Defesa & Geopolítica

Acordo para aquisição de sistemas S-400 da Turquia pode exceder US$ 2,0 bi

Posted by

E.M.Pinto

Em uma entrevista para agência de notícias TASS, o CEO da empresa estatal ROSTEC, Sergey Chemezov declarou que o contrato para fornecimento de sistemas de defesa aérea S-400 Triumf para a Turquia pode exceder os US$2,0 bilhões.

Envolto em uma tempestade especulações, silêncio e intrigas, o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, anunciou no passado 2 de setembro em Ankara, que havia assinado um acordo com Moscou para efetivar a compra de  sistemas S-400, alegando que já havia feito inclusive um pagamento antecipado.

A informação foi então confirmada semanas depois pelo assessor presidencial russo para cooperação militar e técnica, Vladimir Kozhin, ao informar que a implementação do acordo seria iniciada em muito breve. Por sua vez, esta  foi reforçada pelo lado turco, na pessoa do subsecretário da indústria de defesa, Ismail Demir que confidenciou o início da entrega das baterias para no máximo dois anos.

O S-400 Triumf é o mais recente sistema de defesa antiaéreo de longo alcance em operação na Rússia. Seu histórico remonta a um passado recente, mais precisamente, ao final da década de 1980. O anúncio do programa de desenvolvimento para a então Força Aérea Russa foi feito em janeiro de 1993 e o sistema entrou em testes na secreta base de Kapustin Yar em Astrakhan em 12 de fevereiro de 1999, com a previsão para a sua implantação já em 2001, o que acabou não ocorrendo.

Em 2003, após atrasos e testes com armas balísticas e interceptação de alvos de baixo RCS, tornou-se evidente que o sistema não estava pronto, fato que só veio a ocorrer, após inúmeros embates entre a Força Aérea Russa, os projetistas e construtores do sistema.

Considerado apto em fevereiro de 2004 uma bateria seguiu então para testes contra mísseis balísticos, interceptando com sucesso um míssil 48N6DM atualizado. Após entrega apara avaliação pela força aérea russa, apenas em 2007, é que o sistema foi aprovado para o serviço. Atualmente a Rússia possui 41 batalhões em 21 regimentos os quais são equipados com cerca de 320 lançadores.

Um batalhão S-400 regular consiste em pelo menos oito lançadores com 32 mísseis e um posto de comando móvel. O sistema é projetado para destruir mísseis de aeronaves, cruzeiros e balísticos, incluindo mísseis de médio alcance e alvos de superfície.

O S-400 pode envolver alvos a uma distância de 400 quilômetros e a uma altitude de até 30 quilômetros, esta acapacidade teria sido ampliada recentemente com a introdução de novas armas. Numa controversa declaração, o vice-comandante da Força Aeroespacial da Rússia, Viktor Gumenny, afirmou em abril passado que os sistemas S-400 começaram a receber neste ano, mísseis capazes de destruir alvos no espaço próximo.

Após as suas evoluções as baterias de S-400 passaram a ser desejadas por inúmeros países.

Ainda em 2011 a Bielorrússia anunciou a intenção de compras, cujas entregas começaram em 2015, tendo pelo menos 2 sistemas entregues em  2016. A Argélia por usa vez é um dos usuários do S-400 cujo número de baterias é desconhecido. Porém, como futuros operadores têm-se a República Popular da China que confirmou oficialmente a aquisição de pelo menos seis batalhões, porém especialistas apontam para a execução de outros contratos podendo triplicar a encomenda.

Mais recentemente o Vietnã, Irã a Índia anunciaram negociações avançadas com a Rússia sendo que a Índia já efetivou a aquisição aprovando a compra cinco batalhões, juntamente com 6.000 mísseis do sistema em dezembro de 2015. O Vietnã anunciou a aquisição de 5-6 baterias do sistema e o Irã segue em discussões ainda não aprovadas por Moscou.

Em 2017, Arábia Saudita aderiu ao sistema ao assinar um contrato em outubro de 2017 durante a visita oficial do rei saudita Salman I a Moscou, desta forma a nação Árabe iniciou as conversações para aquisição do sistema de defesa aérea. Dos potenciais operadores, a Armênia havia manifestado interesse no sistema em 2011, mas, de lá para cá pouco o quase nada se ouviu.

Recentemente, o Egito iniciou negociações assim como o Bahrain. Já o Cazaquistão, encontra-se em fase de implantação de um sistema de defesa aérea conjunto com a Rússia que contempla o uso das baterias de S-400 para defesa aérea.

O conteúdo deste artigo é de total responsabilidade do autor e não representa, necessariamente, a opinião do site.

27 Comments

  1. Pingback: Acordo para a quisição de sistemas S-400 da Turquia pode exceder US$ 2,0 bi | DFNS.net em Português

  2. ………talvez a Armenia não tenha porque o Azerbaijão tbm queira e assim os russos fiquem numa situação difícil….eles já devem ter uma versão mais atualizada do S-400 e por isso vendem até à Arábia Saudita….a Turquia vai conseguir comprar em troca da passagem dos gasodutos da Gazprom por seu território e até a Venezuela dispõe de S-300 enquanto Pindorama “não pode” pagar o Pantsir …………..

  3. A versão de exportação do S 400 é bem limitada comparada com a que Russia possui. Eu li no Sputnik que essa versão chega no máximo a 300km

    • Fico imaginando se os russos colocasse essa tecnologia como as dos sistemas S-400/S-500 … embarcados em navios ou até em submarinos, em grandes submarinos … com eles já fazem com misses… isso é se já não fazem .
      .
      O tempo de resposta ..já perto do pais alvo como por exemplo, os EUA .. seria muito menor,daria só o tempo para os nativos coçarem a cabeça . .

  4. A Odebrecht estava negociando licença para reproduzir ele aqui do o nome de “Paraná”.

    • Sabe de nada inocente….tudo o que a empreiteira “cúmpanhêra” estava planejando era (mais) um assalto ao Estado em conluio com os petralhas, preferencialmente usufruindo de alguma mamata junto ao BNDES

      • Acabou de Falar o doutoRR em phDrr em : corrupção, PT,LULA,petralhas,Dilma,as novelas da globo ,… etc etc …..HAHAHAH ..mas quando é para falar alguma coisa de S-500,S-400,sionismo,comunismo,socialismo,antissemitismo, etc … ai para ele, todo mundo é inocente,burro,não sabe de nada ..rsrsr ..só ele é o entendido por aqui …HAHAHAHA…esse paneleiro realmente é um verdadeiro spexfsalista em TUDO ! ..HAHAHAH

  5. Profeta_Lunatico says:

    Tal como os dados tecnicos e operacionais do S-300 antigos caio nas mãos dos EUA vender o S-400 a A.Saudita Turquia e India é um convite aos EUA. A não ser que os sistemas de radares sejam diferentes ou inferiores .
    Quanto a Republica da Mandioca. Qual a verdadeira razão da Mandiocalandia não ter um sistema anti aereo medio longo alcance? Sera pk teria que ser usado e controlar as avionetas carregadas de pó e maconha das fazendas de certos ministros e militares? Para que ter Gripen se não ha um sistema de radar e dissuasor? Melhor escolha o S-300ultima versão ou o Sul Koreano Choelmae copia evoluida do S-300

  6. Se for colocar na ponta do lápis, a Rússia deve pagar todo o custo de desenvolvimento dos seus projetos militares com essas vendas a países estrangeiros.

    Já a implantação do S-400 no Cazaquistão me faz pensar algo que eu já tinha imaginado antes e que duvidava um pouco. A Russia tem bases do Tajikistão e no Quirguistão, nesse primeiro país é uma divisão motorizada completa e no segundo uma base com Migs-29…

    No Cáucaso (Armenia e Abkhazia) eles ainda tem a desculpa da Turquia, da instável Chechênia e da Geórgia para manterem 2 esquadrões de caça com Migs29 e uma Divisão de Rifles (provavelmente motorizada)… mas e essas bases da Asia central? Sempre pensei na China como 1ª explicação, mas existe uma outra, pouco mais mirabolante…

    Quero dizer o seguinte, desconfio que os estrategistas do Kremlin ainda contam com a eventualidade de ser instituido um análogo capitalista da União Soviética, uma espécie de Confederação Eurasiana.

    Óbvio que existe a possibilidade, existe uma unidade cultural através da igreja ortodoxa e do alfabeto cirílico, a região ainda é “russificada”, mas eu sempre achei essa possibilidade muito remota até o presente momento com essas movimentações russas e o Anti-Globalismo do Trump.

  7. Só falta o Brazil, um para cada Sindacta e 1 para o Sivam.

    • A Máquina Troll says:

      vc não sabe de nada meu amigo …vc esta por fora….a nação agora esta segura e protegida por completo com o nosso airi domi da Saabida……rs…. 😀

  8. Este sistema de defesa AA russo é bom más se for comprar deles seria melhor alguns helis de ataque, do meu ponto de vista o melhor custo beneficio.

  9. Cesar A. Ferreira says:

    O bom retorno que uma Base Industrial de Defesa desenvolvida e madura proporciona a sua nação…

    • Enquanto isso aqui em Banânia a Mectron foi para o vinagre posto que sua controladora, a famigerada empreiteira “cúmpanhêra”, tratou logo de se livrar da mesma assim que foi atingida pela Lavajato. Isso mostra o quão danoso, eu diria criminoso até, foi a “jenial” ideia de colocar as empreiteiras do cartel que assaltava o Estado no mercado de defesa…

      • MINISTÉRIO DA TRANSPARÊNCIA CONGELA INVESTIGAÇÕES DA LAVA JATO
        .
        A suspensão de investigações da Lava Jato tem sido um padrão no Ministério da Transparência de Michel Temer; onze empresas suspeitas de corrupção, a maioria alvo da Lava Jato, tiveram processos administrativos de responsabilização (PARs) congelados com a justificativa de que vão negociar colaborações, segundo dados da própria pasta; porém, até agora, só uma, a UTC Engenharia, chegou a um termo com o governo; a Transparência não divulga os nomes, alegando sigilo; o TCU, que investiga os procedimentos do órgão, entende que a pausa não tem amparo legal e favorece indevidamente as empresas e pode resultar na prescrição dos crimes
        .
        *******************
        UÊ … não entendi? .. logo você ..o S-88 chamar o braZil de banânia ..rsrsr .. já vai chamar o braZil de puntênfia .. não era assim que você chamava o Brasil antes do golpe .. seu golpista de meia tigela .
        .
        Essa VAZAJATO … foi só uma forma dos trambiqueiros, como o golpista do Miché, tomarem o poder e os idiotas incautos saírem a rua com o nariz de palhaço e baterem panelas.
        .
        Hoje os trambiqueiros golpistas … venderem o pais a preço de banana para os grande conglomerados petrolíferos e os banqueiros internacional sionistas se locupletares com o espolio do golpe .
        .
        **********************
        .
        Brasil treina para criar base militar com EUA, Colômbia e Peru na Amazônia
        .
        As Forças Armadas do Brasil estão organizando um exercício militar na selva amazônica em parceria com forças dos Estados Unidos, da Colômbia e do Peru, para simular a criação de uma base militar multinacional para atender possíveis emergências humanitárias; um dos objetivos do exercício é treinar militares e criar diretrizes para oferecer assistência humanitária para eventuais ondas de imigrantes que deixem a Venezuela ou a Colômbia, segundo o general Guilherme Cals Theophilo Gaspar de Oliveira, comandante logístico do Exército

        • A Máquina Troll says:

          “LUCENA… VALEU GOLPISTAS

          3 de novembro de 2017 at 7:34

          Brasil treina para criar base militar com EUA, Colômbia e Peru na Amazônia
          .
          As Forças Armadas do Brasil estão organizando um exercício militar na selva amazônica em parceria com forças dos Estados Unidos, da Colômbia e do Peru, para simular a criação de uma base militar multinacional para atender possíveis emergências humanitárias; um dos objetivos do exercício é treinar militares e criar diretrizes para oferecer assistência humanitária para eventuais ondas de imigrantes que deixem a Venezuela ou a Colômbia, segundo o general Guilherme Cals Theophilo Gaspar de Oliveira, comandante logístico do Exército”

          a cada dia que passa a presença militar dos eua na Amazônia colombiana vai se ampliando….e assim disfarçadamente/discretamente vão pondo em ação uma maciça intervenção armada dos eua na Amazônia sul americana…

          os eua já possuem numerosas bases militares operando no território da América do sul e em ilhas próximas num verdadeiro “cordão sanitário” composto por 20 guarnições em torno da Amazônia brasileira…a pretexto de estrangular o narcotráfico na região esta gente já tem estabelecido na América do sul uma rede de 17 bases terrestres de radar…3 no Peru, 4 na Colômbia e o restante é “móvel e em local secreto”….

          O Brasil é um dos poucos países da região onde ainda não existem bases, guarnições ou pistas de pouso estadunidenses….Alcântara será a primeira…rs…

          Invasão estrangeira na Amazônia :

          https://www.youtube.com/watch?v=IFtbMo9T21Q

  10. _Queria no Brasil esse sistema de defesa aérea de mísseis.
    Fronteira com a Venezuela, duas bases de apoio, e uma em MG, e SP, e Guiana Francesa, por causa dos Venezuelanos.

  11. A Máquina Troll says:

    “Dudu
    2 de novembro de 2017 at 18:17

    A Odebrecht estava negociando licença para reproduzir ele aqui do o nome de “Paraná”.

    Cesar A. Ferreira
    2 de novembro de 2017 at 20:36

    O bom retorno que uma Base Industrial de Defesa desenvolvida e madura proporciona a sua nação”

    Por quê os grandes problemas deste pais nunca são resolvidos ???

    Resposta: Porquê tem gente ganhando muuuuito dinheiro com isso…

    para que uma nação se mantenha no cabresto e sob a exploração de alguma potencia corsária estrangeira é fundamental que esta seja mantida combalida e sub-armada…pois contra uma nação forte, coesa e bem armada isso não é possível…é do interesse de alienígenas que nosso pais se mantenha sempre combalido e sub-armado pois em países bem armados e fortes não se consegue por correia…

    • A Máquina Troll says:

      se desenvolverem a indústria e tecnologia nacional acaba os “isquema” e criamos concorrência …não ficamos mais dependentes das sucatas/porcarias estrangeiras superfaturadas que nos empurram goela abaixo…nossos “irmãos e amigos do norte” perdem a correia e o monopólio que detém sobre nós e o nosso mercado consumidor…é por isso que tem que sabotar e desmantelar…como estão fazendo com o nosso programa espacial…somos entubados e mantidos com sucatas estrangeiras de terceira mão em esquemas de corrupção e cartas marcadas onde só sugam a nossa sociedade e todo lucro é depositado no exterior…o mais triste é o conluio dos que deveriam zelar pela soberania deste pais com tudo isso…É triste uma nação de gente apátrida, traidora e corrupta…sem vergonha na cara…essa é a república dos bananas…

    • A Máquina Troll says:

      Pais com canalhas traidores no poder jamais terá futuro…enquanto não extirparmos estas desgraças do comando do pais seremos eternamente explorados por estrangeiros que nos querem apenas pra roubar nossas riquezas e explorar o nosso mercado consumidor…SE FIZERMOS UMA PESQUISA VEREMOS QUE APESAR DO GRANDE POTENCIAL E INTELIGÊNCIA QUE EXISTE EM NOSSO PAIS…AO MESMO TEMPO EXISTE UM ESFORÇO DESCOMUNAL PARA BARRAR O NOSSO DESENVOLVIMENTO TAMBÉM E COM A PARCERIA DOS TRAIDORES DE BRASÍLIA…BANDO DE VAGABUNDOS QUE JAMAIS DEVERIAM ESTAR NO CONTROLE DESTE PAIS!..COM ESSES DESGRAÇADOS SÓ O QUE SE VÊ NO PAIS SÃO RUÍNAS…SÍMBOLO DA MENTE DESSES BANDIDOS!!!!!..

  12. Ninguém aguenta mais esse chororô da esquerda nos comentários!

    tem o controle do país nas mãos (congresso, senado, mídia, educação do país baseado nos estudos do Paulo mer#$% Freire, sindicatos, classe dOzartistas com sua forte influência) e ainda sim não se entendem, ficam brigando e chorando da própria incompetência de governar o país, patéticos !!

    essa frase é perfeita pra definir a nossa esquerda controladora

    “O brazil é uma Ferrari pilotada por macacos!”

    máquina troll

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

shared on wplocker.com