Defesa & Geopolítica

Centro de Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica da Marinha do Brasil recebe alunos do CAAML

Posted by

Aula inaugural

O Centro de Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica da Marinha do Brasil (CDefNBQR-MB) recebeu, no dia 5 de fevereiro, a visita dos alunos da Turma I do Curso Especial de Defesa NBQR (C-ESP-DefNBQR), do Centro de Adestramento Almirante Marques de Leão (CAAML).

O C-ESP-DefNBQR tem como propósito habilitar oficiais e praças da Marinha do Brasil, das demais Forças Armadas e Auxiliares brasileiras para o exercício das funções relacionadas à Defesa NBQR, atendendo, assim, às demandas da Marinha do Brasil (MB). São elas: no primeiro nível, um militar, por organização militar, formado em Defesa NBQR, com o intuito de assessorar o comandante nas medidas iniciais de resposta a emergências NBQR, bem como fornecer treinamento para a tripulação; no segundo nível, uma equipe de resposta NBQR, na área de jurisdição de cada Distrito Naval, à exceção do Com1ºDN; no terceiro nível, a Companhia de Defesa NBQR do Batalhão de Engenharia de Fuzileiros Navais, destinada para atuação na área do Com1ºDN e em todo território nacional; no quarto nível, o Batalhão de Defesa NBQR de ARAMAR e futuramente o Batalhão de Defesa NBQR de Itaguaí (RJ), destinados às áreas nucleares; bem como o CDefNBQR-MB, que visa a coordenar e integrar as atividades de Defesa NBQR no âmbito da MB.

Turma I -2018 do C-ESP-DefNBQR

Na ocasião, o Comandante do CDefNBQR-MB, Capitão de Mar e Guerra, fuzileiro naval, Márcio da Mota Xerém, falou sobre o Sistema de Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica da MB, durante a aula inaugural do curso. Em seguida, foi realizada uma visita ao Laboratório Móvel de Defesa Química e Biológica – destinado a identificar possíveis compostos químicos tóxicos ou agentes biológicos, em um teatro de Operações – e às instalações do Laboratório Fixo de Análises Químicas (em processo de adequação), que terá como objetivo a identificação, a nível forense, da presença de agentes químicos tóxicos decorrentes de um acidente ou, ainda, uso intencional.

Fonte: MB

2 Comments

  1. Pingback: Centro de Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica da Marinha do Brasil recebe alunos do CAAML | DFNS.net em Português

  2. BLUE EYES, NA RESISTÊNCIA says:

    O Brasil precisava de um Sistema de Defesa Nuclear, Biológica, Química e Radiológica que de amparo ao enfrentamento do maior mal que assola o mundo atual, o terrorismo internacional, alimentado pela desestabilização dos governos locais com fins inconfessáveis… a Colômbia que o diga… décadas sendo massacrada pela farc terrorista… ótima iniciativa de reestruturação de um serviço ímpar para nossa segurança interna…

shared on wplocker.com