra mundial a Russia ………os Romanov. poderiam ter feito mais sim mas a carnificina da 1 guerra mundia por interesses colonialistas falou mais alto e a abafaram ate hoje e inclusive alimentou a crueldade expansionista de Hitler que quem pagou e venceu foi a Russia !
        “quem se lembra dos armênios”.
        Hitler .

  9. Isso é coisa do ante Cristo! Leiam em Daniel cap.8

shared on wplocker.com